Tubos de travão malha de aço da HEL
#11

Vermelho? nausea
Bem...
Laranja dava para vomitar directamente! vomit

Pronto, pronto, não chores!

Eu quando estiver contigo na vertical compro-te um lápiz de rimel, que não é bem roxo, mas também não é bem preto, para tu te entreteres a pintar....

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#12

Pedro, mas a tua creio que não tem ABS, a intervenção é bem mais F$cil

Ditadura dos Flocos de Neve
Responder
#13

(03-04-2019 às 14:53)dmanteigas Escreveu:  Pedro, mas a tua creio que não tem ABS, a intervenção é bem mais F$cil
A dele tem ABS?
Pela mangueira que ele meteu na traseira pareceu não ter ABS. Para abs o kit traseiro julgo que seja mais completo.
Responder
#14

(03-04-2019 às 14:24)LoneRider Escreveu:  Embora não tenha feito uma pesquisa mais ao detalhe sobre isso, duvido que seja mais dos 350€ que terei que gastar para a Maria das Curvas.

Apesar do comando electrónico, as linhas de óleo são prácticamente as mesmas. O kit só trás os tubos flexíveis uma vez que os restantes tubos metálicos são perfeitamente reutilizáveis.

Agora, é uma operação mais complicada do que o normal e requer uma pistola de vácuo para purgar todo o sistema convenientemente.
Convém documentar-se previamente e ter toda a ferramenta à mão para fazer essa operação.

Pois... o que vi do C-ABS foi apenas esquemático e desconheço na prática como o sistema se constitui na realidade, face a um sistema mais convencional. Porque tens para além do modulador de ABS, os sensores e respectivas válvulas de controlo de pressão, velocidade e de retardamento que sincronizam / activam / desactivam o conjunto de êmbolos que actuam combinados, e o que vai de onde e para onde, é para mim um enigma. Como dizes, até te posso dar o benefício da dúvida, de que seja algo mais simples do que se possa imaginar à priori... mas... existe sempre um mas... think

A querer fazê-lo, nunca seria empreitada a que eu por conta e risco e de modo leigo, me propusesse "by my own". Ainda mais num sistema sensível e vital como é a travagem. releave

Ainda que no caso concreto da VFR12, sendo um dos seus pontos mais fortes o seu imenso poderio de travagem, quão benéfico (ou não) poderia ser uma alteração desta natureza? wtf

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#15

(03-04-2019 às 14:58)pedromt07 Escreveu:  
(03-04-2019 às 14:53)dmanteigas Escreveu:  Pedro, mas a tua creio que não tem ABS, a intervenção é bem mais F$cil
A dele tem ABS?
Pela mangueira que ele meteu na traseira pareceu não ter ABS. Para abs o kit traseiro julgo que seja mais completo.

Estava a falar da VFR

carlos-kb Escreveu:Ainda que no caso concreto da VFR12, sendo um dos seus pontos mais fortes o seu imenso poderio de travagem, quão benéfico (ou não) poderia ser uma alteração desta natureza?

A usar âncoras em vez de discos e pastilhas também é mais fácil ter um imenso poderia de travagem...

Ditadura dos Flocos de Neve
Responder
#16

(03-04-2019 às 14:58)pedromt07 Escreveu:  
(03-04-2019 às 14:53)dmanteigas Escreveu:  Pedro, mas a tua creio que não tem ABS, a intervenção é bem mais F$cil
A dele tem ABS?
Pela mangueira que ele meteu na traseira pareceu não ter ABS. Para abs o kit traseiro julgo que seja mais completo.

Por algumas fotos da XJ do Vulcano, não consegui vislumbrar em nenhum dos discos a cremalheira do sensor de rotação do ABS, sinal indicativo que teria.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#17

(03-04-2019 às 15:04)carlos-kb Escreveu:  
(03-04-2019 às 14:24)LoneRider Escreveu:  Embora não tenha feito uma pesquisa mais ao detalhe sobre isso, duvido que seja mais dos 350€ que terei que gastar para a Maria das Curvas.

Apesar do comando electrónico, as linhas de óleo são prácticamente as mesmas. O kit só trás os tubos flexíveis uma vez que os restantes tubos metálicos são perfeitamente reutilizáveis.

Agora, é uma operação mais complicada do que o normal e requer uma pistola de vácuo para purgar todo o sistema convenientemente.
Convém documentar-se previamente e ter toda a ferramenta à mão para fazer essa operação.

