Votação: Que moto escolherias? -
Honda Hornet 600 (2003-2004)
15.38%
4
15.38%
Honda Hornet 600 (2005-2006)
15.38%
4
15.38%
Suzuki Bandit 650 (2005- )
38.46%
10
38.46%
Uma Custom (Shadow, Virago, Dragstar, Intruder, Marauder, etc)
7.69%
2
7.69%
Outra
23.08%
6
23.08%
* Você votou por este item. Exibir Resultados


[Primeira mota] [Usada][500cc-750cc][2000€-3000€]
#61

(27-03-2015 às 10:06)Diogo Soares Escreveu:  @nelsonajm (desculpa o bombardeamento de perguntas)
1.Em viagens mais longas como se porta a "gaja de rabo empinado"? As paragens são mais regulares? Alguma dica aqui?
2.Tenho lido que os travões por exemplo são o aspecto que deixa mais a desejar no todo, mas que no entanto cumprem a sua função. O que pensas disto? Fizeste alguma "alteração" nesse sentido? (ou noutro que tenhas achado importante)
3.Se fosses hoje procurar uma "irmã gémea", que zonas da moto ias inspeccionar com especial atenção? Para além do belo do rabo lol

Boas, a B650, é uma máquina simples, muito robusta, fiável, e muito divertida, basta para isso saber como se tem de usar... a posição de condução é natural, nem muito inclinado, nem muito direito, os braços não vão muito abertos, e o pequeno deflector por cima do farol ajuda qualquer coisa até aos 140km/h, a partir daí o vento começa a ser muito, e torna-se desagradável, pelo menos para mim, pois deve haver que não se importe de andar a 180/200 numa naked... eu não o faço, para isso arranjava uma moto semi-carenada...
nunca precisei de fazer paragens por estar cansado, ou com dores no corpo durante a viagem...

Quanto à travagem, muito se fala... mas a verdadeira questão não é a travagem, mas sim a suspensão dianteira que sempre foi muito macia e branda... mesmo regulando a pré carga, continuava a ser muito branda, e isso fazia parecer que a moto travava mal, a minha como já a comprei com umas molas da Ohlins, nunca senti isto, a suspensão da frente ficou firme, e não é preciso grande força na manete para a travares a sério, o travão traseiro é sem dúvida uma bela surpresa, pela positiva, trava muito bem, quando o normal da roda traseira ser antes um "abrandão" em vez de travão.

Quando fores ver uma moto destas, não há muito mais que te possa dizer, além do que se aconselha aquando da compra duma usada... mas para este modelo, tinha especial atenção à cor dos colectores de admissão, se não tem uns tubos mais amarelos que outros, podem ser todos amarelos, mas com o mesmo tom... ver se o motor não faz muito barulho a frio, e depois se quando estiver quente, também não "restolha" muito, estes motores têm a característica de serem barulhentos, é normal, via a guia da corrente da transmissão para ver se não estava muito marcada, se os pneus estão gastos uniformemente, e se não tem fugas de óleo nos retentores das jarras da suspensão, de resto, mais nada, estas máquinas se forem bem tratadas, não dão chatices.

E lembra-te, é uma Suzuki, que só fazem barulhos estranhos, e parece que estão sempre desafinadas, e que o motor se está a partir todo... estes motores só ficam "certinhos" quando estão bem quentes... e gostam muito de andar em rotações mais altas, os regimes onde melhor trabalham é acima das 6500RPM.

Mais alguma coisa.... estás à vontade.

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#62

(27-03-2015 às 23:08)nelsonajm Escreveu:  Boas, a B650, é uma máquina simples, muito robusta, fiável, e muito divertida, basta para isso saber como se tem de usar... a posição de condução é natural, nem muito inclinado, nem muito direito, os braços não vão muito abertos, e o pequeno deflector por cima do farol ajuda qualquer coisa até aos 140km/h, a partir daí o vento começa a ser muito, e torna-se desagradável, pelo menos para mim, pois deve haver que não se importe de andar a 180/200 numa naked... eu não o faço, para isso arranjava uma moto semi-carenada...
nunca precisei de fazer paragens por estar cansado, ou com dores no corpo durante a viagem...

Quanto à travagem, muito se fala... mas a verdadeira questão não é a travagem, mas sim a suspensão dianteira que sempre foi muito macia e branda... mesmo regulando a pré carga, continuava a ser muito branda, e isso fazia parecer que a moto travava mal, a minha como já a comprei com umas molas da Ohlins, nunca senti isto, a suspensão da frente ficou firme, e não é preciso grande força na manete para a travares a sério, o travão traseiro é sem dúvida uma bela surpresa, pela positiva, trava muito bem, quando o normal da roda traseira ser antes um "abrandão" em vez de travão.

