Espírito Motard

Lwillow

á quanto tempo andas de moto ???

" respeito motard "  ?????? , disse o gajo , mas cheira-me que começas-te neste mundo ao mesmo tempo que o facebook...

eu nos dois anos que ando nisto ( desde os meus 12) sempre ouvi falar no espirito motard , derivado de o facto de em todos os filmes que passavam desde o Charlie Chaplin , o gajo da moto era sempre o criminoso , designação criada pelos meninos da cidade que nem de bicicleta andavam para não esfolar os joelhos porque depois não tinham aparência vistosa quando vestiam calções quando passeavam nos seus carros tipo fords t esquecendo-se que os meios de transporte rurais eram os veículos de duas rodas...
manientos como sempre , os ricos da cidade , cada vez que iam a aldeia e se julgavam os maiores , levavam umas belas tapas no focinho , dos gajos das bicicletas e dos a motor , onde fugiam assim que a policia chegava ( sim , porque os meninos ricos já naquela altura a policia respeitava e não maltratava , tal e qual como ainda hoje é assim )

pelos filmes e pelos meninos da cidade , vulgos políticos, o motoclista foi sempre considerado o criminoso vulgo "feio porco e mau " (obs : da minha parte com muito gosto e prazer)  

ora por sermos considerados isso , foi-se criando um ambiente de companheirismo , solidariedade  e apoio , onde sempre se cultivou o : parar para ajudar o companheiro , e isso foi transmitido de geração a geração , alguns ainda respeitam , outros deturparam e outros dizem que o fazem  e não fazem nada.

mas concluindo , isto não é uma lei , nem uma regra , e muito menos obrigatório , mas era uma verdade .

eu já ajudei , e já fui ajudado ao longo destes 2 anos ( desde os meus 12) e acredita que falha minha sempre foi o esquecer-me de meter gasolina , e nunca arrastei nenhum veiculo em pelo menos umas 200 vezes que fiquei sem gasolina ( chamei a assistência em viagem que é de borla ) nos casos que não apareceram companheiros...


quanto ao felix , lamentalvelmente o único que posso dizer é chamar-lhe de BURRO com três BBB , porque tem o numero da maioria dos companheiros do tempo dele que participam aqui no fórum e bastava ligar para um deles arrancar para o desensrascar ...

acho que ele ate pensou nisso , mas como orgulhoso que e e betatester dos espíritos e convenções , fez de propósito só para ver quem parava ou se o compareinhismo dos nossos tempos ainda estava de pé , mas não deixou de ser burro , porque ele até trabalha na área das " assistências de viagem ".

no entanto fico deveras contente...

alguém neste fórum escreve mais do que eu , eu escrevia testamentos , tu escreves livros...

lolmeu companheiro e irmão ( ou talvez seja adequado dizer ... avô...)

felix , vai-te queixar pró...  fodei-vos
Responder

(04-09-2017 às 00:01)Caroço Escreveu:  eu já ajudei , e já fui ajudado ao longo destes 2 anos ( desde os meus 12) e acredita que falha minha sempre foi o esquecer-me de meter gasolina , e nunca arrastei nenhum veiculo em pelo menos umas 200 vezes que fiquei sem gasolina ( chamei a assistência em viagem que é de borla ) nos casos que não apareceram companheiros...

