[Primeira mota] Pedido de ajuda
#51

(25-11-2015 às 21:03)HFM Escreveu:  Enfim, penso que por ser uma mota nova no mercado, ainda não existam "reviews" a respeito disto. Já a z300 talvez ofereça uma maior garantia fruto da vasta experiência de mercado da marca. Não sei, estou só a especular....

Sim, a Benelli BN 302 é relativamente recente, e surgiu do relançamento da marca italiana , nas mãos da Keeway (Qianjiang Group). No entanto, aconselho-te a leres algo sobre o historial da mítica Benelli. Quando referes vasta experiência, e caso não saibas, a Benelli é a marca de motos europeia mais antiga, ainda em actividade (com períodos de interregno, claro), tendo começado a produzir motos desde 1911 (antes da BMW ou da Moto Guzzi).

Posso-te adiantar que aqui há 15 anos atrás, a Benelli estava num patamar de exclusividade quase ao nível de uma MV Agusta, por exemplo, com máquinas míticas como a TNT ou a Tornado Tre, ambas tricilindricas de 1130 e 900cc, que arrasavam pelas suas espectaculares linhas, do melhor que se fazia em design italiano.

[Imagem: 01_hi-01.jpg]

[Imagem: 800px-Benelli_Tornado_900_Tre_Novecento.JPG]

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#52

Nos idos 90, chegou a existir um stand da Benelli em Marinhais, bem como um Ducati em Muge, e outro em Samora Correia... adiante... cheguei a equacionar a compra duma Benelli 125 Sport, quando andava a escolher a minha primeira moto... não foi a eleita porque era a dois tempos, embora fosse de dois cilindros, custava na altura 350 contos nova, 0 quilómetros, nesta cor e tudo.

[Imagem: Benelli-125-Sport-Right-Side.jpg?fit=864%2C9999]

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#53

Quanto à benelli 302, poderás obter boas reviews no estrangeiro, procura por elas, existem inclusive fóruns sobre ela. Poderás procurar também por Keeway 302, que é o nome que se dá em alguns paises.

Não é assim tão má como parece, tem uma excelente relação qualidade/preço. Pagas pelo que compras. Simples assim.

Quanto a mota nova para primeira, bem eu fiz isso e não tive problemas. Mas cada caso, é um caso.
Responder
#54

CarlosKB e Nelson ajm, não quis de alguma forma desprestigiar a Benelli. Foi bem porreiro vcs darem-me a conhecer a marca, mas por exemplo, assim que o Officer a mencionou, fui logo à net consultar modelos e reviews. Li também a história da marca e percebi a sua larga experiência e a inovação em certos modelos. No entanto, estes esquemas de compras por grupos chineses e oferecer 1000€ a menos do que uma concorrente directa ( refiro-me à z300), um indivíduo desconfia. Se bem que as motas hoje em dia são todas ou quase todas produzidas na Ásia por forma a minimizar custos de produção. 

Por outro lado, o preço da z300 parece estar sobre valorizado. E sabem o que me disse o concessionário da Honda (que também é o da Benelli)? Já que vais dar 5000 e tal euros pela Kawasaki, tenho aqui uma oferta para ti da CB500 f, por mais 500 euritos.  E aí é que o homem me baralhou as contas. Nunca tinha ponderado essa Honda e por um preço similar até conseguia a KTM Duke 390, que pelo que tenho lido, embora com menos cc, é uma animal comprada com a CB 500F.

Enfim, I have a lot to think about.
Responder
#55

A CB500 é, e tendo em conta o espaço por donde te moves, uma mota para a vida.
Tens motor, conforto e performances mais que suficientes.
Se for a X até podes pensar em levar a pendura comodamente instalada. Isto tudo com a possibilidade de malas e outros acessorios que te podem facilitar a vida.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#56

Não compraria Honda. Mas uma Duke 390...ui ui!
Responder
#57

(26-11-2015 às 11:28)HFM Escreveu:  Li também a história da marca e percebi a sua larga experiência e a inovação em certos modelos. No entanto, estes esquemas de compras por grupos chineses e oferecer 1000€ a menos do que uma concorrente directa ( refiro-me à z300), um indivíduo desconfia. Se bem que as motas hoje em dia são todas ou quase todas produzidas na Ásia por forma a minimizar custos de produção. 

