Miguel Oliveira 88
#31

Citar:Bagnaia ‘feeling good with everything’
MotoGP rookie Francesco Bagnaia impresses in the two-day outing at Valencia; says he is already comfortable “with everything” a 260bhp machine demands of him.
Francesco Bagnaia believes he is already “on the correct line” after an eye-catching debut on MotoGP machinery at the two-day end of year test at Valencia.
The reigning Moto2 world champion took little time to adapt to the added power of Ducati’s GP18 machine, carbon brakes, Michelin rubber and the rest.
Indeed, he turned heads on Wednesday, placing 11th overall, his fastest time clocking in at just 0.6s off overall pace setter Maverick Viñales.
[Imagem: gg768779.jpg?itok=abzOOzsZ]
Fonte: www.crash.net

Citar:Miguel Oliveira ‘brakes’ in with KTM Tech3
Miguel Oliveira says discovering the braking power and style in MotoGP has been the biggest lesson learnt on his opening day of winter testing with the new-look KTM Tech3 Racing squad.
Oliveira steps up from Moto2 this winter, having won his final race in the intermediate class last weekend, and got to grips with the KTM Tech3 machine at Circuit Ricardo Tormo.
The Portuguese rider completed 33 laps on the first day despite track time being truncated by a wet circuit in the morning before the rain returned to wipe out the final 90 minutes.
Despite ending the day bottom of the timesheets, 3.7 seconds off pace-setter Maverick Vinales on the factory Yamaha, Oliveira was enthused by his MotoGP debut.
[Imagem: gg768783.jpg?itok=gvavj4p8]
Fonte: www.crash.net

Descubra as diferenças...  cry
Responder
#32

Para algum interessado...

[Imagem: hLBKMSk.jpg]

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#33

(20-11-2018 às 19:48)michelfpinto Escreveu:  O banco parece mesmo confortável... lol

Com estas cores a mota morre muito, não percebo porque não usam as cores das marcas!

Supostamente esta não será a decoração da mota. É apenas a decoração de testes. Já li isso algures numa entrevista ao director da equipa, que irá ter as cores da equipa/patrocinadores.

Quanto aos tempos e desempenhos... Não esquecer alguns pormenores, foram as primeiras voltas do Miguel Oliveira numa mota daquela classe, com tudo o que ela tem de diferente, desde motor, quadro, travagem. Segundo ele o deposito tem formato diferente e como tal, só o arranjar a posição de pilotagem já foi difícil, para ter os melhores apoios e em curva, etc. Além disso, também para a equipa tech 3 é quase tudo novo, já que o ano passado mexiam com uma Yamaha e agora é uma KTM. Estão portanto todos a adaptarem-se à mota e uns aos outros! Não era expectável que andassem no topo nos primeiros treinos livres. Veremos se em Jerez já haverá algumas diferenças nos tempos.
Sendo que segundo já percebi aquela ainda não é a mota definitiva com que vão competir na nova época. Essa ainda está para chegar.
E estas sessões de testes servem para isso mesmo, testar, afinar, aperfeiçoar.
Esperemos para ver...
Responder
#34

(25-11-2018 às 00:54)luisnogueira Escreveu:  foram as primeiras voltas do Miguel Oliveira numa mota daquela classe, com tudo o que ela tem de diferente, desde motor, quadro, travagem.

Não é bem assim... Em Julho passado o Miguel já tinha rolado com a RC16 em Motorland.

https://www.motosport.com.pt/moto-gp/mot...motorland/

https://www.youtube.com/watch?v=NcsRx7GAHwg

Pronto... Ok que agora em Valencia a coisa foi à séria e já com tempos cronometrados e os restantes adversários em pista.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#35

(25-11-2018 às 00:54)luisnogueira Escreveu:  
(20-11-2018 às 19:48)michelfpinto Escreveu:  O banco parece mesmo confortável... lol

Com estas cores a mota morre muito, não percebo porque não usam as cores das marcas!

Supostamente esta não será a decoração da mota. É apenas a decoração de testes. Já li isso algures numa entrevista ao director da equipa, que irá ter as cores da equipa/patrocinadores.

Não sabia... Menos mal então, pois esta decoração... dead

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#36

Os patrocinadores ainda não se chegaram à frente com o mais important€... E como tal, por agora a mota anda com a publicidade a preto e branco!!! lol

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#37

Não me recordo de uma única vez ele ter começado em alta.
Neste momento é tudo novo, como tal não se pode esperar de imediato grandes resultados. 
É a minha maneira de ver.

Ex: GS 500 E de 92
     Cbr 600 F de 96
     Cbr 600 F de 97
     RM 250 de 95
     YZ 450 F de 2004
     SX 250 de 2004
Responder
#38

(25-11-2018 às 00:54)luisnogueira Escreveu:  Não era expectável que andassem no topo nos primeiros treinos livres.

Não é sequer expectável que o resto da época venha a ser muito diferente disto...
rolleyes

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#39

Citar:Miguel Oliveira melhora um segundo no último dia de testes em Jerez
[Imagem: img_920x518%242018_11_29_19_06_36_1478023.jpg]

Miguel Oliveira melhorou em mais de um segundo o tempo registado no circuito espanhol de Jerez de la Frontera, onde esta quinta-feira concluiu o segundo de dois dias de testes de pré-temporada de MotoGP.

O piloto português conseguiu o seu melhor registo na última das 61 voltas efetuadas ao longo do dia com a KTM RC16, rodando em 1.40,577 minutos, menos 1,053 segundos do que no primeiro dia.

"No final tentámos melhorar um pouco mais o tempo por volta. Foi um passo significativo no tempo, face ao que aconteceu quarta-feira, e isso deixa-nos mais contentes. A distância para o primeiro classificado já se reduziu bastante", disse Miguel Oliveira, sublinhando que a equipa "ficou com uma ideia clara do que é preciso melhorar já para os testes de Sepang, na Malásia, em fevereiro.

O almadense terminou o dia a 2,632 segundos do mais rápido, o japonês Takaaki Nakagami, numa Honda, mas a apenas 0,057 segundos do seu companheiro de equipa, o malaio Hafizh Syahrin.

"A adaptação foi muito mais rápida. Mesmo com os pneus usados rodei num ritmo bastante bom e isso deixa-me bastante feliz. Sei muito melhor como tirar partido da mota. Neste momento regulo-me um pouco pela distância de tempo para os outros pilotos da KTM. Estou a menos de um segundo do [francês Johan] Zarco e fiz o mesmo tempo que o meu companheiro de equipa, que já tem um ano de experiência", referiu, fazendo "um balanço muito positivo destes quatro dias de testes".

Miguel Oliveira aproveitou estes dois dias para trabalhar "a entrega de potência" e a estabilidade, para além de continuar a adaptação ao estilo de condução das MotoGP, que "requer muito mais o uso do travão de trás".

Os pilotos voltam à ação no dia 1 de fevereiro, na Malásia.

Fonte: Record
Responder
#40

vai nao sejam pessimistas! coisa logo se compoe

Load ""
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)