Tópico das perguntas básicas

(09-01-2016 às 23:47)LoneRider Escreveu:  Não te preocupes com isso.
A tem um relação peso potência superior...

Não estou a perceber  confused eu tenho a carta A2, no imtt diz que só posso conduzir motas com a relação peso/potencia inferior a 0,2 e a mota que quero tem 0,198...etc, o que podia sersmile mas no livrete aparece 0,2! x(

Eu não a queria conduzir sem ter a certeza que posso, pois já tive que tirar a carta toda outra vez por causa de uma cena assim parecida e não quero voltar arriscar mais
Responder

Não estejas a fazer contas.
A lei é clara no que diz, a relação peso potência não pode ser igual ou superior a 0,2kg/cv.
Agora, também é sabido que a XT não debita 48cv há roda, logo essa relação na prática é sempre superior.
Além disso, no caso de um problema, poderás demonstra-lo.
Se tu te portares bem, ninguém da com o gato.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder

Pergunta básica:

Em caso de queda, numa mota com carenagem dando como exemplo GSX650F ou CBR600F ou uma F800ST e haver danos significativos, qual seria o custo de uma carenagem nova? Normalmente costuma ser a carenagem frontal que engloba o painel até parte do motor.

Tenho ouvido que seria á volta de 1000/2000 euros, o que achei absurdo.
Responder

(15-01-2016 às 13:03)Lusitanian Escreveu:  Em caso de queda, numa mota com carenagem dando como exemplo GSX650F ou CBR600F ou uma F800ST e haver danos significativos, qual seria o custo de uma carenagem nova? Normalmente costuma ser a carenagem frontal que engloba o painel até parte do motor.

Tenho ouvido que seria á volta de 1000/2000 euros, o que achei absurdo.

Felizmente é coisa que nunca tive de vir a saber, pelas melhores razões! blink mas olha que quando elas caiem, não costumam ser apenas as carenagens que dão prejuízo.
Mas sim.... as roupagens de origem (marca), para uma moto, saem mais caras que ires comprares umas roupinhas para ti, à Prada ou à Gucci. bigsmile

Já que falas da F800ST... sei de quem tenha caído com uma (gelo numa curva), a mota tenha ido um bocado de rojo.... e não foram apenas carenagens. A reparação total "roçou", segundo o próprio, os quase 4 mil euros. (há um video dessa queda no "tubo")

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder

Eu nem quero imaginar se a minha vai ao tapete um dia...(toc...toc...toc...)

[Imagem: 7STkQ4B.jpg]
Responder

Ui... isso depende muito do modelo, e como o queres reparar.... vamos por partes...

Tomando como exemplo então a gsxf 650.

Se caíres e partires, tudo o assinalado na imagem.... vai sofrer com o duro do asfalto... se a queda for parada, a coisa não passa de uns toques, e muito provavelmente de todas as zonas assinaladas provavelmente os espelhos e os piscas é que vão sofrer mais....

Em andamento, a coisa muda muito de figura... basta uma queda a 15km/h para os danos serem bastante avultados...

[Imagem: aVzx2o9.jpg]

Como podes ver, as zonas de contacto são muitas... podes imaginar como ficarão após uma queda em andamento... e isto só deste lado... porque se for do outro lado, podes meter tampa do motor ao barulho...

Imaginando que cais e os pontos assinalados são os que se estragaram... podes contar seguramente com orçamentos na casa dos 1000€ para a reparação das carenagens e sua posterior pintura... porque se fizeres contas a carenagens novas vindas do importador... esquece... compra outra moto e guardas essa para peças, isto sem contar com a substituição por exemplo do escape, que soma mais uns 900€.

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder

Uns cogumelos começam a parecer muito baratos para aquilo que protegem.
É um bom investimento e em quedas a baixa velocidade/parado...olhando para a foto do Nelson, compensa e bem, podem não proteger tudo...mas podem evitar uma conta bem grande...a xj da escola que o diga...benditos LSL...

[Imagem: 7STkQ4B.jpg]
Responder

Então basicamente a assunto é: evitar comprar motas carenadas...ou será que vale a pena o risco?

Vou directo ao assunto, tenho uma belissima GSX650F azul de 2008 para venda, mas o dono ainda não colocou o anuncio. E estou profundamente dividido. É só mesmo por causa das carenagens, tenho que ter consciência que um dia posso ir ao tapete num dia de chuva, e só pensar na confusão que é reparar o dano de uma carenagem...não sei se vale o risco.
Responder

O que o nelson disse está muito correcto, mas atenção que mesmo isso é para o 'melhor' dos acidentes, um 'lowside crash', que é o mesmo que dizer que a moto 'simplesmente' cai para o lado em andamento e vai a deslizar pelo chão, quanto mais desliza, mais rompe. Mas o estrago e consequente custo de reparação mais que duplica em caso de 'highside crash', que é quando não consegues segurar a moto debaixo de ti e ela te atira para o outro lado. Aí tanto o teu tombo como o da moto vão ser muito piores, sendo que além de não haver cogumelos que safem, dependendo da velocidade a moto pode entrar em 'capotamento', dando várias voltas sobre si mesma, partindo tudo e mais alguma coisa dela de cada vez que embate no asfalto. Com alguma sorte, és atirado exactamente para o caminho dela, e depois dela dar as voltas que tem a dar ainda vem ter contigo para se espetar em cima de ti. Com o movimento centrífugo ainda vai fazer com que todas as peças dela queiram sair em todas as direcções, o que com ela a bater consecutivamente no chão não é difícil acontecer. Este tipo de acidentes vai partir a frente toda da moto, as carenagens laterais todas, e ainda pode partir a própria traseira da moto. Isto sem falar em acidentes com outros veículos, claro.

lowslide crash:
https://www.youtube.com/watch?v=kPG9Dakeb7Q

highside crash: (principalmente as do 0:13 ao 0:20)
https://www.youtube.com/watch?v=K2bOZL9xOlA
Responder

(15-01-2016 às 16:25)Lusitanian Escreveu:  Então basicamente a assunto é: evitar comprar motas carenadas...ou será que vale a pena o risco?

Vou directo ao assunto, tenho uma belissima GSX650F azul de 2008 para venda, mas o dono ainda não colocou o anuncio. E estou profundamente dividido. É só mesmo por causa das carenagens, tenho que ter consciência que um dia posso ir ao tapete num dia de chuva, e só pensar na confusão que é reparar o dano de uma carenagem...não sei se vale o risco.

É como já te disseram, vai depender muito. A minha R125 também teve uma pequena queda em chuva e ia precisamente fazer um highside, eu é que a afocinhei para ela fazer um lowside, já que segurá-la ficou fora de questão, preferi que tivesse os menos danos possíveis, ela e eu. E safei-me relativamente bem, apenas a carenagem lateral ficou arranhada, na marca uma pintura fica como nova e levavam 80€ (qualquer pintor me arranja isto por menos de 40€, a carenagem da frente ficou arranhada num dos bicos que faz lateralmente e aí nada a fazer, só substituindo a frente toda e nem me dei ao trabalho de saber o preço, ponta do escape riscada, travão dobrado, pisca partido. Basicamente endireitei o travão, comprei na china piscas novos e não mexi em mais nada lol
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)