Próxima mota
#31

(01-08-2016 às 11:21)carlos-kb Escreveu:  
(30-07-2016 às 23:41)michelfpinto Escreveu:  e sff não te metas a comprar BMW!  devil

Alguma razão coerente ou sustentada para essa dica?

Pensei que o meu smile no fim seria esclarecedor. Pessoalmente poucas motas do catalogo da BMW me fariam comprar uma, não gosto da maioria e são no geral caras.

A minha máquina (e ex):
KTM 1290 SuperAdventure S
KTM 1290 Super Duke GT
Kawasaki Versys 1000
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]
Responder
#32

(01-08-2016 às 15:44)michelfpinto Escreveu:  Pessoalmente poucas motas do catalogo da BMW me fariam comprar uma, não gosto da maioria e são no geral caras.

Epa.... há marcas com que eu simpatizo mais que outras. E dentro de qualquer uma enumero pelo menos dois ou três modelos que me podem prender a atenção, e outros tantos que posso abominar imediatamente. Mas nunca fui tendencioso por marcas.... admiro sim modelos, dentro das suas características, soluções e especificações que cada um apresenta.

Por exemplo, até numa Ural, numa Gas Gas ou numa Mash, consigo ver coisas interessantes (apesar de jamais ponderar a compra de qualquer uma delas). Mesmo dentro da gama BMW há modelos muito interessantes (para mim, evidentemente) e outros que jamais ponderaria.
Já me passaram pelas mãos umas quantas Honda, e actualmente é uma gama que não me desperta grandes palpitações, ainda que consiga achar que tem motos interessantes para determinados nichos ou que respondem adequadamente a certos parâmetros... e até sugerir algumas delas.

Generalizar um construtor, porque de forma tendenciosa, (pessoalmente) não se gosta da maioria e são caras, sugerindo inclusivé a sua não compra, é que já me parece algo fundamentalista. smile

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder
#33

Como te disse pensei que o smile fosse esclarecedor... tong Como ando sempre a "gozar" com as Hondas, mas dá para perceber que é brincadeira.

Mas é uma marca que em motas novas não me inspira confiança, pelos múltiplos problemas que se vão encontrando em novas. É verdade que hoje em dia é algo que se vai vendo um pouco por todo lado, mas as motas novas da BMW tem tido alguma tendência a ter mais problemas que as restantes marcas.

A minha máquina (e ex):
KTM 1290 SuperAdventure S
KTM 1290 Super Duke GT
Kawasaki Versys 1000
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]
Responder
#34

(01-08-2016 às 16:41)michelfpinto Escreveu:  Como te disse pensei que o smile fosse esclarecedor... tong Como ando sempre a "gozar" com as Hondas, mas dá para perceber que é brincadeira.

Michel... estou-te a responder tal como tu me responderias se eu sugerisse "não compres um piano ou uma alface!" (marcas pelas quais tu já demonstraste ter uma certa veia tendenciosa mais extremista), mas sem dar a devida razão sustentada.  smile

(01-08-2016 às 16:41)michelfpinto Escreveu:  Mas é uma marca que em motas novas não me inspira confiança

Mas afinal não gostas da marca pelos modelos da gama actual e por serem caras (como dizes acima).... ou por não te inspirarem confiança? lol

(01-08-2016 às 16:41)michelfpinto Escreveu:  pelos múltiplos problemas que se vão encontrando em novas. É verdade que hoje em dia é algo que se vai vendo um pouco por todo lado, mas as motas novas da BMW tem tido alguma tendência a ter mais problemas que as restantes marcas.

O 31 de boca é fod.... erhhh lixado! E as ideias esterotipadas também. lol

Problemas que se vão encontrando em novas? Quantas? Mais do que nas restantes marcas? Que dados concretos tens que sustentem isso que dizes? Ou é apenas o irmão na namorada do amigo do primo em terceiro grau, que disse?
Tendência a darem problemas.... tantas como as restantes.... com a diferença que a BMW já faz procedimentos neste sentido desde há muito, que as outras só recentemente começaram a fazer.... os ditos recall (alguns deles fora de garantia, inclusivé).

