Quedas&Quedas
#51

(09-08-2016 às 23:31)marco.clara Escreveu:  Moral da(s) história(s): não facilitar. Nem que seja para fazer 2/3km para ir beber um café, um azar tanto acontece numa distância curta como longa. No enlatado temos proteção à nossa volta... de mota o melhor que podemos ter é o equipamento certo, que por vezes não é o suficiente (quanto mais de t-shirt, calção e chinelo). Até me arrepio com aquilo que por vezes vejo na estrada...

Para quem necessita de "motivação" no Youtube o que não falta são vídeos como este:


Fiquei satisfeito com a primeira imagem .. nem vi mais nada  lol
E sim , basta andar uns metros para estar sujeito a alguma coisa .. ja aprendi isso de carro por causa do cinto..

Pvale
Responder
#52

Para os que têm tanto em conta os denominados "testes laboratoriais"....

https://www.youtube.com/watch?v=fBRQnqwHgcg&list=FL-sHAQ1WDc-C5hBV_agjBrQ&index=4

(10-08-2016 às 05:15)Nfilipe Escreveu:  Depois de ler estas historias ja ganhei motivação para torrar em andamento!lol

Não precisas de torrar. Há equipamento específico para verão, que facilita imenso o andar de moto com temperaturas mais elevadas, mantendo o nível de protecção e segurança.

[Imagem: macna-flare.jpg]

[Imagem: Alpinestars-SMX-2-Air-Carbon-Black-Vente...1-2219.jpg]

[Imagem: mn.2050.880v_silicum_sm.jpg]

E depois tens ainda isto:

[Imagem: untitled-2.jpg]

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#53

(10-08-2016 às 05:15)Nfilipe Escreveu:  Por acaso nestes últimos dias de calor, tenho sido um negligente do crl. Ainda no domingo vim de nazare ate lisboa so de t-shirt porque tava um calor insuportável mas sempre penso que a sorte la acabara um dia. Depois de ler estas historias ja ganhei motivação para torrar em andamento!lol

Ora é sempre bom saber que já contribuí para alguma coisa  lol

Cá por Viseu a temperatura facilmente chega aos 40 e realmente acho que raramente vejo alguem pela cidade devidamente protegido .. não julgo porque não sei como farei mais tarde , mas pelo menos a ideia que fica é simples , mais vale um tempinho de "sauna" que um tempão a lamber as feridas

Pvale
Responder
#54

Ainda esta segunda fui a Coimbra de manhã tratar de uns papéis e (como costume) ia de botas (cano curto), calças de ganga, luvas de verão, blusão de verão e capacete.
Mesmo de manhã a maioria das pessoas de mota com que me cruzei andavam de manga curta.

Depois de tratar de umas coisas fui a outro sitio perto e (também como costume dentro da cidade, perto e com calor) não fechei o blusão nem o capacete (modular)... curiosamente estava assim parado num semáforo, quando chega um gajo de manga curta e calções numa FJR, para ao meu lado, troca-se o aceno de cabeça e depois diz algo como " epá está calor para andares com isso tudo" lol

Blog com fotos de passeios de mota em: http://naosougajodefazerblogs.blogspot.pt/
Cumprimentos "V"!
--Cláudio A. B. Silva--
Responder
#55

As ligaduras depois são capazes de ser mais desconfortáveis.

Tenho um casaco de verão da Casa das Peles, e aguenta-se bem. É perfurado e é quase como andar de T-shirt.

Para andar no relax, cumpre a sua tarefa em caso de queda.

Boas curvas! 
Responder
#56

(10-08-2016 às 12:31)Pvale Escreveu:  Cá por Viseu a temperatura facilmente chega aos 40 e realmente acho que raramente vejo alguem pela cidade devidamente protegido .. não julgo porque não sei como farei mais tarde , mas pelo menos a ideia que fica é simples , mais vale um tempinho de "sauna" que um tempão a lamber as feridas

Com equipamento de Verão a "sauna" existe quando parado. Num semáforo, numa fila de transito mais complicada de "furar", etc. De resto, em andamento, pouco o notas.

