Pesquisa - Naked, 5L/100
#21

tens de ter atenção ao ambiente, à que poupar em emissões  tong
se pensares anualmente não é muito, mas por mês é mais de 20 euros de diferença. se recebes como eu mesada, 20 euros faz diferença, pelo menos na minha mesada que não é nada grande  bigsmile ainda dá para 2 jantares com bebida à descrição  cool mas cada caso é um caso, e não tou a dizer que não tens razão blink
Responder
#22

(28-03-2016 às 10:59)Cloud Escreveu:  Eu gostava que fizessem um pequeno exercício mental.

O que vi até agora neste tópico foi alguém a dizer que quer uma moto que consuma 5l/100km, e que não quer outras que não a cb500 porque puxam todas para os 6l/100km, às vezes 7l/100km. Tendo em consideração a diferença mais elevada, de 2l/100km, e fazendo algumas contas, isto significa que em 10.000 km vai-se gastar um extra de 275€. Agora vem a pergunta estúpida: Por uma diferença de 275€, faz assim tanto sentido estar tão limitado quanto a opções? Se estes 275€ forem realmente fazer a diferença (e claro que este dinheiro se puder ser poupado melhor), então eu pergunto-me: E se furar um pneu? E se a moto cair? E se algum carro for contra ela enquanto está estacionada? E se avariar alguma coisa?

Não me interpretem mal, não quero com isto dizer que não devemos ter as coisas, mas se uma diferença tão pequena pode dar tantas dores de cabeça, não haverá interesse em pensar noutras alternativas, se as houver claro?

Como eu disse, nem me importo de voltar a comprar outra cb500, só queria saber que alternativas tenho.
Como já deu para perceber eu importo-me com os consumos, até porque não trabalho e não sou eu que os pago, mas este tópico foi aberto não só pelos consumos, mas porque não sei o custo de manutenção das outras motas de que falei.

É claro que se ela cair, seja ela qual for, custa a arranjar, porque tanto cai uma que gasta pouco como uma que gasta muito, a diferença é o dinheiro que vais gastar em gasolina até lá, e esses 200 e tantos euros já pagam qualquer coisa.
Seja como for percebi o que quiseste dizer blink

Vamos fazer assim então:
CB500 vs XJ600 vs Bandit 600, todas de 1998? A nível de preços de manutenção, para quem já as teve.
A diferença é grande, de um twin na cb500 para um 4cil das outras?


Essas são as mais comuns e budget friendly que encontro. De resto vou vendo o que aparece, de mente aberta porque não posso ser muito exigente, e com calma desta vez.
Hoje por exemplo em principio vou ver uma Thundercat (YZF600), que não estava nada à espera, mas que do que li também é fiável. Não tem nada a ver com o que disse que estava à procura aqui, mas também por a ir ver não quer dizer que fique com ela, ando a estudar a situação.

[Imagem: RwtqB8G.gif]
Responder
#23

Não tenho muito a adicionar a este tópico. Venho só dizer que tenho uma XJ600 Diversion e Confirmo que a XJ600 consegue fazer menos de 5l/100 sem problemas. Em cidade tenho feito normalmente mais do que 5, mas metade do caminho casa-trabalho-casa faço-o ainda com o ar puxado e raramente vou com calma, portanto é normal que consuma tanto(trajetos curtos). Em deslocações mais normais já tenho feito consumos de 4L/100

XJ 600 Diversion Owner!
Responder
#24

Tive a Thundercat e fazia consumos entre os 4,5 e os 5,5L/100km, bastante fiável. Os únicos problemas a meu ver são a luz da frente (muito fraca) mas podes meter uma daquelas lampadas mais fortes e os travões, que apesar de não serem muito maus, podiam ser melhores, troquei para malha de aço e fez uma diferença enorme! blink

E levas uma catrefada de carga e fazes tiradas grandes sem problemas...