Nas novas, tens a garantia inerente. Se dão chatice, sejam BMW, Honda, Yamaha, Kawasaki, Ducati.....usa-a.... e faz valer os teus direitos.
Olha o exemplo de um ilustre membro deste forum, que comprou em tempos uma FZ6 e diz que foi o maior pesadelo que teve.

Eu neste aspecto posso falar por mim e não pelo que "ouvi dizer". Com uma BMW a caminho dos 10 anos de idade e com 62 mil kms, deu-me uma única chatice (que tive em mais duas motos, curiosamente japonesas), que foi um rectificador de corrente... E ainda um recall a título preventivo e custo "zero", com a mota completamente fora da garantia. O resto... consumíveis, bateria e gasolina.
Em uma década e com um nº de kms que possivelmente poucos neste fórum terão nas suas motos, não posso dizer assim, que tenha grande razão de queixa. O que não quer dizer que ande mais 100 metros e o motor não venha a agarrar.  lol
Mas não é por isso que posso dizer também que a marca da minha mota é melhor ou pior que as outras.... porque no fundo, é a mesma merd@! smile

É que se ainda me pagassem para fazer uma cruzada a favor da marca que tenho e denegrir as outras.... mas nem isso!  rolleyes

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder
#35

(01-08-2016 às 17:25)carlos-kb Escreveu:  
(01-08-2016 às 16:41)michelfpinto Escreveu:  Como te disse pensei que o smile fosse esclarecedor... tong Como ando sempre a "gozar" com as Hondas, mas dá para perceber que é brincadeira.

Michel... estou-te a responder tal como tu me responderias se eu sugerisse "não compres um piano ou uma alface!" (marcas pelas quais tu já demonstraste ter uma certa veia tendenciosa mais extremista), mas sem dar a devida razão sustentada.  smile

(01-08-2016 às 16:41)michelfpinto Escreveu:  Mas é uma marca que em motas novas não me inspira confiança

Mas afinal não gostas da marca pelos modelos da gama actual e por serem caras (como dizes acima).... ou por não te inspirarem confiança? lol

(01-08-2016 às 16:41)michelfpinto Escreveu:  pelos múltiplos problemas que se vão encontrando em novas. É verdade que hoje em dia é algo que se vai vendo um pouco por todo lado, mas as motas novas da BMW tem tido alguma tendência a ter mais problemas que as restantes marcas.

O 31 de boca é fod.... erhhh lixado! E as ideias esterotipadas também. lol

Problemas que se vão encontrando em novas? Quantas? Mais do que nas restantes marcas? Que dados concretos tens que sustentem isso que dizes? Ou é apenas o irmão na namorada do amigo do primo em terceiro grau, que disse?
Tendência a darem problemas.... tantas como as restantes.... com a diferença que a BMW já faz procedimentos neste sentido desde há muito, que as outras só recentemente começaram a fazer.... os ditos recall (alguns deles fora de garantia, inclusivé).

Nas novas, tens a garantia inerente. Se dão chatice, sejam BMW, Honda, Yamaha, Kawasaki.....usa-a.... e faz valer os teus direitos.
Olha o exemplo de um ilustre membro deste forum, que comprou em tempos uma FZ6 e diz que foi o maior pesadelo que teve.

Eu neste aspecto posso falar por mim e não pelo que "ouvi dizer". Com uma BMW a caminho dos 10 anos de idade e com 62 mil kms, deu-me uma única chatice (que tive em mais duas motos, curiosamente japonesas), que foi um rectificador de corrente... E ainda um recall a título preventivo e custo "zero", com a mota completamente fora da garantia. O resto... consumíveis, bateria e gasolina.
Em uma década e com um nº de kms que possivelmente poucos neste fórum terão nas suas motos, não posso dizer assim, que tenha grande razão de queixa. Mas não é por isso que posso dizer também que é melhor ou pior que as outras.... é a mesma merd@, no fundo! smile

É que se ainda me pagassem para fazer uma cruzada a favor da marca que tenho ou uso e denegrir as outras.... mas nem isso!  rolleyes

Carlos estás a precisar de férias... tong

Eu pessoalmente também não tive problemas com nenhuma delas... E a pianola com uns anos em cima e já tinha mais quilómetros que a Blu quando a vendi. Acima de tudo é uma questão de sorte.