E da primeira vez que levares com uma simples mosca num braço despido a uns 80/100 kms/h  é garantido que lamentas não teres levado o blusão.  redeye
E isto porque se em vez da tal "simples mosca" te bater, mesmo que na T-Shirt, um daqueles "mini-dumbos" que ás vezes fazem PLONCK! BOINC! e SPLASH! na viseira do capacete a conversa já será outra...  dead  blink

À umas semanas atrás apanhei com um passarito tresloucado, em contra-mão, em cheio no peito. A uns 100/120 km/h. Apesar de levar o blusão de verão, que mesmo sendo todo em rede perfurada tem protecção almofadada também à frente, até conseguir voltar a respirar normalmente outra vez ainda me demorou um pouco. Além de me ter esgotado logo toda a quota de vernáculo prevista para essa semana...  blink Mas agora imagina o efeito desse "encontro" numa t-shirt "fresquinha" ...  smile

Tudo isto para vincar o facto de que o equipamento não existe só e apenas por conta de eventuais quedas. Get It?  blink

[Imagem: wrong-bike.jpg]
Responder
#57

Quando tive o meu acidente, em que parti o pulso, os bombeiros, que são meus ex-colegas de escola apenas me disseram que tinha sorte em ir bem protegido.

Não descuro o equipamento, seja com calor ou com frio. A única coisa que alterno são as botas de cano curto ou cano alto ou as calças de cordura e as de ganga com proteção.
Responder
#58

Eu por acaso só uso casaco e luvas (e capacete, claro!) no trajecto casa-trabalho e trabalho-casa, que são cerca de 4kms. Quaisquer outras voltas são feitas com as botas, e, caso vá sozinho e com ideia de fazer umas curvas, ainda levo as caneleiras/joelheiras de downhill... É que conheço bem a sensação de arrastar no alcatrão... E prefiro suar um bocado do que ficar às manchas...
Responder
#59

Eu como tenho um casaco de cabedal preto daqueles old school, quando faz calor fica ainda mais desmotivante usa-lo porque apesar de nao ser de verao ainda é pesado p crl mas realmente tenho que me actualizar.
Eu nao evito luvas e casaco normalmente, alias luvas nunca mas serei so eu a pensar que calças proprias fará pouca diferença?

Ha uns tempos atras estava em evora e vi um casal a passar com os fatos compeltos de mota e capacetes na mao. E eu estava vestido normalmente porque a mala da mota me permite la deixar o casaco, luvas, capacete e quando se vai para algum lado, vistar alguma cena é muito bom nao andar com as cenas vestidas ou capacete na mao. E ao ve-los pensei que devia ser muito mas muito pouco pratico e desconfortavel andar com a fatiota completa vestida. Entao ir ao restaurante assim deve ser complicado, enquanto se destila dentro do fato a almoçar!lol
Responder
#60

(10-08-2016 às 15:27)Nfilipe Escreveu:  Eu como tenho um casaco de cabedal preto daqueles old school, quando faz calor fica ainda mais desmotivante usa-lo porque apesar de nao ser de verao ainda é pesado p crl mas realmente tenho que me actualizar.
Eu nao evito luvas e casaco normalmente, alias luvas nunca mas serei so eu a pensar que calças proprias fará pouca diferença?

Ha uns tempos atras estava em evora e vi um casal a passar com os fatos compeltos de mota e capacetes na mao. E eu estava vestido normalmente porque a mala da mota me permite la deixar o casaco, luvas, capacete e quando se vai para algum lado, vistar alguma cena é muito bom nao andar com as cenas vestidas ou capacete na mao. E ao ve-los pensei que devia ser muito mas muito pouco pratico e desconfortavel andar com a fatiota completa vestida. Entao ir ao restaurante assim deve ser complicado, enquanto se destila dentro do fato a almoçar!lol

Passear de mota tem os seus desafios e tem que se lhe diga. Quem quer minimizar a probabilidade de deixar parte da pele ou partes do corpo na estrada na eventualidade de queda, prefere sofrer um bocado com o calor e vai prevenido para esse eventualidade. Como já foi referido antes existe material de proteção próprio para o verão, e embora não tenham o mesmo nível de proteção que um de inverno/todo o ano, asseguram um nível de proteção bastante razoável e são relativamente frescos, principalmente em andamento. Se tiveres uma mota preparada para viajar e não quiseres levar a casa às costas, terás espaço para deixar o material de proteção na mota (incluindo calças que podem ser desenhadas para usar por cima de roupa e que são "fáceis" de vestir e tirar com calçado de proteção). Se vais tão confortável como quando vais com outro meio de transporte? Não, mas viajar de mota não é para todos, é para quem realmente gosta. Quem gosta mesmo com estas pequenas contrariedades continua a ir, os restantes desistem...

E quanto às calças faz mais diferença do que julgas, e dependerá sempre do tipo de queda que possas ter.

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)