Primeira Mota
#11

Eu acho que a malta têm razão. Com a tua idade (praticamente a minha lol ) já podes saltar as 125cc.

Quanto ao nova ou usada?
Tudo depende se sabes mesmo o que queres e se tens a certeza que a mota é para manter uns tempos.
Como isso é muito difícil de saber antes de começar, se calhar uma usada dentro do estilo que gostes (mesmo que 125cc) não é nada má ideia para começares. (Além disso, nos primeiros tempos é fácil cair, ou deixar cair a mota).

Quanto as marcas que falas-te a Hanway mal conheço, a Mash pelo que telho lido até é uma boa marca em termos de value for money e não é chinesice é francesa smile
Está num terreno um pouco intermédio, tal como a Benelli, ou seja não concorrem directamente com "as motos de topo", mas são bem melhores que as chinesisses e tem um preço modesto.
As 250cc já estão no orçamento. No entanto, se tens certezas e estás para ai virado e for para manter, eu pessoalmente tentava esperar uns tempos (amadurecia a decisão) esticava o orçamento e ia para as 400 deles.
(Mas repito, pode ser asneira gastar tanto dinheiro inicialmente).

Eu não conheço muito bem o que há mais antigo. Mas a malta mais velha, conhece de certeza (o Nelson já deu alguns exemplos).
Se fores ver coisas mais antigas, as vezes podes encontrar algo em bom estado que depois podes transformar um pouco.

Blog com fotos de passeios de mota em: http://naosougajodefazerblogs.blogspot.pt/
Cumprimentos "V"!
--Cláudio A. B. Silva--
Responder
#12

(27-03-2016 às 10:40)nelsonajm, Escreveu:  Isto há uns anos atrás era mais fácil... encontrar uma dois e meio usada.... mas o mercado mudou muido... e essas dois e meio são quase inexistentes.... uma GN250, XV250, CB250 eram motos boas para o efeito... baratas, gastavam pouco, fiaveis, robustas... mas com esse advento das café racer´s... agora pedem preços absurdos por estas motos... já todas "cortadas"....

É mais fácil encontrares, uma CB500, GS500 usada que esteja em bom estado, e por bem menos que metade do valor que querias gastar....

é que ainda não sabes se realmente gostas de andar de moto... é que andar de moto não é para todos... e gastares logo 3500€ na moto, mais uns 700€ em equipamento... e depois vens a descobrir que não gostas de andar ao frio, à chuva, levar com azeiteiros e fogareiros, condutores de domingo, conheceres o asfalto e trata-lo por tu... ficares todo dorido, comer pó com fartura... enfim... estas coisas todas que fazem o "andar de mota" tão divertido...

Eu realmente começava com uma dois e meio usada... e depois logo se via o desenrolar das coisas...

E lembra-te sempre duma coisa... vais cair... e cair doi como o caraças.... na carteira, na pele e no Ego...

Boas Nelson. Obrigado pela opinião. Vou ver umas usadas, alguma dica quanto ao que devo ter mais em atenção? Peças novas, máximo de quilómetros, revisão, estado geral da mota etc? Obrigado e boa páscoa
Responder
#13

Acima de tudo tirava primeiro a carta, porque há muitos que desistem da mota antes de a poder, legalmente, conduzir.

Não concordo que seja deitar dinheiro fora comprando nova, dinheiro fora é comprar algo que não gostes só porque é jogar pelo seguro.

Mas o orçamento também obriga a alguma ginástica, isto querendo realmente algo novo.
Responder
#14

Tenho um amigo a vender uma mash 125, impecavel.

Se tiveres interesse diz
Responder
#15

(27-03-2016 às 23:23)inc_pt, Escreveu:  Tenho um amigo a vender uma mash 125, impecavel.

Se tiveres interesse diz

Eu a comprar seria a 250cc mas obrigado pela dica. Qual a opinião dele quanto à mota? Abraço
Responder
#16

Rafael_T, uma dica, quanto quiseres responder a alguém, vai aparecer algo tipo isto:

Código:
[quote='inc_pt' pid='34864' dateline='1459117397']
Tenho um amigo a vender uma mash 125, impecavel.