Mas diria que o fundamentalismo talvez ande mais por outros lados que do meu... devil Não me vês ai a defender marcas de unhas e dentes em todos os tópicos. tong

Dei-te algumas razões pela qual não é uma marca que me chame à atenção quer em motas quer em carros já agora... Sei que é uma marca muito "amada" por Portugal no geral, mas a mim diz-me pouco. E referi que um modelo novo acabado de entrar no mercado não me inspiram muita confiança (talvez aqui não tenha sido suficientemente explicito da forma como o escrevi) pois existiram vários modelos que no passado recente tiveram problemas de juventude. Não é algo exclusivo da BMW, muito longe disso, mas sendo modelas com bastante eletrónica e afins tem dado mais problemas nesse sentido.

A minha máquina (e ex):
KTM 1290 SuperAdventure S
KTM 1290 Super Duke GT
Kawasaki Versys 1000
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]
Responder
#36

(01-08-2016 às 17:46)michelfpinto Escreveu:  Carlos estás a precisar de férias... tong

Eu pessoalmente também não tive problemas com nenhuma delas... E a pianola com uns anos em cima e já tinha mais quilómetros que a Blu quando a vendi. Acima de tudo é uma questão de sorte.

Mas diria que o fundamentalismo talvez ande mais por outros lados que do meu...  devil Não me vês ai a defender marcas de unhas e dentes em todos os tópicos. tong

Dei-te algumas razões pela qual não é uma marca que me chame à atenção quer em motas quer em carros já agora... Sei que é uma marca muito "amada" por Portugal no geral, mas a mim diz-me pouco.  E referi que um modelo novo acabado de entrar no mercado não me inspiram muita confiança (talvez aqui não tenha sido suficientemente explicito da forma como o escrevi) pois existiram vários modelos que no passado recente tiveram problemas de juventude. Não é algo exclusivo da BMW, muito longe disso, mas sendo modelas com bastante eletrónica e afins tem dado mais problemas nesse sentido.

Preciso de férias.... grande verdade. Mas por outros motivos que não as motos. Mas felizmente estão quase a chegar! bigsmile

Não sei quanto kms tinha a tua ex-pianola e se inclusivé foram feitos por ti. Não estou aqui a "medir a pilinha" de qual tem mais kms, mas a dizer que no cômputo geral, na marca que tanto criticas (possivelmente sem teres grande conhecimento de causa sobre a mesma, em nome pessoal), a minha experiência foge de longe ao teu estereotipo sobre a mesma.
Porque se for para falar de kms feitos em motos anteriores.... enfim, deixa-me é calar! lol devil

Como já disse tanta vez.... para mim há modelos e não marcas. Procuro dentro das diferentes gamas, aquilo que melhor se ajusta às premissas que tenho, no acto da compra, e escolho a partir daí, independentemente do logotipo estampado no depósito. E quando se trata de ajudar ou sugerir, também aconselho modelos (baseado no pretendido) e nunca marcas. Nunca me verás dizer "Honda não....", "Kawaskai jamais...", "foge das Aprilia", etc...

E não elegi a moto que tenho, pela razão de que em PT é uma marca "amada" (porque literalmente estou-me a cag@r para o que outros amam ou destestam) bigsmile .
Mas daquilo que havia no mercado e que eu pretendia, dos modelos elegíveis (independentemente da marca), foi o que melhor respondia, no momento da escolha, aos pressupostos definidos.

Modelos recentes a terem problemas, é "mato". E transversal a todos os construtores. A concorrência feroz dita que a pressa de lançar produtos novos, alguns ainda pouco "amadurecidos" e testados, para conquistar quota de mercado, é tramada neste aspecto.

Dizer que as BMW avariam por causa de terem electrónica (sendo que no fundo, qualquer moto actual usa e abusa da mesma), é tão subjectivo como dizer o que se diz das Suc... perdão, Ducati que saem de casa e regressam sempre de reboque.... ou o que se diz das Avaril.... erhhh... Aprilia, que passam mais tempo na oficina que na garagem.... o que se diz das Yama, que são doidas a mamarem óleo.... o que se diz das HD não andarem e não travarem...., o que se diz das Suzettes terem motores pouco fiáveis e avarias estranhas que ninguém descobre o que são... etc., etc..... Não passam grosso modo, de preconceitos e estereotipos criados, e ainda que possam ter um ténue fundo de verdade, não são nem de longe nem de perto, caracterizadores de cada um dos construtores referidos, actualmente.
Ao menos que valha a experiência de cada um.... e que cada um fale por tal!

