Primeira moto - ajuda dos mais experientes
#31

Portanto preferes a NC porque é maior e (parece) mais mota que a CB... Mas estás preocupado por causa da altura da NC.

Epá... Eu ia para a CB.
Responder
#32

Uma Ncoisa!?!?... Está juventude está perdida...

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#33

(14-10-2018 às 20:56)ruimlneves Escreveu:  
(14-10-2018 às 19:52)Velasquez87 Escreveu:  E experimentaste as duas andar?
.
É verdade que a CB é um nada mais baixa mas se em 1 ou 2 minutos que estive sentado nela já senti o banco duro...

Perfeito disparate.

Se em 2 minutos sentes desconforto numa mota, sem sequer a por a trabalhar...

... não é melhor antes um carro?


Responder
#34

Rui pá!
Volta a cometer o mesmo erro.

Não interessa a área de asfalto que o teu pé cobre.
Interessa o equilíbrio.

Dois minutos e já sentes duro!?
Deves ter um "pompis" todo florido pá!
É pá, está última primavera fiz quase mil kms na companhia de uma CB 500 pilotada por uma miúda que, embora tivesse outras queixas a relatar, não sentiu nada duro ao sentar-se na sua mota! devil

Temos que ser objectivos nas análises pá!

A NC é, sem dividas, um animal mais maduro, mais adulto, mais versátil e mais confortável, mas não é por te sentares 2 min na CB 500 que vais ter base de conhecimento para tomares essa conclusão.
A CB é mais jovem, mais espartana, orientada para os putos recém encartados que querem um motor económico mas sem o comportamento diésel da NC!

É pá, se queres uma NC o pessoal aqui vai-te dizer que isso não vale nadinha, que deita fumo pelo escape e tal, mas as evidências são gritantes, poucas são tão boas para o dia a dia se o que queres é um veículo económico e versátil.
Eu se necessitasse de uma mota todos os dias, tinha uma!

Voltando à altura do assento e tal....
Eu tenho la na garagem uma VFR e uma X11. Em ambas toco apenas com os dois bicos dos pés no chão e...
...ainda estou vivo.

Cair para o lado numa mota é algo que pode acontecer ao mais espadaudo e isso acontece só por um factor.
Perdeu o equilíbrio.
Assim que se ainda não te convenceste que as pontinhas são mais que suficientes quando se tem equilíbrio, não te esqueças que, numa mota nova, as suspensões ainda não acamaram pela falta de uso, que tem tendência a baixar um pouco a sua altura e tornar mais fácil montar e desmontar.
É claro que 4 o 5mm não serão uma grande diferença mas sempre é uma boa notícia para os tenrinhos que pensam que apoiar a planta inteira do pé no asfalto é uma garantia de segurança.

Devias-me ter visto a equilibrar uma 690 Enduro só com a pontinha do pé esquerdo desde o alto dos seus 960mm...

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#35

(14-10-2018 às 21:33)nelsonajm Escreveu:  Uma Ncoisa!?!?... Está juventude está perdida...

Pois... what

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#36

(14-10-2018 às 22:18)LoneRider Escreveu:  Temos que ser objectivos nas análises pá!

Tens razão, é muito fácil deixarmo-nos levar pela "emoção" em vez da razão.
Vou fazer o test drive também à CB e tentar decidir com a cabeça bigsmile

Acredito que as minhas dúvidas sejam por ser "tenrinho" e obrigado pela vossa paciência.
Responder
#37

Rebaixar a mota: não te metas nisso (já te explicaram porquê)
Rebaixar o banco: à vontade. Se for feito por um bom profissional ainda és capaz de ficar com um banco mais confortável.
Responder
#38

Portanto... aqui a miúda com 1.60 e uma cbf 1000, que apenas chega com as pontas dos pés ao chão vai-se desenrascando... 
Rebaixar o banco parece-me bem e até pode ficar bastante mais confortável do que era (foi o que fiz e passei a pôr as pontas dos dois pés no chão ao mesmo tempo, porque antes era à vez smile )
Quanto a rebaixar a mota tenho as minhas dúvidas... 
mas cada um sabe de si.

beijos
Responder
#39

Obrigado a todos pela ajuda.

Comprei ontem a NC750X.
Responder
#40

Os meus sentimentos.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)