Mash Dirt Track 650
#1

Pois é, a Mash está a ficar uma "crescida" e lançou recentemente o seu membro da família de maior cilindrada até ao momento: a Mash Dirt Track 650. A componente visual da mota é sem dúvida (e para não variar) um elemento de destaque. Na minha opinião pessoal, está muito bem conseguida. Tenho algumas dúvidas quanto ao porquê de utilizarem o motor da XR, mas acreditando que procuravam sobretudo fiabilidade, talvez seja uma escolha tão boa como outra qualquer... bigsmile

Citar:A Mash Dirt Trak 650 é o novo membro da família Dirt Track e também de maior cilindrada da Mash.

A estética é inspirada nas motos de competição de Flat Track onde o conjunto de depósito, assento e a placa de farol lhe conferem em definitivo a alma Flat Track.

A unidade motriz é similar ao que equipava a Honda XR650 o que a fiabilidade já deu provas em todos os cantos do mundo com a diferença que a Mash adoptou electrónica da Delphi. Já que falamos no motor, este tem 40 cavalos às 6000rpm e um binário de 45Nm às 4500rpm levando a moto a uma velocidade máxima de 160km/h. Este modelo a refrigeração não é só a ar mas também por radiador a óleo de forma a ajudar a que o motor mantenha a temperatura óptima de funcionamento.

Uma mota amiga do ambiente pelas reduzidas emissões de gases de CO2 enquadrando-se nos parâmetros da norma Euro IV a tecnologia de injecção electrónica ajuda neste campo.

[Imagem: mash-force-650cc-mash_05.jpg]

O peso é outro ponto a favor, pois apresenta-se como a mais leve do seu segmento, 163kg o que por si só irá fazer com que o seu "coração" não tenha que fazer tanto esforço nas acelerações e arranque.

A nível da sua ciclística há a destacar as suspensões invertidas de 41mm e os amortcedores traseiros com depósito separado. Os travões de disco à frente de 320mm assistidos por sistema de ABS que contam com pinça radial na dianteira bem como a bomba de travão de mão que também é radial com regulação da manete para que esta esteja sempre à distância óptima para a sua condução.

Por fim temos as rodas ao mais puro estilo Flat Track onde são ambas de 18” e totalmente raiadas. A iluminação essa é em LED tanto à frente como atrás.

[Imagem: mash-force-650cc-mash_03.jpg]

[Imagem: mash-force-650cc-mash_01.jpg]

[Imagem: mash-force-650cc-mash_04.jpg]

Fonte: Relance

Responder
#2

Epa... a óptica só me lembra aquela moda do pessoal das motorizadas, que usava umas micas artesanais com lâmpadas de halogéneo GU5.3, daquelas de embutir em tectos falsos! bigsmile

[Imagem: NJFyFfu.jpg]
Responder
#3

(14-09-2020 às 16:27)carlos-kb Escreveu:  Epa... a óptica só me lembra aquela moda do pessoal das motorizadas, que usava umas micas artesanais com lâmpadas de halogéneo GU5.3, daquelas de embutir em tectos falsos! bigsmile

Nos meus tempos de DT 50, a moda era colocar umas micas merdosas (salvo erro a marca era HP) parecidas com aquela que mostras, que obrigavam a remover os manómetros da mota. Normalmene a acompanhar um guarda-lamas traseiro a apontar para o céu. lol

Aqui (apesar de tudo) parece-me algo um pouco mais sofisticado... pervert
Responder
#4

Eish cum crl, aquela frente! vomit para mim já era razao sufciente para nem sequer considerar como possibilidade de compra, por muito bom que seja o resto. Das piores frentes que ja vi, senao a pior mesmo. E ja vi muita merda feia, mas esta, takes the cake! lol
Responder
#5

(14-09-2020 às 16:47)Nfilipe Escreveu:  Eish cum crl, aquela frente! vomit para mim já era razao sufciente para nem sequer considerar como possibilidade de compra, por muito bom que seja o resto. Das piores frentes que ja vi, senao a pior mesmo. E ja vi muita merda feia, mas esta, takes the cake! lol

Pessoalmente acho que a mota está bem conseguida, e aquela frente parece encaixar bem ali, ainda que de uma forma peculiar.

Enfim "o que seria do amarelo se todos gostassem do azul?"... pervert
Responder
#6

Alias em comparacao ate faz parecer a frente de uma ducati multistrada 1000Ds algo bastante apelativo esteticamente! Só para verem como gosto daquela frente! devil
Responder
#7

Eu que gosto de motos clássicas (ou com inspiração clássica) com o típico quadro de duplo berço, não consigo gostar desta mistura com uma flat track. Acaba por não ser uma coisa nem outra.

Uma versão de estrada/rua de uma mota que é feita para andar em pista de terra oval... a mim não me parece bem.
Responder
#8

(14-09-2020 às 16:34)marco.clara Escreveu:  
(14-09-2020 às 16:27)carlos-kb Escreveu:  Epa... a óptica só me lembra aquela moda do pessoal das motorizadas, que usava umas micas artesanais com lâmpadas de halogéneo GU5.3, daquelas de embutir em tectos falsos! bigsmile

Nos meus tempos de DT 50, a moda era colocar umas micas merdosas (salvo erro a marca era HP) parecidas com aquela que mostras, que obrigavam a remover os manómetros da mota. Normalmene a acompanhar um guarda-lamas traseiro a apontar para o céu. lol

Aqui (apesar de tudo) parece-me algo um pouco mais sofisticado... pervert

Pois... Naquela Mash vejo praticamente uma chapa direita com cantos arredondados, com uma furação redonda, um "tóclante" e uma lâmpada de embutir... think

Nada que um gajo, dentro desse mesmo conceito das micas artesanais, não possa fazer, cortando com um serrote, um bocado de pladur que sobrou das obras lá em casa, de seguida abrindo um furo e embutindo uma dessas lâmpadas de encastrar.
Se tiver jeitinho para as artes gráficas, ainda pode arriscar pintar no pladur um nº 1 todo estilizado! lol

[Imagem: eLbPmJZ.png]

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#9

A Dirt ja está no mercado desde 2019, mas acho que em portugal so chegou mesmo no inicio deste ano,e sim a óptica ou é 8 ou 80, mas já existe uma opção mais aceitável...


[Imagem: yUqsyPFtqxqU5dLUIwHEhZSswlvJzpdzRSvFsZI5...UBdBi1XLyw]

O unico problema, acho eu, é que é muito pequena :\
Responder
#10

Mais do mesmo.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)