Ninguém fica para trás. troll angel tong
Responder

Caroço,
Não fui eu que escrevi aquele 'sermão', se tivesses prestado atenção eu disse que tinha ido buscar aquele texto ao facebook de outro tipo . Apenas o copiei e publiquei aqui para 'agitar as águas' e colocar mais algumas 'achas à fogueira' do tema do tópico . 
Mas repito que até concordo com algumas das 'azias' daquele sujeito . Há também muito 'show-off' e 'bimbalhice' metida pelo meio desse tal 'espírito motard' assim como muita 'conversa da treta' e 'fardas a condizer' .
No fundo acho que o que tu valorizas nesse tal 'espírito motard' é o que eu e muita gente valoriza na vida do 'dia-a-dia' :  amizade genuína, companheirismo, personalidade de 'boa onda' , solidariedade, convívio , evasão, aventura , .... , mas isso é uma postura 'universal' e não 'propriedade dos motociclistas' . 
Encontras esse mesmo espírito de 'tribo' noutros grupos unidos em torno de outros 'hobbies' /'paixões'/ actividades/ ... como o pessoal do surf, das moto4 , dos jipes , do montanhismo, etc, etc, etc, . O 'espírito' é o mesmo só que ...'cada um com a sua mania' , a dos motociclistas é mais uma , para os apaixonados das motas é O VERDADEIRO e O MELHOR , mas é apenas DIFERENTE (e com muitos 'cromos' também 'à mistura' , alguns deles uma boa.... poop !). 
Resumindo : eu não dou logo 'vantagem' a um gajo só porque anda de mota  ou usa um colete cheio de chachás , etc, . e acho que andar a apregoar a bíblia do 'espírito motard' é andar a 'vender banha-da-cobra' , o que verdadeiramente conta é a pessoa 'em si' ... e depois , se gostar de andar de mota ... ainda melhor ! blink
Responder

(04-09-2017 às 01:08)LWillow Escreveu:  Caroço,
Não fui eu que escrevi aquele 'sermão', se tivesses prestado atenção eu disse que tinha ido buscar aquele texto ao facebook de outro tipo . Apenas o copiei e publiquei aqui para 'agitar as águas' e colocar mais algumas 'achas à fogueira' do tema do tópico . 
Mas repito que até concordo com algumas das 'azias' daquele sujeito . Há também muito 'show-off' e 'bimbalhice' metida pelo meio desse tal 'espírito motard' assim como muita 'conversa da treta' e 'fardas a condizer' .
No fundo acho que o que tu valorizas nesse tal 'espírito motard' é o que eu e muita gente valoriza na vida do 'dia-a-dia' :  amizade genuína, companheirismo, personalidade de 'boa onda' , solidariedade, convívio , evasão, aventura , .... , mas isso é uma postura 'universal' e não 'propriedade dos motociclistas' . 
Encontras esse mesmo espírito de 'tribo' noutros grupos unidos em torno de outros 'hobbies' /'paixões'/ actividades/ ... como o pessoal do surf, das moto4 , dos jipes , do montanhismo, etc, etc, etc, . O 'espírito' é o mesmo só que ...'cada um com a sua mania' , a dos motociclistas é mais uma , para os apaixonados das motas é O VERDADEIRO e O MELHOR , mas é apenas DIFERENTE (e com muitos 'cromos' também 'à mistura' , alguns deles uma boa.... poop !). 
Resumindo : eu não dou logo 'vantagem' a um gajo só porque anda de mota  ou usa um colete cheio de chachás , etc, . e acho que andar a apregoar a bíblia do 'espírito motard' é andar a 'vender banha-da-cobra' , o que verdadeiramente conta é a pessoa 'em si' ... e depois , se gostar de andar de mota ... ainda melhor ! blink
 Eu quando era miúdo, gostava muito das claquices, coisa que ainda vou espreitando, pois é algo que me fascina, é o espectáculo fora das quatro linhas, na bancada. Era um fedelho que para ser diferente dos da minha idade, como não podia ser rebelde e andar de moto, virei-me para esse "lado".  Desde ir para Itália só com a roupa no corpo, com uma faixa de baixo dos braços, ou roubar extintores para fazer fumaradas..eheh
Bem, aprendi muita coisa e a conclusão que tiro, e como qualquer sub-grupo há aquilo que acima o caro 
LWillow enuncia, show-off e muita bimbalhice. As pessoas não sabem ser low-profile, precisam de se anunciar ao Mundo, para que os restantes reparem e vejam que ele está ali e que merece toda a atenção que podem dar.
Sinceramente, não pertenço a nenhum grupo, não faço ideias de pertencer, penso por mim próprio, visto-me como quero, se tiver que ir a um evento da malta de camisa de flanela vou, se tiver que ir a Faro e encontrar "azeiteiros" também o faço. Grupos? Nunca mais!  Seleciona-se a malta bacana e esses passam a ser amigos, o resto que se foda.
Responder

(02-09-2017 às 13:54)LoneRider Escreveu:  Já ando a treinar para ser um verdadeiro (mdm).