[Imagem: CeMM5be.jpg]

Ex Suzuki GS500
Ex Yamaha YZF600R - Thundercat
Ex Yamaha R1
Suzuki GSX-R 750
Responder
#25

Hoje fui experimentar uma Thundercat e meu deus..
Que bicho..
Estava lastimável, mas aqueles 100cv estavam lá bem presentes, até demais ahah. Saí de cima dela com um sorriso de orelha a orelha lol

Depois disso fui ver uma cb500, 1999, 80.000km, impecável, toda de origem e com topcase por 1500€. Honestamente foi a cb500 mais bem tratada que já vi. Inclusive o homem pareceu-me de confiança, levou-me à garagem dele, contou-me metade da vida e ainda descobri que era amigo do meu mecânico. Por este preço não arranjo uma cb500 naquele estado, pena ter que vender a minha primeiro para ter o dinheiro, entretanto vou continuando a ver.. Caso esta seja vendida entretanto.

Depois da yzf600, a cb500 pareceu um caracol.. lol

[Imagem: RwtqB8G.gif]
Responder
#26

Eu sou suspeito porque tenho uma Diversion, ainda que seja de 92, portanto mais antiga que aquilo que andas à procura. E tive a prova que consegue gastar abaixo dos 5l agora no passeio das pontes. Achava que não conseguia, pois os meus consumos não baixavam dos 5,5l no andamento normal, casa-trabalho-casa, até porque o caminho é a A5, e portanto com velocidades mais elevadas. Mas tal como já houve outros exemplos... é possivel dizer que ela é económica smile Facilmente se fazem consumos de 4,5l a 5l se nao andares sempre com velocidades superiores a 130km\h.

OFFTOPIC
(28-03-2016 às 12:22)MrOverclock Escreveu:  Em cidade tenho feito normalmente mais do que 5, mas metade do caminho casa-trabalho-casa faço-o ainda com o ar puxado e raramente vou com calma, portanto é normal que consuma tanto(trajetos curtos).
Por curiosidade, quantos kms fazes com o ar puxado!? Eu ao fim de 1 a 2minutos a trabalhar na garagem enquanto ponho luvas e capacete tá pronto, já dá para arrancar sem o ar puxado.
Responder
#27

Diogo.... há uma coisa que não entendo. Ainda há muito pouco compraste a GS500, certo? Qual o problema da mota para te quereres livrar dela já? disapointed

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#28

Por acaso o que o meu mecânico me disse foi que bastavam uns segundos com o ar puxado, o menos possível, e se não fosse usado melhor ainda.

Carlos-kb, vendi a cb500 porque arranjei um interessado, e dado o estado dela, e com as inspecções iminentes, achei melhor.
Comprei a gs500 como sendo qualquer coisa para desenrascar, enquanto não passavam os 3 ou 4 meses que faltavam para tirar a carta deslimitada, e porque acredito que não fosse perder dinheiro. Entretanto descobri coisas nela que precisam de ser trocadas que não reparei, material de desgaste, e como é uma mota que não queria manter por muito tempo e pela qual não morro de amores, nem estou para me chatear.
Assim faço dinheiro e vou tentando arranjar uma mota para manter mais tempo, sem limites de potência, nem que aguente os dois meses que faltam (até porque há um ou dois meses que já tenho andado de transportes mesmo, por não querer trocar o kit de transmissão da GS500)

TL;DR ... Comprei esta mota já com a intenção de me durar apenas uns meses e por saber que não ia perder dinheiro.
Foi uma rapidinha  smile

[Imagem: RwtqB8G.gif]
Responder
#29

(28-03-2016 às 23:13)Diogo.fps Escreveu:  TL;DR ... Comprei esta mota já com a intenção de me durar apenas uns meses e por saber que não ia perder dinheiro.
Foi uma rapidinha  smile

Tens a certeza que essa foi uma jogada acertada...? Não perdeste/vais perder dinheiro, tudo somado? Entre manutenção (por mínima que tenha sido), troca/renovação de seguro, uma mudança de nome "extra" e a possibilidade de perder dinheiro na venda, parece-me um mau investimento ou no mínimo um jogo meio arriscado.

E a GS500, do que vi nas fotos, até tinha bom aspeto.
Se calhar até merecia...
Responder
#30

Diogo, já estás a tratar do processo de alteração de carta? Não te esqueças que agora não é automático e terás que submeter-te a um exame prático thumbsup
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)