Pois... o que vi do C-ABS foi apenas esquemático e desconheço na prática como o sistema se constitui na realidade, face a um sistema mais convencional. Porque tens para além do modulador de ABS, os sensores e respectivas válvulas de controlo de pressão, velocidade e de retardamento que sincronizam / activam / desactivam o conjunto de êmbolos que actuam combinados, e o que vai de onde e para onde, é para mim um enigma. Como dizes, até te posso dar o benefício da dúvida, de que seja algo mais simples do que se possa imaginar à priori... mas... existe sempre um mas... think

A querer fazê-lo, nunca seria empreitada a que eu por conta e risco e de modo leigo, me propusesse "by my own". Ainda mais num sistema sensível e vital como é a travagem. releave

Ainda que no caso concreto da VFR12, sendo um dos seus pontos mais fortes o seu imenso poderio de travagem, quão benéfico (ou não) poderia ser uma alteração desta natureza? wtf

Atenção!

Só vais mudar os tubos flexíveis e sangrar o sistema, o ABS aqui não tem nada a ver!
É algo mais complicado sangrar que num sistema convencional porque o travão de trás está integrado no travão da frente, leva mais óleo e tem muito mais tubos pelo que existe maior probabilidade de haver ar no sistema. Na practica o procedimento é o mesmo, consistindo em retirar o ar primeiro na bomba, depois no circuito e por último nos émbolos da pinça, só que neste sistema deve ser feito pelas várias bombas que tem.

Aqui o ABS não tem nada a ver, pois o procedimento é precisamente o mesmo para uma mota com ou sem ABS. Para mudar o óleo hidráulico nem sequer é preciso desmontar os sensores nem nada.

A Pegasus tem 8 anos, se mudasses o liquido hidráulico e os tubos flexíveis irias constatar uma melhoria importante...
Responder
#18

(03-04-2019 às 14:25)pedromt07 Escreveu:  Porque não fizeste à frente também?
Se meteres o kit da Hel que bifurca logo na bomba até é bastante simples de sangrar.
Quando a minha 07 fez 4 anos meti o kit completo da Hel, em vez de meter tubagem original.
Vale a pena o preço, mesmo comprando em distribuidor oficial deles fica mais barato que no eBay .
A frente com o kit que falo fica assim:[Imagem: 86e2c782e08e19eacdd4ad91f7f9587c.jpg]

Abri este tópico só mesmo para confirmar se não tinhas deixado passar em branco esta excelente oportunidade de espalhar um pouco desse charme "dark side of japan" com apontamentos vermelhuscos!
cool

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#19

(03-04-2019 às 15:26)LoneRider Escreveu:  Atenção!

Só vais mudar os tubos flexíveis e sangrar o sistema, o ABS aqui não tem nada a ver!
É algo mais complicado sangrar que num sistema convencional porque o travão de trás está integrado no travão da frente, leva mais óleo e tem muito mais tubos pelo que existe maior probabilidade de haver ar no sistema. Na practica o procedimento é o mesmo, consistindo em retirar o ar primeiro na bomba, depois no circuito e por último nos émbolos da pinça, só que neste sistema deve ser feito pelas várias bombas que tem.

Aqui o ABS não tem nada a ver, pois o procedimento é precisamente o mesmo para uma mota com ou sem ABS. Para mudar o óleo hidráulico nem sequer é preciso desmontar os sensores nem nada.

Rui, pá... uma coisa é mudar unicamente o óleo da travagem... outra é substituir integralmente as respectivas tubagens flexíveis por outras. São coisas invariavelmente diferentes, seja no tipo de procedimento, como na respectiva complexidade. Ainda mais desconhecendo de todo como se compõe o sistema C-ABS.

O facto é que à partida, até mesmo os valores de kits de tubagens de malha de aço para motos "non ABS" vs motos com ABS, é logo imediatamente diferente.


(03-04-2019 às 15:26)LoneRider Escreveu:  A Pegasus tem 8 anos, se mudasses o liquido hidráulico e os tubos flexíveis irias constatar uma melhoria importante...

Na revisão que fez a semana passada, mudou tudo o que fossem consumíveis e fluídos passíveis de substituir... e entre eles, no que toca aos Dot4, os óleos de travagem e comando da embraiagem.
Só manteve as respectivas tubagens! proud

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#20

(03-04-2019 às 15:36)carlos-kb Escreveu:  O facto é que à partida, até mesmo os valores de kits de tubagens de malha de aço para motos "non ABS" vs motos com ABS, é logo imediatamente diferente.

Ia perguntar exatamente isto, já que nas MT's os kits para motas com ABS custam mais do dobro.

Relativamente à intervenção em si, também pensei que fosse mais complexa... e não era nada que eu sequer metesse em mãos de mecânicos de vão de escada, quanto mais fazer eu sozinho!

Ditadura dos Flocos de Neve
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)