A aventura começa

Elah tanta opinião bigsmile


Já esperava o pessoal todo a "cair-me em cima" dead


Tudo opiniões válidas vindas de quem sabe mais que eu.

Mas agora pergunto eu. E o meu coração/carteira?

Ou seja, há motos usadas de 600cc a 100€? a 200€?

Pois é que estar a dar nem que seja 1000€ por uma mota que não gosto só porque é boa para aprender não é para mim.

Quanto ao coração, o que me acontece se ir na minha motinha que não gosto, uma moto que a estaciono e não olho para trás, o que acontece se ir nessa minha motinha e vir a moto que queria comprar a passar por mim?
Responder

(03-02-2015 às 13:33)Cloud Escreveu:  eu também comprei uma moto nova sem saber andar e supostamente a pior de todas, uma R

A tua é uma R só de aspecto.... porque no fundo, e em termos prestacionais, que é verdadeiramente o cerne da questão de um total inexperiente começar com uma moto "performante", não se aplica o teu caso. Na tua 125, se rodares o punho, e só porque é uma "pseudo" R, não vais ter muita diferença, do que se fosse uma CBF125 ou uma YBR125.
Na tua, o erro de escolha como 1ª moto e para quem não saiba (ainda) andar (se é que o há), quanto muito, é a chatice de partir os plásticos se caires, o que para um iniciado, existem maiores probabilidades que aconteça. Mas isso já acontecia antes com as TZR 50 ou NSR 50 do meu tempo, com que muitos se iniciavam nos primórdios de 90, e que conseguiam ter prestações tão idênticas a uma actual 125 4t como é a tua YZF125. Até a minha 1ª Famel já era carenada e metia-se nos 110 Km/h de origem.... depois haviam ainda os artistas que as kitavam a 70/80.... e metiam aquilo a andar na horas (até rebentar de vez).

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder

(03-02-2015 às 17:50)Fz1000 Escreveu:  Elah tanta opinião  bigsmile


Já esperava o pessoal todo a "cair-me em cima"  dead


Tudo opiniões válidas vindas de quem sabe mais que eu.

Mas agora pergunto eu. E o meu coração/carteira?

Ou seja, há motos usadas de 600cc a 100€? a 200€?

Pois é que estar a dar nem que seja 1000€ por uma mota que não gosto só porque é boa para aprender não é para mim.

Quanto ao coração, o que me acontece se ir na minha motinha que não gosto, uma moto que a estaciono e não olho para trás, o que acontece se ir nessa minha motinha e vir a moto que queria comprar a passar por mim?

Dás 1500€ por uma moto, e daqui a 1 ano ou 2 vendes por 1250€ e logo compras uma a teu gosto e com mais certeza do que realmente queres (e não me refiro em termos estéticos).

Os 250€ que perdeste, na verdade foram um ganho. Qualquer 500 ou 600cc gasta menos gasolina que a Z1000 (para não falar em carenagens e contas de hospital), portanto nesse aninho ou dois, para além de teres estado a ganhar experiência, estiveste a poupar dinheiro.

Se entretanto passar por ti uma Z1000, esboças um sorriso e pensas "um dia vais ser minha". Tal como o Cristiano Ronaldo fazia quando jogava no sporting e via passar um Ferrari (por acaso até se espetou com o primeiro que teve).
Responder

FZ1000 ou não pesquisaste bem ou estás a ignorar as outras motas. Tu gostas da Kawasaki pela estética. Não sabes como é a potencia, a travagem, enfim todo o seu conjunto. É normal, eu por exemplo adoro a estética da Triumph e da Suzuki (nalgumas  lol ).

Eu tenho uma Suzuki 650 de 70 cavalos, é um bicilindrico e ainda há dias em que sou "maçarico" e assusto-me com o binário disponivel. Agora imagina um maçarico da cabeça aos pés numa mota de 143 cavalos. Repara não é SÓ a potencia e o binario. É o peso dela, é as situações que vais ver-te envolvido, não estou a ver-te a subir para cima dos passeios com facilidade com que eu fazia passado alguns dias, iniciar um movimento brusco com segurança como por exemplo desviar-me de um carro ou de alguma coisa no chão.

