Triumph 765 - O próximo motor para Moto2!!
#11

(06-06-2017 às 11:31)dfelix Escreveu:  
(06-06-2017 às 04:16)LoneRider Escreveu:  Espero que o motor seja fiável.

Obviamente que não é!
Andas nisto há tantos andas e ainda não sabes que só a Honda é que sabe fazer motores???  lol

Tenho um amigo que teve uma moto desta marca e era só chatices.
Sempre a avariar. E depois nunca havia peças. Eram meses de esperara! E custavam um balúrdio!

Esse teu amigo era o JPSimoes? devil

Nao foi uma... foram 3!


Responder
#12

(06-06-2017 às 11:39)carlos-kb Escreveu:  Eu acho bem.... nada como uma marca de lingerie a fornecer motores, para compensar a retirada das pit babes dos paddocks!!!  devil   angel  tong

Ma troca.

Eu gosto muito de motas, mas gosto mais de mulheres angel


Responder
#13

(06-06-2017 às 11:46)vindaloo Escreveu:  Ma troca.

Eu gosto muito de motas, mas gosto mais de mulheres angel

Concordo em absoluto.... mas com estas tentativas de "agayzar" o MotoGP.... do mal o menos!

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#14

(06-06-2017 às 11:45)vindaloo Escreveu:  Esse teu amigo era o JPSimoes?

Não faço ideia quem seja o JPSimoes! smile
Responder
#15

(06-06-2017 às 11:31)dfelix Escreveu:  
(06-06-2017 às 04:16)LoneRider Escreveu:  Espero que o motor seja fiável.

Obviamente que não é!
Andas nisto há tantos andas e ainda não sabes que só a Honda é que sabe fazer motores???  lol

Tenho um amigo que teve uma moto desta marca e era só chatices.
Sempre a avariar. E depois nunca havia peças. Eram meses de esperara! E custavam um balúrdio!

É que se houverem problemas de fiabilidade a marca pode sofrer consequências a nível de mercado.
No fundo desejo sorte à marca e acho que, a sair bem a jogada, que será uma excelente maneira de se promover.

E, acho que já devias saber, que não sou um incondicional das asinhas de franga, apesar de ter 6 lá na garagem.

Por mim, se tivesse as motos que gostaria de ter existiam 5 marcas lá na garagem, uma delas a marca que vai passar a fornecer os motores para a categoria de Moto2.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#16

(06-06-2017 às 00:16)dfelix Escreveu:  ...
A 675 continua no catálogo...
Não é reformulada há uns anitos. Mas quase nenhuma outro do segmento se pode gabar de tal coisa.

Boas;
Pois continua...
Pensava que já tinha sido descontinuada, devo ter feito confusão... Mas tenho ideia de ter lido que seria uma das vítimas das novas limitações ambientais impostas.

Quanto à questão da fiabilidade, acham que têm em casa motos mais fiáveis que a Triumph??
Responder
#17

Acho que tenho uma mota mais fiável que algumas motas da triumph, e menos fiável que algumas motas da triumph.

Generalizar... em geral é parvoíce.

Seja num sentido ou noutro!


Responder
#18

Boas;
Claro que generalizar é uma parvoíce!!
Tal como não compreendo como se pode continuar a questionar a qualidade do material Triumph, e logo este motor em específico que é uma referência.
Responder
#19

Entao mas os outros podem gostar e eu nao posso nao gostar?

Eu nao gosto muito de argumentar com base em experiência pessoal porque em geral acaba a remeter para o ''eu'' e acho deselegante, mas nao tenho nem 50 nem 500km em motores tricilindricos... e nao aprecio.

Ou melhor... acho que mais cilindros completam melhor a condução.

Da mesma maneira que nos carros, gosto de 8 cilindros, nao podendo ter tudo... pelo menos 6.

Prefiro um in line 6 bmw antigo que um 4 turbo com mais cavalos. Gosto da disponibilidade, gosto da progressividade e da suavidade ao por pe, e ao tirar. 

Mas nos carros... normalmente a malta ja acha mais fixe gostar de mais cilindros.


Responder
#20

(06-06-2017 às 12:52)LoneRider Escreveu:  É que se houverem problemas de fiabilidade a marca pode sofrer consequências a nível de mercado.

Vê as coisas pela lado positivo:
Se houverem problemas de fiabilidade só formalizar a fama que já tem!

(06-06-2017 às 13:06)Johnny_1056 Escreveu:  Pensava que já tinha sido descontinuada, devo ter feito confusão... Mas tenho ideia de ter lido que seria uma das vítimas das novas limitações ambientais impostas.

Falou-se imenso disso. E a lista era enorme...
Mas muitos desses modelos ainda continuam à venda. Não entendi ainda porquê.

Mas de qualquer forma a actual Daytona deve ter os dias contados!

Com o 765 deixa de fazer sentido manter o 675.
A não ser que pretendam manter homologada para correr em supersport.
Mas o próprio campeonato está moribundo com motos que atingiram o seu pico de desenvolvimento há uma década atrás.
Penso que será uma questão de tempo para a FIM reformular as regras.

Já agora um pormenor interessante:
Os motores que a Triumph introduziu recentemente cumprem... Euro 5!
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)