[Primeira mota] Formulário 1ª Mota
#91

(26-05-2021 às 22:21)Johnny25 Escreveu:  Se é para economia, 125cc ou uma 300 no máximo.
Havia uma NS200 que era excelente mota para enconomizar.

Eu ando a ver umas quantas para depois de tirar a carta... Mas a Interceptor será uma candidata fortíssima.
A mota além de bonita, tem bom som, bom binário e boa reputação.
A cereja no topo do bolo? É Indiana!!


Pois, tb tenho de decidir entretanto...


Enviado usando o Tapatalk
Responder
#92

Isso é o que eu ando a dizer ja algum tempo. Se é essencialmente para consumos, tem que ser algo que se veja e faça sentido. Menos 1l que o carro se tanto n faz sentido sequer, a meu ver claro. Pelo menos 2l a menos tem que ser. Eu tenho a 125 pk tem menos de metade do consumo do carro.

Dps ha o contra das motas que ninguem mencionou. Pode ate gastar menos que o carro mas leva pneus com muito mais frequencia que um carro. E algumas motas mudam o oleo aos 6 mil. O que hoje em dia ja n acontece com tanta frequencia mas que tem a ver com o tipo de mota e motor.
Responder
#93

A lógica de mudar de um carro para mota para poupar é um exercicio complexo e que pode ser muito enganador. Eu também comecei assim e depois... está à vista.

Só terá alguma validade se de facto andares muitos kms diariamente e com muito transito, e se conduzires um carro a gasolina ou que gaste muito.

Nessas contas carro vs mota ninguém tem em consideração os custos com a manutenção de uma mota, equipamento, seguros, etc. Mesmo que a mota gaste 2L (uma 125, que parece nao ser a tua escolha) só mesmo com o alinhamento positivo destas variáveis é que vais poupar mais que um carro que gaste 5-6L/100km.

[Imagem: muhz7is.jpg]
Responder
#94

(27-05-2021 às 10:11)el_Bosco Escreveu:  A lógica de mudar de um carro para mota para poupar é um exercicio complexo e que pode ser muito enganador. Eu também comecei assim e depois... está à vista.

Só terá alguma validade se de facto andares muitos kms diariamente e com muito transito, e se conduzires um carro a gasolina ou que gaste muito.

Nessas contas carro vs mota ninguém tem em consideração os custos com a manutenção de uma mota, equipamento, seguros, etc. Mesmo que a mota gaste 2L (uma 125, que parece nao ser a tua escolha) só mesmo com o alinhamento positivo destas variáveis é que vais poupar mais que um carro que gaste 5-6L/100km.

Entendo o teu ponto de vista mas falta um ingrediente.

Se conduzires o teu carro, do ponto de vista das prestações puras, da mesma maneira que conduzes o carro ele vai comer mais gasolina e gastar os pneus mais depressa, para alem de sofrer maior desgaste mecânico.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#95

(27-05-2021 às 09:02)Nfilipe Escreveu:  Isso é o que eu ando a dizer ja algum tempo. Se é essencialmente para consumos, tem que ser algo que se veja e faça sentido. Menos 1l que o carro se tanto n faz sentido sequer, a meu ver claro. Pelo menos 2l a menos tem que ser. Eu tenho a 125 pk tem menos de metade do consumo do carro.

Dps ha o contra das motas que ninguem mencionou. Pode ate gastar menos que o carro mas leva pneus com muito mais frequencia que um carro. E algumas motas mudam o oleo aos 6 mil. O que hoje em dia ja n acontece com tanta frequencia mas que tem a ver com o tipo de mota e motor.


Percebo o que dizes....


Enviado usando o Tapatalk
Responder
#96

Já para nao falar que a Ana diz que gasta 6l mas os consumos nao sao fixos! Gasta isso em que condições? se andar sempre entre as 2 mil e as 3 mil num bom percurso sem transito nem semáforos. Porque em transito os consumos sao bem diferentes. As médias que as marcas afirmam são sempre muito enganadoras.

E como diz el_Bosco , a mota até mais do que os consumos, faz bastante sentido é em percursos com muito transito de para/arranca, onde se poupa muito tempo, tendo mota fura-se pelo meio do transito. A meu ver vale mais do que poupar em consumo, é ganhar tempo de vida. Mas claro se o fizer a baixo consumo ainda melhor.