Hoje em dia é quase impossível fugir a produtos fabricados no oriente. Olha hoje em dia... tens a BMW a montar motores chineses da Loncin (nas G650) e a fabricar na India (G310R). Tens a Harley Davidson a fabricar na India as novas 500/750. Tens a Bajaj com parte do capital na KTM, tens no mundo automóvel, o conceituado construtor sueco Volvo, totalmente nas mãos dos chineses... isto só para citar alguns exemplos, entre tantos outros.

Claro que os custos de produção são um factor. Mas não só!
A possibilidade de entrar em mercados muito potenciais e vastos, até então difíceis de penetrar pelos construtores ocidentais, também torna apetecível estas "joint-venture", tal como a BMW fez recentemente com a TVS. Depois existe o reverso da medalha, que são os grandes construtores orientais (especialmente os chineses) também terem muita dificuldade em penetrar nos mercados ocidentais, pois à priori os seus produtos não são (ainda) vistos com bons olhos. E esta aglutinação às marcas ocidentais, com o respectivo rebranding, possibilita trazer para a Europa e USA, produtos à primeira vista, pouco apetecíveis comercialmente, se tivessem "selo" de uma marca originária da China.

No caso concreto da Benelli, a alienação pela Keeway, foi também uma forma de ressuscitar e manter o histórico construtor italiano. Olhando pelo que já havia visto na FIL, e agora tive oportunidade de visitar na EICMA, fiquei até muito bem impressionado com o "renascer" da marca de Pesaro.

Convém discernir entre produtos chineses, produzidos por eles, cujo R&D ainda é bastante medíocre, de que muitos (felizmente) nem sequer cá chegam. E produtos "made in China", mas com a chancela de controlo e qualidade de marcas ocidentais.

Por fim, é depois também uma questão de representatividade, e saber-se que não se vai ficar semanas indefinidas à espera de uma simples peça de substituição.

(26-11-2015 às 11:28)HFM Escreveu:  Nunca tinha ponderado essa Honda e por um preço similar até conseguia a KTM Duke 390, que pelo que tenho lido, embora com menos cc, é uma animal comprada com a CB 500F.

Só tem o "inconveniente", para mim, de ser monocilíndrica. Mas depois ganha em tudo o resto.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#58

Já agora venho aqui dar mais uma opinião sobre as Benelli.

A keeway (benelli), assim como a Sym, não são chinesas, nem tem qualidade de chinesas.
Também não são japonesas, mas estão num nível perfeitamente aceitável para uma utilização diária e sem grandes pretensões de prestações ou desportivismos puros!

Já vi uma benelli 302 estacionada, andei a vê-la e gostei do que vi!

Por acaso tenho curiosidade para experimentar uma.... e a TRK 502 ainda mais...

Ricardo - Honda CB500X
[Imagem: latest?cb=20150510093035]
Responder
#59

(26-11-2015 às 12:43)Mr.Ricky Escreveu:  A keeway (benelli), assim como a Sym, não são chinesas, nem tem qualidade de chinesas.

A Keeway é chinesa, e é um branding de produto da Qianjiang Motors, que também comprou a italiana Benelli. Em alguns países emergentes, existe assim Keeway BN302, que é em tudo igual à Benelli BN302 que vemos na Europa.
A Sym (San Yang Motors) é originária de Taiwan.

(26-11-2015 às 12:43)Mr.Ricky Escreveu:  Por acaso tenho curiosidade para experimentar uma.... e a TRK 502 ainda mais...

Já que não é fácil chegar-se à Multistrada.... chega-se à "Mini-Multistrada"? bigsmile

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#60

(26-11-2015 às 12:43)Mr.Ricky Escreveu:  Já agora venho aqui dar mais uma opinião sobre as Benelli.

A keeway (benelli), assim como a Sym, não são chinesas, nem tem qualidade de chinesas.
Também não são japonesas, mas estão num nível perfeitamente aceitável para uma utilização diária e sem grandes pretensões de prestações ou desportivismos puros!

Já vi uma benelli 302 estacionada, andei a vê-la e gostei do que vi!

Por acaso tenho curiosidade para experimentar uma.... e a TRK 502 ainda mais...

Tenho um amigo que comprei a Benelli 302 e só tem bem a dizer. A mota vem com pneus pirelli de origem, enquanto há Hondas que vêm com pneus chineses...e esta hein?

Adiante, a benelli 302 mesmo assim tem um motor com a mesma performance que a maioria das 250/300 do mercado. Só a R3 foge disto com mais de 40cv, assim como será a MT-03.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)