[Primeira mota] Olá a todos
#11

(22-04-2021 às 23:02)MotardFeio Escreveu:  CBF 125, não há que errar.

A TNT e a MSX são muito pequenitas para andar no meio dos carros com alguma segurança.

Boa sorte na escolha!!!

Falas por experiência? Já rolei várias vezes com uma msx e sem problemas...com maior facilidade de colocar os pés no chão.
Responder
#12

Eu inclinar-me-ia para uma CB125F ou CBF125 depois de corrigidos os "bugs" que todas têm.

O insignificante
Responder
#13

(23-04-2021 às 16:56)midnightblack Escreveu:  
(22-04-2021 às 23:02)MotardFeio Escreveu:  CBF 125, não há que errar.

A TNT e a MSX são muito pequenitas para andar no meio dos carros com alguma segurança.

Boa sorte na escolha!!!

Falas por experiência? Já rolei várias vezes com uma msx e sem problemas...com maior facilidade de colocar os pés no chão.

Sim, falo. Ter a cabeça ao nível dos retrovisores dos carros numa motita minúscula, não é a coisa mais tranquilizante para quem se inicia e vai para o meio do trânsito.

São divertidas sem dúvida e pronto.

É mais fácil e seguro andar numa moto que se veja melhor, e de onde vejamos melhor o que se passa dois/três carros à frente no trânsito, o que numa moto baixinha, convenhamos que se torna mais difícil.

Claro que é mais fácil de pôr os pés no chão. É baixinha né? E muito desembaraçada, mas...

É  apenas a minha opinião, certa ou errada.

Abc!

==================================
Sombra, saúde e Pau nas nalgas!

Que deus não pode dar tudo...
==================================
Responder
#14

Boa...ficas com a tua opinião e eu com a minha! Não há o certo e o errado.
Não convergem...
numa 125 não precisas de ver três carros à frente, só precisas de ser visto e escutado na medida do possível.

Mas a utilizadora deve escolher uma máquina em que se sinta à vontade, que tenha um peso equilibrado, potência de travagem qb e que encaixe na carteira.

a sugestão será test-ride e ver o que mais gosta e se adapta à carteira.
Responder
#15

(05-05-2021 às 10:15)midnightblack Escreveu:  Boa...ficas com a tua opinião e eu com a minha! Não há o certo e o errado.
Não convergem...
numa 125 não precisas de ver três carros à frente, só precisas de ser visto e escutado na medida do possível.

Mas a utilizadora deve escolher uma máquina em que se sinta à vontade, que tenha um peso equilibrado, potência de travagem qb e que encaixe na carteira.

a sugestão será test-ride e ver o que mais gosta e se adapta à carteira.

Tens razão, desculpa lá.

==================================
Sombra, saúde e Pau nas nalgas!

Que deus não pode dar tudo...
==================================
Responder
#16

Porque não uma Bajaj? Espera lá... O importador faliu lol

Agora a sério, as CBF125 são boas motas.
Usadas é ter sorte, há pessoal que descura a manutenção, e alguns até desligam a ficha do contador de km. Cuidado.

A nova CB125F é uma boa mota. Mas algo cara.

Tens a YS125 da Yamaha. Um pouco mais barata, algo pouco falada, mas de uma fiabilidade extrema.

Depois tens as marcas de clones chinesas.
Benelli/Keeway, Macbor, Zontes, Vortex, etc.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)