E mesmo o caso do seguro, quando se tem carta a pouco tempo, os valores sao bem mais elevados. Nem tudo são rosas quanto ao ter uma mota.
Responder
#97

(27-05-2021 às 10:11)el_Bosco Escreveu:  A lógica de mudar de um carro para mota para poupar é um exercicio complexo e que pode ser muito enganador. Eu também comecei assim e depois... está à vista.

Só terá alguma validade se de facto andares muitos kms diariamente e com muito transito, e se conduzires um carro a gasolina ou que gaste muito.

Nessas contas carro vs mota ninguém tem em consideração os custos com a manutenção de uma mota, equipamento, seguros, etc. Mesmo que a mota gaste 2L (uma 125, que parece nao ser a tua escolha) só mesmo com o alinhamento positivo destas variáveis é que vais poupar mais que um carro que gaste 5-6L/100km.


Tb existe a possibilidade de não me ter explicado bem.
Eu quero q seja mais económica mas tb quero por ser moto.
Ou seja, o fator “poupar” não é o único


Enviado usando o Tapatalk
Responder
#98

(27-05-2021 às 11:35)Nfilipe Escreveu:  Já para nao falar que a Ana diz que gasta 6l mas os consumos nao sao fixos! Gasta isso em que condições? se andar sempre entre as 2 mil e as 3 mil num bom percurso sem transito nem semáforos. Porque em transito os consumos sao bem diferentes. As médias que as marcas afirmam são sempre muito enganadoras.

E como diz el_Bosco , a mota até mais do que os consumos, faz bastante sentido é em percursos com muito transito de para/arranca, onde se poupa muito tempo, tendo mota fura-se pelo meio do transito. A meu ver vale mais do que poupar em consumo, é ganhar tempo de vida. Mas claro se o fizer a baixo consumo ainda melhor.

E mesmo o caso do seguro, quando se tem carta a pouco tempo, os valores sao bem mais elevados. Nem tudo são rosas quanto ao ter uma mota.


Sim, percebo.
Mas tb a ideia de ter moto é ter moto. Não é só poupar. Mas tb seria gastar menos q o carro.
E sim, faço percurso autoestrada e depois os km q não o são, perco anos de vida (pq perco muito tempo em pouco espaço).


Enviado usando o Tapatalk
Responder
#99

Ana, eu só sugeri a 125cc porque o teu foco era muito os consumos. Ora se é essencialmente consumos, como disse o Johnny25, estás limitada a uma cilindrada baixa, como ele disse e eu concordo, seria de 125cc a 300cc. Agora se queres algo mais, como também usa-la para lazer. Qualquer escolha será certamente boa. Porque vê o seguinte, motas actuais, dentro cilindrada média, os consumos andam pelos 4/5l.

Com isto em mente, deves começar a namorar as motas em stand, para ver qual aquela que te diz alguma coisa e qual dela te transmite segurança. Nao tenhas medo de experimentar, é uma das utilidades de um stand.

E como és mulher de certeza vao te receber melhor do que qualquer ranhoso que por aqui anda do sexo masculino! lol
Responder

(27-05-2021 às 12:03)Nfilipe Escreveu:  Ana, eu só sugeri a 125cc porque o teu foco era muito os consumos. Ora se é essencialmente consumos, como disse o Johnny25, estás limitada a uma cilindrada baixa, como ele disse e eu concordo, seria de 125cc a 300cc. Agora se queres algo mais, como também usa-la para lazer. Qualquer escolha será certamente boa. Porque vê o seguinte, motas actuais, dentro cilindrada média, os consumos andam pelos 4/5l.

Com isto em mente, deves começar a namorar as motas em stand, para ver qual aquela que te diz alguma coisa e qual dela te transmite segurança. Nao tenhas medo de experimentar, é uma das utilidades de um stand.

E como és mulher de certeza vao te receber melhor do que qualquer ranhoso que por aqui anda do sexo masculino! lol


Sim, foi algo que falei de início pq tb me interessa.
Mas tb quero Mota por Mota. Senão, não perdia tempo a tirar carta de maior cilindrada. Ficava nas 125.

A minha ideia é q não seja bebada e ao mesmo tempo q seja mais moto smile


Enviado usando o Tapatalk
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 2 Visitante(s)