Traçar e fazer curvas - noções teóricas para curvar em segurança

(10-03-2017 às 22:53)n00b1e Escreveu:  
(10-03-2017 às 20:58)JoaoGuerr4 Escreveu:  Gozam com ele,mas o que é facto que só este vídeo já tem mais de 1.000.000 de visualizações. E o Cager s€mpr€ a somar ...

E acabou de ganhar mais um click porque só depois do clip começar é que percebi quem era a "prenda"...  dead

(10-03-2017 às 21:53)Duke Escreveu:  Mas a explicação dele do counter-steering está top

E não a queres resumir aqui para a gente? É que não há pachorra para me arriscar a ouvir o puto a berrar que nem um desalmado para o pobre do mike de cada vez que sente uma brisa a soprar-lhe mais depressa nas orelhas...  censored

DQQM, o melhor clip que alguma vez já vi sobre este tema foi postado neste fórum, (já não sei por quem ou onde, sorry!  shy ), e aproveito para o repetir aqui nesta thread apesar de "só" ter menos de 45.000 visualizações:


(11-03-2017 às 02:54)JoaoGuerr4 Escreveu:  Estive a reler o tópico e em momento algum alguém aqui referiu que o número de visualizações de um vídeo contribui para a veracidade dos factos apresentados no mesmo...

hum , então o vodeo foi postado aqui só para o tópico ficar mais bonitinho, estilo decorativo.

vou tirar a moto da garagem , te logo...
Responder

[Imagem: 8d56f562cf9ad6c726a3ade29f800568.jpg]

Enviado do meu SM-A310F através de Tapatalk
Responder

Carlos, só para esclarecer de vez, volto a dizer: o único motivo de ter postado neste tópico foi porque o Lone disse logo na primeira ou segunda página que o CS era facultativo e que dava para conduzir sem isso, achando eu por bem esclarecer que, com ou sem consciência disso, o CS está lá sempre. Apenas isso. Não questionei mais nada.
Responder

Caroço(ING)

[Imagem: zqEgqvA.jpg]

[Imagem: omFgyaB.jpg]

[Imagem: RPT46eE.jpg]

Muito bem, a olhar para onde quer ir...
Responder

Ó meninos!... Isto é fazer CaroçoING. Não confundir cá com essas modernisses de nomes camones, ok? evil tong

[Imagem: fKS6x8U.jpg]

[Imagem: wrong-bike.jpg]
Responder

mas onde é que eu alguma vez aqui ou la em troia onde começou esta porcaria desta discussão contigo disse que não fazia contrabrecagem nas curvas ????

e por acaso nessa foto nem vou a fazer essa m.e.r.d.a.

o que eu me revoltei sempre foi contra o nome e termos, e contra dizerem a quem esta a começar neste mundo que o devem fazer obrigatoriamente E PIOR AINDA , CONTROLA-LO.

já pneus de qualidade e com borracha , zero folgas em suspensões e braços , o entrar em curva no sentido mais oposto da via , usar o knee-down , a experiencia com o veiculo , a visão da saída de curva , o ponto de referencia , e até o kdu , não contam para nada , o que conta é mm.erda deste tema apenas.

eu não consigo viver sem o CS , a minha vida melhorou muito graças ao CS , com o CS eu sou mais feliz , que seria de mim sem o CS...

FZ , eu adorei as motos no Newton , ele tinha uma coleção raríssima...

CS mas é o caraLH...... pá...
Responder

Muito instrutivo este tópico smile bom trabalho. Na verdade não concordo com algumas coisas que aqui foram ditas, mas gostei de tudo o que li. Não tendo a capacidade criativa dos anglicanismos do Caroço, vi aqui três formas de curvar, todas elas muito importantes ou não viessem da vossa vasta experiência. Uma opta por inclinar o corpo para dentro da curva, outra por forçar a mudança do centro de gravidade transferindo o peso para o pé de centro da curva (ou a mão, como eu faço) estas duas têm o mesmo efeito que é aproximar o centro de gravidade do motociclista do centro de rotação da curva aumentando a velocidade angular. Uma terceira é o CS que não tem a ver com a mudança do centro de gravidade mas com o aproveitamento do momento angular. As três muito eficazes mas em boa verdade não podemos dizer que usamos sempre o CS ou que ele é indispensável nas curvas. A maioria das vezes mudamos o centro de gravidade e fazemos uma boa curva. blink Pronto, já dei o peito às balas, podem atirar smile

"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"
Responder

(11-03-2017 às 16:38)Moto2cool Escreveu:  Muito instrutivo este tópico smile bom trabalho. Na verdade não concordo com algumas coisas que aqui foram ditas, mas gostei de tudo o que li. Não tendo a capacidade criativa dos anglicanismos do Caroço, vi aqui três formas de curvar, todas elas muito importantes ou não viessem da vossa vasta experiência. Uma opta por inclinar o corpo para dentro da curva, outra por forçar a mudança do centro de gravidade transferindo o peso para o pé de centro da curva (ou a mão, como eu faço) estas duas têm o mesmo efeito que é aproximar o centro de gravidade do motociclista do centro de rotação da curva aumentando a velocidade angular. Uma terceira é o CS que não tem a ver com a mudança do centro de gravidade mas com o aproveitamento do momento angular. As três muito eficazes mas em boa verdade não podemos dizer que usamos sempre o CS ou que ele é indispensável nas curvas. A maioria das vezes mudamos o centro de gravidade e fazemos uma boa curva. blink Pronto, já dei o peito às balas, podem atirar smile

Bom texto amigo , finalmente algo que é verdade

menos o anglicanismo , sou cristão , mas não praticante , e quando vou ás putas costumo perguntar-lhes quanto é que elas me pagam para me comer...
Responder

Obrigado pelas palavras companheiro, mas duas notas adicionais: anglicanos também são cristãos e isso para que te tinham que pagar é um bom exemplo de CS, empurras para lá na esperança que te empurrem de volta blink
Responder

Resumindo,


Temos:


- Countersteering

- Trail braking

- Clutchless upshifting

- Revmatching/Throttle blipping




















Estou só a ver quantos aneurismas consigo dar ao Caroço. devil
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)