Primeira moto: Opniões
#1

Boas pessoal, tenho 26 anos, 1,80m e 81kg. Pretendo-me iniciar no mundo das duas rodas e de momento ando a tirar a carta de condução categoria A. A experiência que tenho com motas é muito reduzida (quase nula mesmo, andei numa casaleta 50cc algumas vezes apenas xD), a nível de andar em estrada coduzo carro a 7 anos regularmente( não sei se é relevante ou não) . A mota seria apenas para passeios e ocasionalmente ir para o trabalho (cerca de 25km para cada lado por estrada nacional pouco movimentada) quando o tempo assim o permitisse, pois será um veículo secundário. Não sou de grandes aventuras, logo apenas prentendo uma mota que seja confortável mas que tenha alguma potência para possa também aproveitar um pouco da estrada quando assim o entender e achar seguro sem exageros (até porque tenho bastante respeito e até um pouco medo de tudo que envolva velocidade escessiva), além disto tudo que seja uma mota que me agrade esteticamente e segura. E já agora a mota em que vou aprender a andar a sério da escola de condução é uma Suzuki Gs600.
Tendo em conta estes aspectos aqui vai disto.
O modelo que mais me faz perder de amores é a Yamaha MT-07 (versão 35kw) mas também me agrada a Kawasaki z650 (versão 35kw), Honda cb500f e KTM Duke 390, todas elas o modelo com abs. Sei que o ideal para primeira mota seria uma 125 ou 250 e que nenhuma das que falo em cima se enquadra, mas pela diferença de preços prefiro ter logo uma coisa que gosto e me agrada do que andar com algo que não me diz nada, para além que não pretendo andar sempre a trocar de mota mas sim comprar uma coisa que me sirva e agrade durante uns bons anos. Uma vez que à partida pretendo comprar nova, um dos meus maiores receios nos modelos que referi, por serem mais pesadas, é em manobras a baixa velocidade ou à mão deixar cair a moto e estragar alguma coisa.
Gostava da vossa opnião em relação aos modelos que falo e feedback das mesmas caso alguém aqui tenha alguma das referidas, se o meu raciocínio tem lógica ou se devo reformular tudo esquecer estes modelos e já agora vossa história caso tenham seguido um caminho idêntico aquele que estou a planear ou estejam numa situação idêntica (e se estão ou não arrependidos).   
Desde já obrigado. 
Um abraço e bons Km.
Responder
#2

Não vejo razão nenhuma para não ser uma dessas a primeira mota.

Se te deixa mais descansado, podes sempre arranjar una cogumelos.

À partida, ja te te deve filtrar as quedas ‘parvas’ de deixar cair a mota, mas que a todos acontecem. Independentemente da experiência.


Responder
#3

(27-08-2018 às 13:09)vindaloo Escreveu:  Não vejo razão nenhuma para não ser uma dessas a primeira mota.

Se te deixa mais descansado, podes sempre arranjar una cogumelos.

À partida, ja te te deve filtrar as quedas ‘parvas’ de deixar cair a mota, mas que a todos acontecem. Independentemente da experiência.

Nem de propósito ainda ontem a minha foi ao chão quando cheguei à bomba pq o descanso não ficou bem colocado.., ?

NH
Responder
#4

Só uma coisa que não percebo: Se estás a tirar a carta A, porque é que estás a considerar as versões limitadas da MT-07 e Z650?

Eu acho que não faz sentido nenhum comprar meia mota se podes guiar a mota toda...
Responder
#5

(27-08-2018 às 13:56)Nuno Aphex Escreveu:  
(27-08-2018 às 13:09)vindaloo Escreveu:  Não vejo razão nenhuma para não ser uma dessas a primeira mota.

Se te deixa mais descansado, podes sempre arranjar una cogumelos.

À partida, ja te te deve filtrar as quedas ‘parvas’ de deixar cair a mota, mas que a todos acontecem. Independentemente da experiência.

Nem de propósito ainda ontem a minha foi ao chão quando cheguei à bomba pq o descanso não ficou bem colocado.., ?
 
Já vi alguns tópicos sobre isso também, a minha questão é, vale a pena aplicar? É que alguns modelos não parecem fazer assim tanta diferença caso a mota tombe para o lado.
Responder
#6

(27-08-2018 às 14:01)pmp Escreveu:  Só uma coisa que não percebo: Se estás a tirar a carta A, porque é que estás a considerar as versões limitadas da MT-07 e Z650?

Eu acho que não faz sentido nenhum comprar meia mota se podes guiar a mota toda...


