Momento que te inclinas para uma moto que por aqui poucos falam...

Mas não estava a falar da tua justificação pela qual a compraste, isso só te diz respeito a ti thumbsup

Estava mesmo a falar do motivo da soldaduras partirem, que salvo erro nada tem a ver com o motivo pela qual a escolheste ou qualquer outro comprador proud

Daí a referência do "poucos falam" devil
Responder

https://youtu.be/Fwk3L23lIY8

A facilidade e rapidez com que repararam a moto e seguiram viagem.
Responder

(04-09-2019 às 10:07)nelsonajm Escreveu:  A facilidade e rapidez com que repararam a moto e seguiram viagem.

Um vídeo excelente que demonstra o quanto a mota suporta um desenrasque para o momento. E foi isto também que me levou a optar por esta mota. Motor simples, nada de muitas tecnologias a fugir ao purismo. Agora lá está, as motas que apareceram com os quadros partidos não sabemos a que condições foram submetidas e se motas de outras marcas, no mesmo propósito que a himalayan, não ficariam igual ou pior...

[Imagem: re-h-bnr.jpg] 
Responder

Isso da facilidade em arranjar um problema mecanico só é uma mais valia se tiveres conhecimentos sufcientes para lhe mexer. E para o fazer é preciso ferramenta. Nao é bem a macgayver com um canivete e um arame! lol
Responder

(04-09-2019 às 13:46)Nfilipe Escreveu:  Isso da facilidade em arranjar um problema mecanico só é uma mais valia se tiveres conhecimentos sufcientes para lhe mexer. E para o fazer é preciso ferramenta. Nao é bem a macgayver com um canivete e um arame! lol

Nem mais.
"MarcoGuyver" só existe um blink

Mas eu percebo ali a intenção do Nelson...se um gajo tiver a sorte de não partir nas soldaduras ainda pode dar raia noutro sitio... lol devil oi

Velasquez87
Responder

A verdade... é que olhando para a zona que está partida... quase que consigo adivinhar que muitas outras vão sofrer do mesmo mal... se abusarem um bocadito com elas... tipo cavalinhos e afins...
Responder

(04-09-2019 às 16:36)nelsonajm Escreveu:  A verdade... é que olhando para a zona que está partida... quase que consigo adivinhar que muitas outras vão sofrer do mesmo mal... se abusarem um bocadito com elas... tipo cavalinhos e afins...

Concordo contigo Nelson.
Aqueles dois pontos do quadro por onde partiu, pelo menos à primeira vista, não me parecem dotados da resistência necessária para suportar os impactos a que a mota estará sujeita... sobretudo se levada para fora de estrada.
Responder

Sempre foste por essa opção? Tem atenção ao serviço pós venda e facilidade de haver peças caso seja necessário trocar alguma, principalmente fora do stand onde a compres!
Responder

(20-09-2019 às 23:29)HugoAz Escreveu:  Sempre foste por essa opção? Tem atenção ao serviço pós venda e facilidade de haver peças caso seja necessário trocar alguma, principalmente fora do stand onde a compres!

Sim sempre foi a minha primeira opção quando decidi trocar de mota. A mota ainda é nova, tem cerca de 1 600kms, já fez auto estrada, cidade e andou no monte. Não tenho nada a apontar. A mota foi comprada em agente autorizado (Motoespinha) e até agora sempre prestáveis. Nada tenho a apontar e estou a gostar imenso da himalayan.

Tenho tido é muitos curiosos a perguntar por onde passo como ela como se comporta.

[Imagem: re-h-bnr.jpg] 
Responder

Fosga-se oh André... Assim já não podemos dizer mal, coise e tal, que não andas de mota e o camandro, que é só fotos... 1600 KMS em dois meses não é extraordinário mas já te tira dessa categoria! lol

PS: ainda ninguém te perguntou se o quadro já partiu? devil
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)