Eu lembro-me bem dos meus dias de maçarico (ainda o sou) e da complicação destes aparentes simples movimentos ou manobras. E não vais ter confiança, aliás vais ter medo e a olhar para a mota como algo a evitar (isso garanto-te).
Mais uma vez: se uma simples mota 650 de 70 cavalos já impõe respeito e algum "trabalho fisico" para desenrascares de situações quase-entaladas, como vais fazê-lo com uma mota pesada e de desempenho desportivo?

Tens a Honda Hornet, de 2007 para cima, aos pontapés a preços razoáveis e com extras e com um "look" mais recente. É de 4 cilindros com 100 cavalos, é mais suave, continua a ser uma mota bastante potente e é francamente robusta. Não é a mota ideal para iniciados, mas entre a Hornet e a Kawasaki, a Hornet vai "ensinar-te" e perdoar alguns erros simples. Continua a ser uma mota com bastante desempenho desportivo, mas tambem é para o dia-a-dia. Se não queres perder muito dinheiro, é uma excelente escolha, e olha que há muitos outros modelos perfeitos. Tens a MT-07, a nova Honda CB650F que eu pessoalmente adorei para o dia-a-dia com conforto e sem abrir mão da desportividade, muitas mais.

Não conhecemos-te mas eu, pelo menos eu, faço o possivel para chamar a atenção e "acordar" talvez a pessoa...de algo mau. Essa mota é muito potente é só para quem tem experiencia.

Como disse o outro, desculpa a crueza, mas ganha juízo  tong
Responder

(03-02-2015 às 18:04)carlos-kb Escreveu:  
(03-02-2015 às 13:33)Cloud Escreveu:  eu também comprei uma moto nova sem saber andar e supostamente a pior de todas, uma R

A tua é uma R só de aspecto.... porque no fundo, e em termos prestacionais, que é verdadeiramente o cerne da questão de um total inexperiente começar com uma moto "performante", não se aplica o teu caso. Na tua 125, se rodares o punho, e só porque é uma "pseudo" R, não vais ter muita diferença, do que se fosse uma CBF125 ou uma YBR125.
Na tua, o erro de escolha como 1ª moto e para quem não saiba (ainda) andar (se é que o há), quanto muito, é a chatice de partir os plásticos se caires, o que para um iniciado, existem maiores probabilidades que aconteça. Mas isso já acontecia antes com as TZR 50 ou NSR 50 do meu tempo, com que muitos se iniciavam nos primórdios de 90, e que conseguiam ter prestações tão idênticas a uma actual 125 4t como é a tua YZF125. Até a minha 1ª Famel já era carenada e metia-se nos 110 Km/h de origem.... depois haviam ainda os artistas que as kitavam a 70/80.... e metiam aquilo a andar na horas (até rebentar de vez).

Sim era disso que eu falava, entre as 125 para aprender, a R é supostamente a pior, e esta YZF ainda mais agressiva que as outras R é..

O coração pode falar mais alto, a carteira é que manda, mas por vezes tem que haver alguma razão por trás. Eu sou suspeito pq fiz exactamente o que estás a querer fazer, não liguei nada aos outros e comprei a moto que quis, a diferença é que a minha sendo uma 125 perdoa muito, e mesmo assim já não perdoa tudo, a tua então ao mínimo erro estás a lamber o chão.

Ninguém está a dizer para comprares uma moto que não gostes, certamente encontras outra que, não sendo 'aquela' moto, vai ser uma moto bem bonita e que te divirtas bastante, e é como já disseram, comprando usada de 1500€ não te vai fazer diferença pq se comprares essa directamente vais gastar bem mais em gasolina e reparações.
Responder

Eu não disse que não havia outras motas boas, disse sim que esta era a mais bonita. Acham que o stand me vai deixar experimenta-la antes?
Responder

(04-02-2015 às 13:43)Fz1000 Escreveu:  Eu não disse que não havia outras motas boas, disse sim que esta era a mais bonita. Acham que o stand me vai deixar experimenta-la antes?

Lá por aquela gaja ser a mais bonita da escola, isso não quer dizer que seja a melhor gaja para ti.  lol
Responder

Veremos.



Responder

Just one opinion from someone...


https://www.youtube.com/watch?v=nL6vesf3fe4

[Imagem: zD43YvL.jpg]
Responder

Sim ando a tirar a carta numa 500cc de 200 kilos para ir agora para uma 250cc
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)