Apenas por uma questão de segurança e receio de ser demasiada areia para a minha camioneta, presumo que qualquer desses modelos estando limitada seja um pouco mais "mansa" e "compreensiva" com qualquer erro de novato que possa fazer por falta de experiência, embora eu seja muito cuidadoso, nuca se sabe.  
E julgo que posso remover o limitador mais tarde, quando me sentir mais a vontade. 
Mas achas que não seria necessário estar a considerar as versões limitadas e podia optar para as normais sem limitador? Sem limitador penso que a potencia original anda nos 55kw (70 e qualquer coisa cv)
Responder
#7

(27-08-2018 às 14:59)Fperson Escreveu:  Apenas por uma questão de segurança e receio de ser demasiada areia para a minha camioneta, presumo que qualquer desses modelos estando limitada seja um pouco mais "mansa" e "compreensiva" com qualquer erro de novato que possa fazer por falta de experiência, embora eu seja muito cuidadoso, nuca se sabe.  
E julgo que posso remover o limitador mais tarde, quando me sentir mais a vontade. 
Mas achas que não seria necessário estar a considerar as versões limitadas e podia optar para as normais sem limitador? Sem limitador penso que a potencia original anda nos 55kw (70 e qualquer coisa cv)

Acho que actualmente já não é possível deslimitar, mas não tenho a certeza. Há por aqui pessoal que te poderá esclarecer.

Quanto a ser necessário: eu também sou novato por isso a minha opinião vale o que vale. Tirei a carta de categoria A aos 41 anos, não tinha qualquer experiência (e ainda tenho muito pouca) e comprei uma XJ6F usada. Tem, salvo erro, 77 cv, mas só anda aquilo que o meu punho deixa andar.
Até hoje, cerca de 3.000 kms feitos nas minhas mãos (sou mesmo verdinho!!), nunca senti que fosse mota demais.
Responder
#8

(27-08-2018 às 14:39)Fperson Escreveu:  
(27-08-2018 às 13:56)Nuno Aphex Escreveu:  
(27-08-2018 às 13:09)vindaloo Escreveu:  Não vejo razão nenhuma para não ser uma dessas a primeira mota.

Se te deixa mais descansado, podes sempre arranjar una cogumelos.

À partida, ja te te deve filtrar as quedas ‘parvas’ de deixar cair a mota, mas que a todos acontecem. Independentemente da experiência.

Nem de propósito ainda ontem a minha foi ao chão quando cheguei à bomba pq o descanso não ficou bem colocado.., ?
 
Já vi alguns tópicos sobre isso também, a minha questão é, vale a pena aplicar? É que alguns modelos não parecem fazer assim tanta diferença caso a mota tombe para o lado.

A ideia que tenho é:

Os cogumelos em quedas pequenas protegem o suficiente para proteger os elementos que te garantem que consegues continuar viagem. Nem que seja com 2 dedos da manete embraiagem ou travão partidos.

Em quedas maiores... não fazem nada ou muito pouco.


Responder
#9

(27-08-2018 às 15:05)pmp Escreveu:  
(27-08-2018 às 14:59)Fperson Escreveu:  Apenas por uma questão de segurança e receio de ser demasiada areia para a minha camioneta, presumo que qualquer desses modelos estando limitada seja um pouco mais "mansa" e "compreensiva" com qualquer erro de novato que possa fazer por falta de experiência, embora eu seja muito cuidadoso, nuca se sabe.  
E julgo que posso remover o limitador mais tarde, quando me sentir mais a vontade. 
Mas achas que não seria necessário estar a considerar as versões limitadas e podia optar para as normais sem limitador? Sem limitador penso que a potencia original anda nos 55kw (70 e qualquer coisa cv)

Acho que actualmente já não é possível deslimitar, mas não tenho a certeza. Há por aqui pessoal que te poderá esclarecer.

Quanto a ser necessário: eu também sou novato por isso a minha opinião vale o que vale. Tirei a carta de categoria A aos 41 anos, não tinha qualquer experiência (e ainda tenho muito pouca) e comprei uma XJ6F usada. Tem, salvo erro, 77 cv, mas só anda aquilo que o meu punho deixa andar.
Até hoje, cerca de 3.000 kms feitos nas minhas mãos (sou mesmo verdinho!!), nunca senti que fosse mota demais.

Disso não sabia. Assim perde um pouco a vantagem comprar a mt-07 ou z650 em relação as outras duas. 
Então na tua opnião mesmo deslimitadas com a potência de origem, ambas são motos aceitavéis para primeira moto?
Responder
#10

São ambas motas boas para iniciar nestas andanças.
São ambas utilitárias que foram desenvolvidas precisamente para serem fáceis de conduzir, sem serem exigentes com o condutor e capazes de os levar longe sem grande dificuldade.

Das duas acho a Z mais jovial e interessante.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)