Nem sei porque insistem em correr contigo dos forums de tenrinhos...
Até já tens a indumentaria!!!!

(02-09-2017 às 16:02)n00b1e Escreveu:  Há algumas regras "não-escritas", sim. Por vezes também são conhecidas por "bom senso".  

Ou idiotice de condutor ocasional.
Ter que engonhar atrás de carneirinhos quando há espaço livre entre outras faixas não é muito diferente de ir atrás dos carros!
Além de que todos sabemos que existe uma cultura de circular ao centro ou esquerda. O que faz com que normalmente até seja entre as faixas mais à direita (inclusive esta) que está mais livre, apenas com o handicap de haver mais carros a mudar de faixa.

(04-09-2017 às 00:01)Caroço Escreveu:  quanto ao felix , lamentalvelmente o único que posso dizer é chamar-lhe de BURRO com três BBB , porque tem o numero da maioria dos companheiros do tempo dele que participam aqui no fórum e bastava ligar para um deles arrancar para o desensrascar ...

Não ia meter ninguém a fazer a vasco da gama só por isso!
Se fosse a subir ou aparecesse a bofia a impedir-me de continuar a empurrar chamava a assistência em viagem.
Assim fiz uma aula de cardio.
Deu pra soltar o carvão do pulmão.
Responder

(04-09-2017 às 09:57)dfelix Escreveu:  
(02-09-2017 às 16:02)n00b1e Escreveu:  Há algumas regras "não-escritas", sim. Por vezes também são conhecidas por "bom senso".  

Ou idiotice de condutor ocasional.
Ter que engonhar atrás de carneirinhos quando há espaço livre entre outras faixas não é muito diferente de ir atrás dos carros!
Além de que todos sabemos que existe uma cultura de circular ao centro ou esquerda. O que faz com que normalmente até seja entre as faixas mais à direita (inclusive esta) que está mais livre, apenas com o handicap de haver mais carros a mudar de faixa.

Sim, até porque não existem condutores(as) ocasionais dentro dos carros.   angel

Nas ruas de Portugal e arrabaldes apenas circulam os que estão constantemente a verificar os espelhos dos dois lados para se certificarem que, ao "darem um jeitinho" ao carneiro-mor que resolveu começar a "rasgar" pela direita, não entalam o cordeirinho que já vinha lá de trás a filtrar pela esquerda... Méééééé!...  devil  lol

tong

[Imagem: wrong-bike.jpg]
Responder

Sim... "bom senso" é ir entre as faixas mais à esquerda a buzinar e gesticular com tudo o que é automobilista quando á direita há espaço com fartura! lol
Responder

(04-09-2017 às 11:26)dfelix Escreveu:  Sim... "bom senso" é ir entre as faixas mais à esquerda a buzinar e gesticular com tudo o que é automobilista quando á direita há espaço com fartura!  lol


Pois!... Esse!... Ou o outro mais básico que seria "aguentar" só assim um bocadinho os "cavais" atrás de quem já vai a filtrar em vez de ir gesticular e buzinar para o meio das outras faixas atirando com os carros para cima de quem já ia do outro lado...  blink

Só por graça...

Da próxima vez que andares de carro no meio do transito e fores ultrapassado entre filas por 2 rodas (de qualquer graduação  tong ) faz um pequeno "rewind" mental do que acabastes de fazer dentro do carro.
É que há uma grande probabilidade de (mais ou menos inconscientemente, dependendo do grau de surpresa que tiveste) teres executado 2 acções quase simultâneas.
A primeira foi o desviar o carro mais ou menos acentuadamente para o lado contrario à ultrapassagem que acabaste de sofrer e a segunda foi o olhares para o retrovisor exterior do lado da ultrapassagem.
Em resultado disto toda a tua atenção, neste momento, está focada nesse lado. Agora bota aí um carneirinho ou carneirão, (whatever!), a filtrar simultaneamente do outro lado e puxa um bocadinho (só mesmo um niquinho) pela imaginação...