Quando fores ver uma moto destas, não há muito mais que te possa dizer, além do que se aconselha aquando da compra duma usada... mas para este modelo, tinha especial atenção à cor dos colectores de admissão, se não tem uns tubos mais amarelos que outros, podem ser todos amarelos, mas com o mesmo tom... ver se o motor não faz muito barulho a frio, e depois se quando estiver quente, também não "restolha" muito, estes motores têm a característica de serem barulhentos, é normal, via a guia da corrente da transmissão para ver se não estava muito marcada, se os pneus estão gastos uniformemente, e se não tem fugas de óleo nos retentores das jarras da suspensão, de resto, mais nada, estas máquinas se forem bem tratadas, não dão chatices.

E lembra-te, é uma Suzuki, que só fazem barulhos estranhos, e parece que estão sempre desafinadas, e que o motor se está a partir todo... estes motores só ficam "certinhos" quando estão bem quentes... e gostam muito de andar em rotações mais altas, os regimes onde melhor trabalham é acima das 6500RPM.

Mais alguma coisa.... estás à vontade.
Depois de ler isto,só me dá vontade de comprar uma b650.. shy

O maçarico  shy
Responder
#63

lol

Não sejas demasiado ansioso shady. Ainda agora compraste a tua. Desfruta dela e aprende com ela. Se tiveres calma e saberes esperar, vais ter tempo para teres muitas motos ao longo da tua vida.  blink
Responder
#64

Obrigado pelas dicas!
Fiquei com a dúvida ainda em relação às viagens maiores.
(27-03-2015 às 23:08)nelsonajm Escreveu:  nunca precisei de fazer paragens por estar cansado, ou com dores no corpo durante a viagem...

Ela realmente parece ser confortável, ainda por cima a altura do banco é regulável pelo que li entre 770mm e 790mm, o que para mim é uma vantagem pq sou baixo (praí 166cm). Na Fz6, que deve ter uns 790mm, só conseguia pousar o pé todo se a inclinasse um pouco para um dos lados shy

Mas enfim, o que eu queria saber é mais em relação à moto, nas viagens longas aquece muito? Ao ponto de teres de parar para ela arrefecer por exemplo..
Responder
#65

Boas, a b650 tem o banco e a altura do guiaddor reguláveis de origem, o que ajuda... Em relação ao motor aquecer... Digo-te uma coisa... É mais perigoso e fatal para uma mais moderna líquido cooled aquecer que a b650... Numa LC basta aquecer até aos 120 graus para queimares uma ju ta da cabeça... Ou quase... Na minha, no pico verão, medi eu uma vez quando cheguei ao trabalho, estava a debitar 78 graus quando a desliguei... Por isso.... Basta dizer que estes motores SACS nos idos 80 eram usados nas gsxr e nas pistas levavam grandes apertos...

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#66

(30-03-2015 às 11:47)Diogo Soares Escreveu:  Mas enfim, o que eu queria saber é mais em relação à moto, nas viagens longas aquece muito? Ao ponto de teres de parar para ela arrefecer por exemplo..

Numa moto dos anos 30 ou 40 talvez tivesses de o fazer! smile
Numa moto actual (com a sua mecânica em condições) nunca (independentemente do seu tipo de refrigeração)! blink

Aliás..... terás sempre de parar em tiradas longas.... não propriamente para ela arrefecer.... mas para reabastecer.... e para tu descansares... mas jamais por sobreaquecimento do motor! lol

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#67

Eu nas viagens longas, no pico do verão sempre tive problemas de sobreaquecimento... mas meu não das motas!

Se te meteres numa viagem longa no pico do calor, vais ver que a unica coisa que vai manter a temperatura normal é o motor...

...
Responder
#68

Pois! Era o que eu suspeitava  smile Thanks!
Eu é que vou sofrer um bocado no verão pq tenho um bocado a mania do preto, capacete preto, casaco preto, moto será preta espero eu..
Vai ser bonito haha cool
Responder
#69

(30-03-2015 às 14:12)Diogo Soares Escreveu:  Pois! Era o que eu suspeitava  smile Thanks!
Eu é que vou sofrer um bocado no verão pq tenho um bocado a mania do preto, capacete preto, casaco preto, moto será preta espero eu..
Vai ser bonito haha cool

O meu casaco tem uns fechos que se abrem para ciruclar o ar bigsmile e funcionam fica-se mesmo fresco bigsmile

O maçarico  shy
Responder
#70

É isso. Tens que apostar num capacete e num casaco que permita uma boa circulação do ar. Assim só torras quando está parado.

O casaco deve ter uns fechos virados para frente, mas convém ter outros fechos também atrás para deixar o ar sair, caso contrário faz balão. O meu tem os fechos da frente nos bicepes, o que faz com que quando eu esteja em cima da moto, como os braços ficam ligeiramente curvados, os fechos abrem bastante. É fixe nesse aspecto. Atrás tenho dois fechos na zona lombar que deixam o ar sair. Em termos de arrefecimento acho que não me posso queixar.

O capacete que comprei agora ao que consta também tem um excelente sistema de ventilação. A ver vamos.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)