Traçar e fazer curvas - noções teóricas para curvar em segurança
#91

(08-03-2017 às 14:11)LoneRider Escreveu:  Se fizeres um curso de condução FZ, vai ver que boa parte do que disseste não é tanto assim.

Porque tens que travar forte?
Se anticipares bem a curva podes nem ter que travar.
Uma coisa é curvar em segurança, outra coisa é uma condução desportiva.
Coisa que poucos aqui neste fórum podem dar-se ao luxo de saber fazer.
O meu conselho que só ando à volta na rodinha do hamster: acelerar mais e travar menos

[Imagem: e2efb994330cda66de357c04cbbe67d6.jpg]

Enviado do meu SM-A310F através de Tapatalk
Responder
#92

(08-03-2017 às 15:58)LoneRider Escreveu:  
(08-03-2017 às 14:40)quatropiscas Escreveu:  Da minha experiência, o primeiro passo é encostar a mota na berma, tirar o capacete e esperar que o Lonerider passe. Quando ele vier, observar com muita atenção.

Exagerado! shy

Pessoal que fazer se a mota, depois de passar o ponto de contacto ou de inflexão da curva a moto começa, muito suavemente s derrapar?
In case of doubt gas it out. Pelo menos acabas com o suspense.

Enviado do meu SM-A310F através de Tapatalk
Responder
#93

(10-03-2017 às 09:16)Duke Escreveu:  
(08-03-2017 às 14:11)LoneRider Escreveu:  Se fizeres um curso de condução FZ, vai ver que boa parte do que disseste não é tanto assim.

Porque tens que travar forte?
Se anticipares bem a curva podes nem ter que travar.
Uma coisa é curvar em segurança, outra coisa é uma condução desportiva.
Coisa que poucos aqui neste fórum podem dar-se ao luxo de saber fazer.
O meu conselho que só ando à volta na rodinha do hamster: acelerar mais e travar menos

[Imagem: e2efb994330cda66de357c04cbbe67d6.jpg]

Enviado do meu SM-A310F através de Tapatalk

Reparem bem onde o Duke tem os olhos postos.
Dá a sensação de que está a olhar para o lado contrário em que vai a mota.
Na realidade, está a olhar para a saída da curva. Ao olhar desta forma todo és espaço entre o horizonte e a mota já foi visualizado e "escaneado" permitindo anticipar qualquer obstáculo e optimizar a trajectória.
Quero recalcar este pormenor porque é um erro muito comum dos principiantes (olhar para o chão) e as vezes trás algum dissabor!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#94

(10-03-2017 às 04:30)LoneRider Escreveu:  
(10-03-2017 às 02:16)RJVieira Escreveu:  Bem, não percebo muito da coisa de curvas a rasgar, até porque não tenho mota para essas aventuras... mas há maneira de virar sem o tal counter-steering? Pelo que me parece, a mota, faz o counter-steering de modo natural a curvar... porque se bloquearmos o volante em linha recta, a mota basicamente não vira...

Um abraço.

Vou-te contar uma história....
Tinha a Artax à pouco tempo e meti-me no meio de um grupo de pessoal do Enduro.
Tudo muito calminho diziam eles.
O objectivo era fazer uns trilhos e passar uns obstáculos suaves, diziam eles.
É pá metemo-nos por uns trilhos a subir o monte, como se fosse uma espiral, que se desviava dos pinheiros e pedras aos "ésses" e os gajos pareciam possuídos pelo demónio.
Em menos de nada estava sozinho.
Como é que eles conseguem ir tão rápido por um caminho que não tem 50cm de largura!?
Foi então que o Edmundo, um gajo batido no Enduro, me explicou :

-Levanta-te da mota, olha em frente e quando quiseres virar a mota alivia o pé do lado contrário ao da curva. Basta aliviar o peso do pé, vais ver que a mota vira.

E é verdade.
Fui para uma zona industrial praticar com as minhas amigas linhas descontinuado funciona catano!
Até já faço oitos à pala disso!

Ricardo tu prática e vais ver que é curtido, e para andar por caminhos da uma segurança do Katano!

Como é que se faz isso numa moto como a Dorothy!?
Normalmente o pé exterior à curva vai "morto" e o de dentro apoia todo o peso do corpo.
Experimentem tensionar os músculos dessa perna sem chegar a levantar o corpo. Não vai ser o vosso peso pendurado na mota, mas sim o vosso peso exercendo força na mota, comprimindo suspensões e pneus. Em suma, mais rápido e mais inclinação porque tens um centro de gravidade mais baixo.

Isto para o amigo Caroço seria o que se poderia chamar como "Coicing"! blink

Vou experimentar  blink  Estamos sempre a aprender, independentemente dos km's feitos ;blink

Um abraço.
Responder
#95

Há um "teste" que eles fazem na Califórnia Superbike School, onde te põe a tentar virar uma mota com um segundo guiador fixo, onde deves agarrar (para não dares input à direcção) e tens de governar a mota apenas com o "peso" nos poisa-pés e com a posição do corpo.

Long story short: 90% é counter-steering, e sem isso não vão a lado nenhum...

Enviado do meu SM-A310F através de Tapatalk
Responder
#96

Tudo a meter os amortecedores de direcção no máximo e fazer testes devil
Responder
#97

(10-03-2017 às 10:59)mr_trecolareco Escreveu:  Tudo a meter os amortecedores de direcção no máximo e fazer testes  devil

Na R1, com vinte posições nunca passei do 8 para cima...
Responder
#98

O amortecedor de direcção da minha moto não é regulável! shy

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#99

Não façam isso pq depois não as metem direitas. Um clique a mais na minha é o suficiente para me atrofiar em pista

Enviado do meu SM-A310F através de Tapatalk
Responder

(10-03-2017 às 11:22)Duke Escreveu:  Não façam isso pq depois não as metem direitas. Um clique a mais na minha é o suficiente para me atrofiar em pista

Enviado do meu SM-A310F através de Tapatalk

Se na estrada se nota, em circuito...
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)