Primeira moto
#41

(15-01-2017 às 11:09)michelfpinto Escreveu:  Não é caro.

A questão é que a de um carro não custa o que pensas que custa, só isso. Dependerá sempre de marcas também.
Não custa o que pensas que custa? Como é essa?
Responder
#42

(15-01-2017 às 12:13)bals Escreveu:  Não custa o que pensas que custa? Como é essa?

Uma revisão de um carro não custa 300 ou 400€ como deste a entender. Melhor, existem carros que pode custar isso mas nem todos o custam... Nunca paguei isso nem perto.

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#43

Eu se quiser uma veículo económico,  só mesmo uma moto.
Em termos de economia é  imbatível.
É querem uma comparação odiosa!?
Gastei mais em gasolina com o Rupert numa viagem a Portugal que com a Dorothy.
O Rupert afina válvulas aos 30000 e a Dorothy aos 36000. O Rupert muda óleo e filtros aos 15000 e a Dorothy aos 12000. O Rupert faz consumos mistos de 8L e Dorothy para fazer os consumos mistos do Rupert tem que andar com a roda no ar.

E logo vêem dizer:

-É que o Rupert é  a gasolina e tem 700kg de peso a mais e tal....
Se fosse a gasóleo!

Não à motos a gasóleo,  logo portanto não é comparável.
E o argumento do peso é outra razão para não fazer comparações,  para além das inercias,  geometrias de construção,  motores e tudo mais que a olho nu recomenda a não comparar motos com quadrúpedes.

Eu se quiser um meio de deslocação económico, tudo se traduz em quatro letrinhas apenas:

M-O-T-O

Agora entre o leque de ofertas,  convém fazer comparações (entre motos já se podem fazer comparacoes) e saber que tipo de utilização se vai dar.
Para a cidade o ideal,  por polivalência, é uma scutre,  mas se queres algo mais conservador uma naked 125, tipo CBF ou YBR é o melhor.
Porquê!?
Comprar uma pseudo desportiva é  mais cara comparativa aos modelos nomeados na aquisição,  na manutenção,  no preço dos pneus e principalmente nos seguros (existe maior risco de que te mates com uma pseudo desportiva) e em troca tens 10 ou 15km/h mais de velocidade ponta.

Pensa bem e boa sorte!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#44

(15-01-2017 às 13:21)michelfpinto Escreveu:  
(15-01-2017 às 12:13)bals Escreveu:  Não custa o que pensas que custa? Como é essa?

Uma revisão de um carro não custa 300 ou 400€ como deste a entender. Melhor, existem carros que pode custar isso mas nem todos o custam... Nunca paguei isso nem perto.
Alguma vez fizeste uma revisão num carro ainda na garantia no concessionário oficial?
Responder
#45

(15-01-2017 às 20:00)bals Escreveu:  
(15-01-2017 às 13:21)michelfpinto Escreveu:  
(15-01-2017 às 12:13)bals Escreveu:  Não custa o que pensas que custa? Como é essa?

Uma revisão de um carro não custa 300 ou 400€ como deste a entender. Melhor, existem carros que pode custar isso mas nem todos o custam... Nunca paguei isso nem perto.
Alguma vez fizeste uma revisão num carro ainda na garantia no concessionário oficial?

Todas! E fiz 2 em garantia, e fiz mais depois da garantia acabar. Já fizeste alguma?



Lone, depende de muita coisa, e digamos que o Rupert não é um exemplo do comum carro utilitário.

Até parece que estou aqui a defender carros contra motos, nada tem a ver, agora que as motas na minha experiência sempre foram mais caras isso é um facto, não ficção.

E dizer-se só que é mais caro ou barato porque se diz que é eu não vou nessa.

Uma 125 tem manutenção em conta mas faz também mais revisões. Ainda assim fica mais barata é verdade que uma 600, mas não se pode comparar o custo de revisão diretamente, pois por vezes enquanto uma 125 faz 2 uma maior pode fazer 1. Tudo conta para comparar. E quando falo não é para desencorajar ninguém, mas para que faça uma compra informada, e que esteja preparado para o que ai vem.

Qualquer veiculo além dos custos esperadps terá custos inesperados ao longo do tempo, e se temos o dinheiro à conta convém ter noção disso!

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#46

(14-01-2017 às 01:53)michelfpinto Escreveu:  
(14-01-2017 às 00:58)bals Escreveu:  Lê os primeiros posts... manutenções de motas mas caras dos que carros?

Sim, nenhum carro que tive gastou tanto como o que referes na tua descrição em manutenção.