Se tiveres interesse diz
[/quote]

Deves inserir a tua resposta depois de [/quote] sempre. Senão isto fica tudo baralhado  thumbsup

Por exemplo:

Código:
[quote='inc_pt' pid='34864' dateline='1459117397']
Tenho um amigo a vender uma mash 125, impecavel.

Se tiveres interesse diz
[/quote]

Ah e tal bla bla bla a minha resposta.
Responder
#17

Eu às vezes acho que o pessoal deste fórum na verdade não gosta de motos. Quando um gajo vem aqui dizer que quer uma 125cc, dizem para não comprar. Se quer uma 1000cc, dizem para não comprar. Quer uma desportiva, dizem para não comprar. Querem uma moto nova, dizem para não comprar. Estão a tirar a carta, dizem que ainda se vai arrepender e que o chão é duro.

Eu gostava um dia de ver um gajo novo a chegar cá a dizer que quer uma moto e o pessoal a dar-lhe os parabéns por querer entrar neste mundo. Mas, já dizia o outro, I have a dream!
Responder
#18

(28-03-2016 às 10:14)Cloud Escreveu:  Eu às vezes acho que o pessoal deste fórum na verdade não gosta de motos. Quando um gajo vem aqui dizer que quer uma 125cc, dizem para não comprar. Se quer uma 1000cc, dizem para não comprar. Quer uma desportiva, dizem para não comprar. Querem uma moto nova, dizem para não comprar. Estão a tirar a carta, dizem que ainda se vai arrepender e que o chão é duro.

Eu gostava um dia de ver um gajo novo a chegar cá a dizer que quer uma moto e o pessoal a dar-lhe os parabéns por querer entrar neste mundo. Mas, já dizia o outro, I have a dream!

Uma 125cc será pouco para a maioria das pessoas, principalmente tendo uma altura de 1.85. Uma 1000cc é mota a mais para começar, ou começamos todos com um Ferrari? E uma desportiva dada a sua natureza não é a mais indicada para aprender, que é o que se fará depois de tirar a carta, porque mais uma vez as pessoas não costumam comprar um Subaru impreza WRC, etc para aprender.

Assim, como nos carros, uma boa opção é um utilitário usado, relativamente em conta e com uma potencia razoável mas não grande, onde poderá aprender e perceber se gosta de andar de mota, de que tipo de mota gosta, que utilização se quer dar, etc etc...

Se as pessoas estão com o dinheiro contado convém não se meterem em avarias e darem o passo maior que a perna. Pois os lirismos de que comprar a mota é só emoção, que compra o canhão com que sempre sonhaste, etc etc, acaba na maioria das vezes da pior maneira...

E por fim, se uma pessoa vem pedir uma opinião receberá a opinião que os outros acham ser o melhor ou o que lhes apetece dar. Nem todos pensam da mesma forma. Mas no final verás que na maioria das vezes a maioria recomenda uma utilitária usada entre 300 a 500/600 usada.

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#19

(28-03-2016 às 10:14)Cloud Escreveu:  Eu às vezes acho que o pessoal deste fórum na verdade não gosta de motos. Quando um gajo vem aqui dizer que quer uma 125cc, dizem para não comprar. Se quer uma 1000cc, dizem para não comprar. Quer uma desportiva, dizem para não comprar. Querem uma moto nova, dizem para não comprar. Estão a tirar a carta, dizem que ainda se vai arrepender e que o chão é duro.

Eu gostava um dia de ver um gajo novo a chegar cá a dizer que quer uma moto e o pessoal a dar-lhe os parabéns por querer entrar neste mundo. Mas, já dizia o outro, I have a dream!

Bem visto. thumbsup

Já agora: a minha primeira mota foi a ZZR1200, e não me arrependo nada! (o coração venceu a razão).

Boas curvas! 
Responder
#20

(28-03-2016 às 11:16)michelfpinto Escreveu:  (...) Uma 1000cc é mota a mais para começar, ou começamos todos com um Ferrari? (...)

Opssss!...  devil

blink  lol

[Imagem: wrong-bike.jpg]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)