Mééééé!...  tong blink

[Imagem: wrong-bike.jpg]
Responder

A propósito do (alegado) "espírito motard", do cumprimento em "V" e do melindre de alguns em não fazer ou de não o receber em troca, encontrei isto no FB...

(está um inglês, pelo que usei uma tradução rápida feita pelo Google Translator e acertando um ou outro termo. Pode existir assim uma ou outra "falha")
_____________________________________________

Os dez principais motivos pelos quais os motociclistas em Harley-Davidson não fazem o cumprimento em V

10. Medo de invalidar a garantia.
9. Couro e pregos tornam muito pesado para levantar o braço.
8. Recusa a acenar para alguém cuja moto já esteja paga.
7. Medo de soltar o guiador, e aumentar o nível de vibração.
6. O vento forte pode fazer crostas nas novas tatuagens.
5. Irritação porque acabou de contratar uma segunda hipoteca para pagar imposto de luxo na nova Harley.
4. Ter descoberto nas letras miúdas no manual do proprietário que a Harley-Davidson pertence parcialmente à Honda.
3. Não há certeza se os outros motociclistas estão cumprimentado ou apenas tentando cobrir os ouvidos.
2. Lembrar-se que da última vez em que um condutor de Harley acenou de volta, enfiou a mão nos cornos do capacete.
1. Cansaço extremo para levantar os braços depois de passar horas polindo todos os cromados.

Os dez principais motivos pelos quais os motociclistas em Gold-Wing não fazem o cumprimento em V

10. Não terem certeza se outro motociclista estava cumprimentando ou fazendo um gesto obsceno.
9. O medo de poder ficar congelado se a mão for removida do punho aquecido.
8. Tem artrite resultado da idade e os últimos 400 quilómetros já tornam difícil levantar o braço.
7. O reflexo do para-brisas momentaneamente o cegou.
6. A máquina de café expresso acabou de terminar de tirar o café.
5. Estava dormindo quando o outro motociclista cumprimentou.
4. Ia a realizar uma tele-conferência com o corrector da bolsa e o revendedor de acessórios.
3. Não ter certeza se a sua moto será confundida com um automóvel.
2. Ajustava simultaneamente a suspensão pneumática, a altura do assento, o CD player programável, a temperatura do assento e o sistema de navegação por satélite.
1. Não foi possível encontrar o botão "cumprimento automático de retribuição" no painel.

As dez principais razões pelas quais os motociclistas em super-desportivas não fazem o cumprimento em V

10. Eles não andam tempo suficiente de moto para saber que isso existe.
9. Eles estão indo rápido demais para ter tempo suficiente para registar o movimento e responder.
8. Você não estava usando roupas brilhantes o suficiente.
7. Se eles esticarem o braço muito rápido, arrancarão a bota.
6. Eles estão muito ocupados tentando se livrar das chicken-stripes.
5. Não querem desiquilibrar-se enquanto estão pendurados no depósito.
4. Seus fatos em pele de Kevlar-balística-nylon-canguru-couro impedem qualquer posição que não seja fetal.
3. Levantar um braço permite que os insetos entrem pelas suas camisolas de manga cava.
2. Qualquer movimento inesperado irá quebrar o coeficiente aerodinâmico.
1. Estão muito ocupados colocando o chinelo de volta.

As dez principais razões pelas quais os motociclistas em BMW não fazem o cumprimento em V

10. O novo fato Aerostich é muito rígido para levantar o braço.
9. Remover uma mão do guiador é considerado "má forma".
8. Sua moto não é estranha o suficiente para justificar o reconhecimento.
7. Muito dorido depois de um dia de 800 km em assento "confort".
6. Muito ocupado programando o GPS, monitorizando o radar, ouvindo o ipod e falando ao telefone.
5. Ele é um piloto de traseiro de aço e você não!
4. Os fios do vestuário aquecido Gerbing são muito curtos.
3. Você não está conduzindo o "tipo certo" de BMW.
2. Você não foi apresentado formalmente.
1. Medo de que seja mal interpretado como um gesto amigável.
Responder

lol lol lol

Top!
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 2 Visitante(s)