O que é para ti o prazer a andar de moto?

...outros nem nunca chegam a ir!

Por exemplo eu.
Que a primeira vez que estive no Algarve foi em trabalho já em idade adulta!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder

Por acaso não percebo o pessoal que vai para o Algarve. Pelo mesmo ou menos valor vai-se para uma ilha espanhola 1 semana com tudo incluído..
Responder

Cada um fala por si....

Eu tendo lá casa, vou ao Algarve sensivelmente de 2 em 2 meses. Nem que seja muitas vezes só lá ir um fim de semana abrir portas e janelas e espairecer um pouco. É que o Algarve é muito mais que apenas sol, praia e bares, que é a realidade que a maioria dos turistas estivais, seja qual seja a sua condução sócio-económica, conhecem.

Claro que guardo sempre 2 semanas de férias para ir para lá, de Verão, também gozar esse sol e essa praia. E claro, o resto do tempo tentar rentabilizar economicamente o apartamento, alugando-o de Junho a Setembro.

Gostava de ver é também o Algarve sem esse turismo que os habitantes locais tanto repugnam... e que dá emprego a uma grossa fatia da população e faz mexer a economia da região, nem mais que não seja, de Maio a Outubro e mais um ou outro evento festivo, como a passagem de ano , carnaval, etc.... para não falar do mercado imobiliário (sim os tais lisboetas e não só, compram casas aí e pagam anualmente impostos inerentes a esse património imobiliário, para parte municípios algarvios).
É que se não fosse o turismo, o Algarve viveria de quê? Basta lá ir fora dos meses acima indicados para ver que praticamente não se passa nada, a não ser o turismo geriátrico.... é que os velhinhos nórdicos e saxónicos escolhem as épocas invernais para rumar ao Algarve... ainda assim uma temporada pelo Algarve, deve-lhes sair mais barato e aconchegante, que nos seus países de origem.

Agora.... energúmenos na estrada, há em qualquer lado, independentemente do local, proveniência dos mesmos e época do ano.... e não só no Algarve. Relacioná-los com a enchente turística que o Algarve recebe sazonalmente, é que me parece palerma.
Responder

O que era feito do Algarve sem o turista português? Um paraíso.

Era estrangeirada o ano todo, pois fogem daqui no verão, vá-se lá saber porquê.
Responder

(14-06-2017 às 10:20)Fz1000 Escreveu:  O que era  feito do Algarve sem o turista português? Um paraíso.

Era estrangeirada o ano todo, pois fogem daqui no verão, vá-se lá saber porquê.

Ao criticares o turista português, criticas-te a ti mesmo. Certo?

Vejo aí muitos bifes que se estatelam junto às piscinas até ficarem vermelhos como os camarões. Emborcam cerveja e comem uns hambúrguers ... isso é que são turistas de qualidade!

Boas curvas! 
Responder

(14-06-2017 às 10:33)nunomsp Escreveu:  
(14-06-2017 às 10:20)Fz1000 Escreveu:  O que era  feito do Algarve sem o turista português? Um paraíso.

Era estrangeirada o ano todo, pois fogem daqui no verão, vá-se lá saber porquê.

Ao criticares o turista português, criticas-te a ti mesmo. Certo?

Vejo aí muitos bifes que se estatelam junto às piscinas até ficarem vermelhos como os camarões. Emborcam cerveja e comem uns hambúrguers ... isso é que são turistas de qualidade!

São capazes de gastar mais nessa cerveja que uma familia tuga de 6 durante uma semana.

Estou a generalizar como é óbvio, há aquela pequena percentagem que sabe estar e vem verdadeiramente de férias.

Pena a maioria vir aqui pelo status quo de ir depois para cima com bronze dizer que esteve no Algarve a contribuir para o emprego destes pobrezinhos, quando na verdade vem para casa privada alugada a uma bagatela, e janta 1 sardinha.
Responder

(14-06-2017 às 10:20)Fz1000 Escreveu:  O que era  feito do Algarve sem o turista português? Um paraíso.

Era estrangeirada o ano todo, pois fogem daqui no verão, vá-se lá saber porquê.

Ahhhhh.... gostas dos estrangeiros, certo? Grupos de putos bêbados até cair, que compram as bebidas em supermercados e comem junk food.... e os velhinhos que falei acima, que só se vêem no meses de Inverno, e que estes ainda assim, são os que têm algum poder económico.