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder
#37

Epa, deixem la as conversas de café pra depois e recomendem mas é uma mota ao homem!
Responder
#38

Eu queria mesmo mesmo era uma R1200R...mas como sou pobretanas, tenho de me contentar com uma moteca usada cry

[Imagem: 7STkQ4B.jpg]
Responder
#39

Carlos, sabes bem que a Fazer que tive não foi comprada nova, e na minha mão fez 19500 kms sensivelmente.

Não estava a medir pilinhas de quilómetros pois obviamente tens mais que eu, mal era, estava a falar de quilómetros/anos da mota, pois no caso da tua também não os fizeste todos. Nem é muito o meu género fazer isso...

E felizmente com a atual até agora tudo bem também, espero que assim continue.

Quanto à tua experiência na marca felizmente é boa, mas existem pessoas que conheces e o caso do Cláudio aqui no fórum que tiveram o mesmo problema e bem conhecido e a marca nem por isso o assumiu... Não são tudo rosas, e mesmo em garantia se tiver que andar sempre lá, mesmo resolvendo ninguém te paga o tempo e as chatices que tiveste...

A minha máquina (e ex):
KTM 1290 SuperAdventure S
KTM 1290 Super Duke GT
Kawasaki Versys 1000
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]
Responder
#40

(01-08-2016 às 18:52)luisnogueira Escreveu:  Epa, deixem la as conversas de café pra depois e recomendem mas é uma mota ao homem!

Eu já recomendei.... a Blu! (era só uma questão de números) lol
Que apesar do Michel ter dito para "não se meterem a comprar BMW", conhecendo pessoalmente o Veríssimo, acho que ficaria muito bem servido.  smile

(01-08-2016 às 18:53)pneves33 Escreveu:  Eu queria mesmo mesmo era uma R1200R...mas como sou pobretanas, tenho de me contentar com uma moteca usada cry

Das oil-head, encontras com facilidade. Das novas é que (ainda) é complicado.
A irmã gémea falsa, a RS está no meu leque de possíveis futuras opções. E também ando a ver se aparece uma usada, mas por agora, e apesar de já ter visto algumas, ainda são raras as que vão aparecendo, o que é natural, numa moto com apenas 1 ano de comercialização.


(01-08-2016 às 19:16)michelfpinto Escreveu:  o caso do Cláudio aqui no fórum que tiveram o mesmo problema e bem conhecido e a marca nem por isso o assumiu...

O caso dos moduladores ABS das K12, sim que é conhecido. E como já disse em outras ocasiões, sou o 1º a apontar o dedo a uma anomalia mais ou menos frequente e que a marca nunca assumiu (e já o deveria ter feito). Curiosamente, nem é um modelo assim tão recente, sendo que a anomalia é mais frequente nas primeiras.
Mas é por isso que vamos dizer que BMW não!?

(01-08-2016 às 19:16)michelfpinto Escreveu:  Não são tudo rosas, e mesmo em garantia se tiver que andar sempre lá, mesmo resolvendo ninguém te paga o tempo e as chatices que tiveste...

Mas é aqui que estou a querer chegar. Numa BMW não passas o tempo a "andar lá". É normal que haja num modelo ou outro algum recall, coisa muito comum a tanta motos na actualidade. Mas curiosamente, se atentarmos a notícias como estas:

http://www.visordown.com/motorcycle-top-...nufacturer

As tuas duas reconhecidamente "preferidas" até estão nesta tabela no top 3, independentemente depois das condicionantes de cada campanha, nº de modelos e unidades envolvidas. E claro que isto vale o que vale.   blink

A questão é que foste generalista demais com essa do "e sff não te metas a comprar BMW". Mas não conseguiste responder-me à pergunta sobre os fundamentos sustentados e coerentes para fazeres uma afirmação dessas.  smile

É que no fundo, a BMW não é melhor que as outras, como muitos querem fazer querer.... mas também não é pior como outros tantos tentam fazer passar. Porque no fundo, a merd@ é a mesma.... muda o cheiro apenas!  smile

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)