Honda CB 1100 RS - novidade Intermot 2016
#21

Claro que sim!
Vou perceber que as minhas Asinhas são as melhores!
Ainda era eu Tenrinho e o meu mano velho pôs-me nas mãos uma Tomcat.
Aquilo é que era, qual Avarilia, qual quê!
Eu não puxei nenhuma mudança e já vou a 140!
Depois veio a GTS, ganda avião!
É ainda, antes de comprar a Maria, andei na XX dele e, espanta-te, a que mais gostei foi o raio do piano!
De vez em quando vou experimentar motos e tal, mas não sei porquê as minhas são sempre melhores! cool

E sei perfeitamente, e devo dizê-lo a bem da verdade, que a tua "lechuga morá" é um excelente animal para os teu propósitos e que a Blu encaixa na perfeição no Carlos, mas pá.....
Como as minhas Asinhas não nenhumas!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#22

Boas;
Nelsonajm, não é bem assim, a honda já produziu motos poderosíssimas. Durante a minha adolescêscia havia uma Honda CB750 Four OHC em casa e que tinha o diabo no corpo. Posteriormente apareceu uma Honda CB900 Bol d'Or, que apesar de mais refinada subiu a fasquia. Esta nova CB1100 perdeu todo aquele veneno que caracterizou as motos desse tempo, é uma vergonha que faça um apelo tão forte aos mesmos... confused

LoneRider, não te reconheço personalidade jurídica para comentar o que quer que seja relativo a "corta-relvas" ou "motores de rega"!! devil

A moto é enfadonha como o catano!! Essa é a realidade e fez dela um fiasco, uma vergonha para a marca que tanto apelou ao pasado... confused
Responder
#23

(06-10-2016 às 19:51)Johnny_1056 Escreveu:  Boas;
Nelsonajm, não é bem assim, a honda já produziu motos poderosíssimas. Durante a minha adolescêscia havia uma Honda CB750 Four OHC em casa e que tinha o diabo no corpo. Posteriormente apareceu uma Honda CB900 Bol d'Or, que apesar de mais refinada subiu a fasquia. Esta nova CB1100 perdeu todo aquele veneno que caracterizou as motos desse tempo, é uma vergonha que faça um apelo tão forte aos mesmos... confused

Sim, foi o que eu disse mais ou menos... a Honda teve motos que eu assumo que foram poderosas e pioneiras... mas na generalidade a gama de motos da Honda sempre foi uma coisa muito enfadonha... tudo muito soft... demasiado bem acabado... nem muito potente... nem muito leve... nem muito pesado.... as normais "All rounder".... que encaixam bem em toda a gente...

Eu de todo não sou um amante dos produto deles... e então com o passar dos anos... parece que ainda foi pior... a nova Africa Twin fez-me virar a cabeça para olhar para ela... e esta CBR1000 também dei por mim a perder algum tempo a admira alguns pormenores que tem.... o que é coisa rara quando toca a uma Honda... eu ficar a olhar para ela...

Uma das coisas que DETESTO... é eles esconderem fios, arrumarem tudo, tampinhas e encaixes a esconderem coisas que na minha opinião deviam estar visíveis... e quando olhamos para aquilo.... fonix... parece um electrodoméstico...

Mas compreendo que eles fazem motas para ganharem dinheiro para continuarem a fazer mais motas... e que os mercados já não querem as motas que eu gosto.

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#24

(06-10-2016 às 17:49)LoneRider Escreveu:  Claro que sim!
Vou perceber que as minhas Asinhas são as melhores!
Ainda era eu Tenrinho e o meu mano velho pôs-me nas mãos uma Tomcat.
Aquilo é que era,  qual Avarilia,  qual quê!
Eu não puxei nenhuma mudança e já vou a 140!
Depois veio a GTS,  ganda avião!
É ainda,  antes de comprar a Maria, andei na XX dele e,  espanta-te, a que mais gostei foi o raio do piano!
De vez em quando vou experimentar motos e tal,  mas não sei porquê as minhas são sempre melhores!  cool

E sei perfeitamente,  e devo dizê-lo a bem da verdade,  que a tua "lechuga morá" é um excelente animal para os teu propósitos e que a Blu encaixa na perfeição no Carlos, mas pá.....
Como as minhas Asinhas não nenhumas!