Os portugueses claro nem interessam.... especialmente quando investem 150 mil / 200 mil euros na compra de um (inflacionado especulativamente) apartamento... ou vão aí de férias, deixam 800€ por semana num qualquer hotel ou aparthotel de 3 estrelas e 50 euros por cada refeição para uma família de 4 pessoas, num restaurante.

Se os algarvios dependessem só dos estrangeiros para viverem.... bem fornicados da vida estavam!

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder

(14-06-2017 às 10:44)carlos-kb Escreveu:  
(14-06-2017 às 10:20)Fz1000 Escreveu:  O que era  feito do Algarve sem o turista português? Um paraíso.

Era estrangeirada o ano todo, pois fogem daqui no verão, vá-se lá saber porquê.

Ahhhhh.... gostas dos estrangeiros, certo? Grupos de putos bêbados até cair, que compram as bebidas em supermercados e comem junk food.... e os velhinhos que falei acima, que só se vêem no meses de Inverno, e que estes ainda assim, são os que têm algum poder económico.

Os portugueses claro nem interessam.... especialmente quando investem 150 mil / 200 mil euros na compra de um (inflacionado especulativamente) apartamento... ou vão aí de férias, deixam 800€ por semana num qualquer hotel ou aparthotel de 3 estrelas e 50 euros por cada refeição para uma família de 4 pessoas, num restaurante.

Se os algarvios dependessem só dos estrangeiros para viverem.... bem fornicados da vida estavam!

Para que Algarve vais?

Putos bêbados?

Aqui recebemos milhares de desportistas por ano.
Não bebem nada sem ser água.

Velhinhos? Vêm para o golf, malta de papel a sério.

São eles que verdadeiramente dão força á região.

Obviamente que há tugas e tugas, mais uma vez, estou a generalizar a coisa.
Responder

(14-06-2017 às 10:53)Fz1000 Escreveu:  Para que Algarve vais?

Sabes bem para onde. Normalmente para esse mesmo Algarve aonde tu moras.... mesma localidade e tudo!
Apesar de várias vezes também rumar até ao Barlavento (Lagos).

(14-06-2017 às 10:53)Fz1000 Escreveu:  Putos bêbados?

Basta sair à noite e ficar até um pouco mais tarde para constatar isso.

(14-06-2017 às 10:53)Fz1000 Escreveu:  Aqui recebemos milhares de desportistas por ano.
Não bebem nada sem ser água.

O Centro Desportivo de Estágios de VRSA não faz (como dizes) o Algarve todo. Não obstante de outros centros desportivos que hajam no resto da região.

(14-06-2017 às 10:53)Fz1000 Escreveu:  Velhinhos? Vêm para o golf, malta de papel a sério.

Alguns possivelmente sim.... outros (muitos) optam apenas por rumar a terras de clima menos agreste, em tempo de invernia nos seus países.
Posso-te dizer que já tive "inquilinos" estrangeiros que me disseram que saia mais barato estar a pagar 1000 euros por quinzena num apartamento do Algarve, e ainda alugar um carro para se deslocarem todo o tempo que cá estejam, que estar nas suas casas, com todos os sistemas de aquecimento a "bombarem" à grande (com os inerentes custos).... já não falando do resto (bens de consumo), que saiem invariavelmente mais baratos cá, que nos seus países de origem.

Mas ainda assim, a tua zona não é de todo destino privilegiado para golf. Até porque os mais conceituados campos de golf do Algarve nem sequer se situam no sotavento.
E tirando locais específicos, nem é para o sotavento que vão os turistas estrangeiros mais endinheirados .

(14-06-2017 às 10:53)Fz1000 Escreveu:  Obviamente que há tugas e tugas, mais uma vez, estou a generalizar a coisa.

Tal como há "bifes" e "bifes"....

O facto é que a nível local o problema reside também no campo político e decisório. E infelizmente poucas são as autarquias com visibilidade suficiente para saber preparar e ordenar os seus territórios com vista a receber a enchente estival que têm todos os anos.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder

Olha que estás errado em algumas coisas.

Os putos não bebem mesmo, podem ser parvos como é normal da idade, mas não bebem, teriam logo problemas com os treinadores, lá poderá haver um caso ou outro, mas é raro, se saires à noite também não os apanhas, porque os que saiem, cedo regressam.

O Castro Marim Golf ganhou este ano o prémio de melhor destino para golfistas da Europa, campo de grande qualidade e com este tempo não é fácil competir.

O problema desta zona está como dizes na maneira como é gerida, mas isso é outra conversa.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)