(NOVA) eRR.... a S1000RR movida a electrões!!!
#11

Carlos, não dês ideias...ainda faziam testes às motas pata saber a origem da eletricidade...tal como nos carros e o gasóleo agrícola.
Responder
#12

(12-11-2015 às 15:59)carlos-kb Escreveu:  ... especulação ... em semelhança ao gasóleo doméstico, agrícola e para transportes (com preços totalmente distintos)....

Não é especulação, pois o custo base é o mesmo.
A taxação fiscal é que torna o preço do produto diferente! E infelizmente a maior parte do que pagamos pelos combustíveis é impostos.

(12-11-2015 às 15:59)carlos-kb Escreveu:  ...haver electricidade para consumo doméstico, distinta e a preços diferentes da electricidade para consumo em veículos...

Isso não acredito, pois a electricidade é algo que pode ser facilmente ser transformada e convertida seja da rede doméstica seja de uma pilha. E ao contrário dos combustíveis fósseis não podes armazenar em jerrycans...

Agora... a tendência será sempre diferentes custos de acordo com os períodos de maior ou menor consumo.
Acredito que um aumento de consumo irá fazer disparar os preços durante o dia, mas manter ou reduzir durante a noite. Como já acontece em diversos planos.
Responder
#13

O que eu penso, embora seja o mais plausível por agora, é que os veículos com este tipo de solução são um remendo improvisado.
A unica forma de energia com impacto zero no meio ambiente ainda é muito cara de produzir mas já existem muitos protótipos mijões que vão desenvolvendo a tecnologia.
Tecnologia essa que terminaria com todos os lobys do ouro negro.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#14

(12-11-2015 às 18:07)dfelix Escreveu:  
(12-11-2015 às 15:59)carlos-kb Escreveu:  ... especulação ... em semelhança ao gasóleo doméstico, agrícola e para transportes (com preços totalmente distintos)....

Não é especulação, pois o custo base é o mesmo.
A taxação fiscal é que torna o preço do produto diferente! E infelizmente a maior parte do que pagamos pelos combustíveis é impostos.

Mas precisamente é essa taxação mais elevada em produtos de maior procura e recurso, como são os combustíveis rodoviários, face aos seus congéneres com outros fins, que acaba por ser também uma atitude especulativa, só com o fim de gerar maior receita.

(12-11-2015 às 18:07)dfelix Escreveu:  
(12-11-2015 às 15:59)carlos-kb Escreveu:  ...haver electricidade para consumo doméstico, distinta e a preços diferentes da electricidade para consumo em veículos...

Isso não acredito, pois a electricidade é algo que pode ser facilmente ser transformada e convertida seja da rede doméstica seja de uma pilha.

Sim.... mas a questão é como se poderia obter essa electricidade, consoante o fim a que se destina. Facilmente se poderão criar sistemas de carregamento, de origem, nos veículos, que impossibilitem (pelo menos de modo legal), que sejam "abastecidos" de forma doméstica, obrigando-te a recorrer a redes de carregamento, com preços tabelados e consequentemente mais caros.
Claro que a coisa conseguir-se-ía sempre "contornar" clandestinamente, com a adaptação ou adulteração desses sistemas, mas nada nos diz que não haveria hipoteticamente forma de verificar se esses sistemas de carregamento tinham sido adulterados ou não, por exemplo, numa simples IPO.
Hoje em dia consegue-se saber o tipo de combustível pela simples análise cromática do mesmo (caso do gasóleo agrícola e rodoviário). Claro que na vertente de um veículo eléctrico, não seria pela análise da electricidade (porque a electricidade é toda igual, independentemente da sua proveniência), mas, de forma electrónica, não acho complicado conseguirem-se ter dispositivos que controlam a forma, cadência, ciclos, intensidade, etc. de um carregamento, e bastava que isso fosse específico para os sistemas de carregamento de veículos, para inviabilizar, de modo legal, o recurso aos mesmos que não em redes específicas de abastecimento eléctrico. E uma simples análise desse dados obtidos e armazenados no sistema, poderia evidenciar como e onde o carregamento poderia ter sido feito.
Mas claro que isto são simples conjecturas! O facto é que se a electricidade passar a energia primordial nas rodovias, há-de haver quem se vai aproveitar disso a todo o custo para gerar receita, tal como acontece actualmente com os combustíveis fósseis. E se não existir essa diferenciação, no futuro, ligar uma simples máquina de lavar roupa, em casa, pode sair tão caro como ir dar um passeio de vários kms!

(12-11-2015 às 18:07)dfelix Escreveu:  E ao contrário dos combustíveis fósseis não podes armazenar em jerrycans...
Muita pena.... até porque todos nós tivémos um colega ou amigo de infância, que chegou mesmo a ir à drogaria, a pedido de outros, para comprar 20 escudos de electricidade em pó!  bigsmile

(12-11-2015 às 18:07)dfelix Escreveu:  Agora... a tendência será sempre diferentes custos de acordo com os períodos de maior ou menor consumo.
Acredito que um aumento de consumo irá fazer disparar os preços durante o dia, mas manter ou reduzir durante a noite. Como já acontece em diversos planos.

Mas o que acontece agora, é ao nível do consumo instântaneo, que tens tarifas bi-horárias.... mas um veículo não anda com extensões de cabo atrás.... pelo que a haver esta distinção, não seria no acto do consumo em si, tal como acontece agora, mas no acto do abastecimento. E a ser assim, então seriam filas e mais filas, madrugadas fora, para abastecer veículos, porque seria hipoteticamente mais barato em período nocturno!

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#15

na compra dessa electrica, deve ter quase de certeza o aluger das baterias, queriam se mover quase de graça, era???
o estado nao deixa! aqueles tinhosos têm ganhar alguma coisa para terem peida sentada, e o zepovinho vai de os alimentar

um ZOE daqueles electricos, pagam por mes 80€ só do aluger, quer se faça zero ou 1000km, de vez de 6litros aos 100, seria 1,4x6litros=8,4€ a cada 100km seria menos de 1€ com os electricos, o estado quer isso?

se entitades reguladoras de poluicao apertassem com o estado, haveria de certeza já tudo electrico e a preços normais, penso eu de que

Load ""
Responder
#16

Quase tão má como se fosse a Diesel...

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)