E qualquer das motas que tive sempre tiveram manutenções bem mais caras que o meu carro. Nenhuma foi 125 ou perto, mas não deixa de ser verdade que as motas tem mais manutenção e normalmente mais caras.

Como a manutenção de uma 125 é em conta, e como consomem pouco é provável que fique tudo junto igual ou um pouco mais barato.

(15-01-2017 às 20:00)bals Escreveu:  
(15-01-2017 às 13:21)michelfpinto Escreveu:  
(15-01-2017 às 12:13)bals Escreveu:  Não custa o que pensas que custa? Como é essa?

Uma revisão de um carro não custa 300 ou 400€ como deste a entender. Melhor, existem carros que pode custar isso mas nem todos o custam... Nunca paguei isso nem perto.
Alguma vez fizeste uma revisão num carro ainda na garantia no concessionário oficial?

Gente, leiam o meu post ali atrás e vejam as contas. Até agora a moto ficou-me muito mais cara que o carro, tirando o seu valor inicial como é óbvio. Ambos tiveram o mesmo tratamento, revisões sempre a tempo e no concessionário oficial. A moto deixo lá 30/40€ por revisão, o carro deixo cerca de 100€. No entanto, o carro em 4 anos fez 4 revisões, são 400€, a moto em 2 anos já gastei 240€ em revisões, e os kms estão ela por ela com o carro, logo quando a moto tiver 4 anos vai ter gasto mais do que o carro aos seus 4 anos. E depois a moto com 13.000km já levava calços atrás, com 15.000 levava pneus novos, o carro com 23.000 ainda tem muito calço para gastar e piso a meio dos pneus.. Fora o equipamento que de moto é preciso ter e de carro não.

Mas o que eu quis vir aqui discutir não foi nada disto, foi mostrar que todos os veículos são dispendiosos, uns mais que outros, e que por norma se se anda a contar tostões para a compra, vai-se ter dificuldade futuramente para manter esse veículo. Também não estou aqui para afugentar ninguém, tentei retratar a realidade o melhor possível segundo a minha experiência, cabe a cada um olhar para a sua situação e verificar se é comportável ou não. Imaginemos que o nosso amigo está a contar os tostões para a compra, mas apenas porque é o dinheiro que tem de lado neste momento, porque por mês consegue meter de lado 50€ para a moto, então força, já dá para os gastos, só fica com a ressalva que se acontecer algum desastre maior é que pode ter dificuldade mas disso nenhum de nós está livre.
Responder
#47

Citar:Até agora a moto ficou-me muito mais cara que o carro, tirando o seu valor inicial como é óbvio


Citar:No entanto, o carro em 4 anos fez 4 revisões, são 400€, a moto em 2 anos já gastei 240€ em revisões, e os kms estão ela por ela com o carro, logo quando a moto tiver 4 anos vai ter gasto 

Cloud, falta-me aqui qq coisa..

Ficou mais cara ou não ficou? Ou vai ficar?

Os kms estão ela por ela e nas revisões o valor do carro ja ultrapassou os valores da mota...

Só te pergunto pq me parece algo contraditório no teu discurso...

Quanto aos pneus, mandas vir dois pneus bons de marca talvez por 100€ Para uma 125 corriqueira, eu por exemplo arranjo os battlax pa corriqueira a 64€ o par aqui numa garagem que vende material de mota aqui perto de mim...
Para colocar 4 barrachas novas e de marca num carro quanto desembolsarias? Falo de uns michelin, pireli, continental, bridgestone, dunlop...mesmo em promo...mesmo que durem 60000€ irá ser mais caro que trocar aos 15000 por duas borrachas numa corriqueira...

Já agora...

Estamos a contabilizar gastos em gota? Acho que se falou de tudo mas a gota, facto importante para quem se importa com isso ou neste caso o Rodrigo, mas por acaso referi tb que fazer 4000km com uma cbf 125 ou pixixi rondara os 110/130€

Para fazer 4000kms num carro a gasolina quanto gastará?
Responder
#48

No Rupert seriam uns 400€!
Sim o gajo é mesmo bêbado!
Bêbado e molengão!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#49

Pás..... então e a desvalorização? Aonde é que estão as contas da desvalorização???!!! rolleyes

Ó Vindaloo.... já viste estes tenrinhos a fazer contas? lol proud

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#50

Anigos tenham calma que o rodrigo desde dia 11 que não vem cá ( inscreveu-se no dia 10)

Já deve ter as contas feitas e comprou o L123 para janeiro...em Fevereiro logo volta cá para perceber se afinal nas 20 páginas de contas é possivel comprar uma 125cc desportiva
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)