E ainda bem que assim é! blink E no dia que deixar de ser lá as despachas (tirando a Maria claro) e vais buscar outras! bigsmile

Por isso é que um gajo as cuida tão bem, é porque gosta delas e nos dão um gozo enorme! bigsmile Vamos mas é fazer mais umas curvas! bigsmile lol

A minha máquina (e ex):
KTM 1290 SuperAdventure S
KTM 1290 Super Duke GT
Kawasaki Versys 1000
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]
Responder
#25

(06-10-2016 às 19:51)Johnny_1056 Escreveu:  Boas;
Nelsonajm, não é bem assim, a honda já produziu motos poderosíssimas. Durante a minha adolescêscia havia uma Honda CB750 Four OHC em casa e que tinha o diabo no corpo. Posteriormente apareceu uma Honda CB900 Bol d'Or, que apesar de mais refinada subiu a fasquia. Esta nova CB1100 perdeu todo aquele veneno que caracterizou as motos desse tempo, é uma vergonha que faça um apelo tão forte aos mesmos... confused

LoneRider, não te reconheço personalidade jurídica para comentar o que quer que seja relativo a "corta-relvas" ou "motores de rega"!! devil

A moto é enfadonha como o catano!! Essa é a realidade e fez dela um fiasco, uma vergonha para a marca que tanto apelou ao pasado... confused

É pá Johnny, não conheço essa tal de Jurídica mas estou-me borrifando!
Para mim é como se fosse a primeira vez! lol

Estas aqui a esquecer-te de um pequeno pormenor.
As Bol D'Or eram aquilo que hoje são as Fire Blade.
Por isso eram o que eram. Radicais!

Uma Neoclássica não precisa disso pá, pois é moto para gente madura, que sabe andar bem mas não quer uma moto que seja radical.
As Bonnie's também foram no seu tempo uma expressão desportiva da marca e hoje são motos com um ar utilitário bem vincado, como foi no seu tempo a tão bem aceite SevenFifty.
Acho que está moto não vai direccionada às grandes massas, mas sim a uma nicho de mercado em concreto, pelo que não tem que forçosamente ser um sucesso de vendas.
É, já agora, se me permites, a tal de jurídica também, nem todas as motos tem que ter um motor empolgante ou cheio de personalidade, uma vez que as motos que mais personalidade tiveram sempre serão recordadas pelos inúmeros defeitos que tinham! blink

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#26

(06-10-2016 às 23:27)LoneRider Escreveu:  uma vez que as motos que mais personalidade tiveram sempre serão recordadas pelos inúmeros defeitos que tinham!  blink

Mas eram esses defeitos que faziam a diferença... havia quem os chamasse de "feitio"...

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#27

(07-10-2016 às 10:34)nelsonajm Escreveu:  
(06-10-2016 às 23:27)LoneRider Escreveu:  uma vez que as motos que mais personalidade tiveram sempre serão recordadas pelos inúmeros defeitos que tinham!  blink

Mas eram esses defeitos que faziam a diferença... havia quem os chamasse de "feitio"...

Sem dívidas!
Mas não deixavam, nunca deixaram de ser inconvenientes! blink

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#28

(07-10-2016 às 10:57)LoneRider Escreveu:  
(07-10-2016 às 10:34)nelsonajm Escreveu:  
(06-10-2016 às 23:27)LoneRider Escreveu:  uma vez que as motos que mais personalidade tiveram sempre serão recordadas pelos inúmeros defeitos que tinham!  blink

Mas eram esses defeitos que faziam a diferença... havia quem os chamasse de "feitio"...

Sem dívidas!
Mas não deixavam,  nunca deixaram de ser inconvenientes! blink

E não é isso que dá piada ao "animal"... "elas" se não derem luta não têm piada... e tu sabes disso...

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#29

Mas é que não tenhas dívidas!  lol

Mas eu só acho que,  não se pode exigir o mesmo comportamento em todas as motas.
É existem delas que são mais amigáveis que outras.
Assim como esta, que até tem desculpa,  dizem que a VFR tem um motor amorfo e tal.
Eu tenho talvez o melhor tetra feito pela Honda montado num X11 e a mota dá uma pica do Katano, mas a VFR com o motor amorfo é bué mais rápida em aceleração. Tudo muito certinho e direitinho, mas chega lá num instante.
Não vou comparar a ciclistica porque não é justo,  mas na VFR é tudo bué certinho, previsível,  suave,  não dá de cú e tudo mais,  mas entre as 4000 e as 8000 rpm o sorriso é garantido.

No dia em que experimentei a CB1100EX subí ao Javali e fiz o em modo R de subida e Soft de baixada.
A ciclistica marca rapidamente os limites principalmente em aceleração à saída das curvas e o motor,  apesar de ter músculo não tem muitas altas.
No modo soft ela é serenidade e conforto, o prazer está mesmo ali,  na forma como tudo funciona de forma suave e te permite chegar relativamente rápido sem grandes inercias. Nesse modo é  fácil fazer curvas, tudo trabalha bem e dás por ti a fazer curvas de forma elegante e rápida,  sendo que tudo se faz,  até à tua condução de forma suave.
Em auto estrada dei por mim a fazer médias de 160 sem grande estrilho.
Ao final a minha conclusão foi esta.
Esta era a mota perfeita para o meu pai.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#30

Lol...

Fazer aquelas curvas... que parece que vais em cima dum carril... e até vais devagar... mas passas como se duma locomotiva se tratasse... crias o efeito de deslocação de massa de ar... e a malta das SS a olhar e a perguntarem-se.... mas como raio ele faz aquilo num barco daqueles... Lol... sei o que é...

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)