Primeira aventura !
#21

Vou deixar um ponto de vista, ao qual cada um dá o crédito que entender correcto:

Hoje em dia estamos cheios de preconceitos. Parece que uma naked não pode entrar numa autoestrada, uma mota de estrada não pode pisar 1 cm de terra batida, uma mota de mato se toca em alcatrão parte a caixa, as desportivas partem os pulsos, as choppers o cu.... É os pneus, é as suspensões é os vidros...

Felizmente nem as motas nem os condutores têm necessariamente de sofrer este hipocondrismo. Ninguém duvida que há perfis mais adequados e menos adequados, mas a escolha da mota é uma coisa pessoal. Deve-se adequar um pouco à utilização expectável mas não vejo que com uma cb500 tenhas de ir a correr comprar um vidro ! nem nada que se pareça...

Desde que não compres um jet ski para fazer a 2ª circular... tá tudo bem. Escolhe a que gostares mais e possas!

O resto habituas-te.


Responder
#22

Concordo completamente com o companheiro vindaloo, apesar de existirem modelos mais dirigidos para um tipo de utilização, no geral todos fazem tudo. O importante é sentires-te bem na mota. Mas recomendo-te que concluas a carta e depois vai ao mercado ver o que há. Experimente as que puderes, vais encontrar muita coisa interessante, o que não quer dizer que essa não seja, apenas podes saber que é essa que queres depois de experimentares outras

"Viver a vida não é esperar que a tempestade passe, é aprender a andar à chuva"
Responder
#23

Sim , acredito que só andando é que vai percebendo realmente o quanto a moto é a ideal para o queremos blink

Comecei a pesquisar mais a CB500 sobretudo devido ao investimento "baixo" que seria necessário. Para além do mais a verdade é que até ver esta aventura não passa de isso mesmo ... vindo a "paixão" poderá fazer mais sentido dar outro tipo de salto 
Um moto que seja fiavel , esteticamente agradavel (tambem conta.. daí a ideia de tê la na cor branca que é a minha favorita em qualquer moto) e que seja possivel aplicar lhe umas malas é tudo o que irei precisar nesta fase.

Aos valores que se encontram acho que poderá ser um bom caminho

Pvale
Responder
#24

Assim como está esta por exemplo  bigsmile

[Imagem: 2842342_8e41a411c0f30b84.jpg]

Imagem retirada da web

Pvale
Responder
#25

(08-08-2016 às 12:58)vindaloo Escreveu:  Vou deixar um ponto de vista, ao qual cada um dá o crédito que entender correcto:

Hoje em dia estamos cheios de preconceitos. Parece que uma naked não pode entrar numa autoestrada, uma mota de estrada não pode pisar 1 cm de terra batida, uma mota de mato se toca em alcatrão parte a caixa, as desportivas partem os pulsos, as choppers o cu.... É os pneus, é as suspensões é os vidros...

Felizmente nem as motas nem os condutores têm necessariamente de sofrer este hipocondrismo. Ninguém duvida que há perfis mais adequados e menos adequados, mas a escolha da mota é uma coisa pessoal. Deve-se adequar um pouco à utilização expectável mas não vejo que com uma cb500 tenhas de ir a correr comprar um vidro ! nem nada que se pareça...

Desde que não compres um jet ski para fazer a 2ª circular... tá tudo bem. Escolhe a que gostares mais e possas!

O resto habituas-te.

clap  clap  clap 300% de acordo!

(No Inferno ás vezes em alguns sítios da 2a Circular passavas de Jet SKI acho eu lol)

O único conselho que te posso dar é que compres a mota que estiver mais original de todas, mesmo que seja para depois mudares tudo (são gostos e eu não tenho nada contra). Por exemplo uma CB500 branca, foi pintada (porque não saiu com essa cor) e isso é sinal que foi muito mexida... considero o risco de correr mal muito superior.

De resto, compra a mota que gostares e que te ofereça mais confiança. Tu vais habituar-te a ela seja a mota que for. Se por um lado quanto mais potente maior é o risco de te excederes, também (quase sempre) mais segura é a mota. Assim como o conceito da mota, na minha opinião é pouco relevante. Uma R é mais desconfortável na cidade, mas andam na cidade sem problema, e quem se habitua deixa de sentir esse desconforto.

Abraço,

...
Responder
#26

Apesar de ser verdade que uma mota com vidro/carenada seja mais confortável em autoestrada...

Preferia 1000x andar diariamente numa naked que eu gostasse ainda que mais desconfortável (ex Triumph Bonneville) do que numa carenada (ex Honda Deauville) só por ser mais confortável.

[Imagem: RwtqB8G.gif]
Responder
#27

Devo ser o único que anda em autoestrada com naked e não me importo minimamente.

O melhor mesmo é termos uma de cada, a minha 2ª está quase, e não pode ser mais desportiva que aquilo lol
Responder
#28

(08-08-2016 às 21:49)Fz1000 Escreveu:  Devo ser o único que anda em autoestrada com naked e não me importo minimamente.

O melhor mesmo é termos uma de cada, a minha 2ª está quase, e não pode ser mais desportiva que aquilo
Same here.

Enviado do meu Aquaris M5 através de Tapatalk

V
Responder
#29

Ainda vou estudando um pouco o que ha no mercado e gostei bastante desta Thundercat YZF 600R 

[Imagem: 600r.png]

Moto em que tenha de conduzir "deitado" não me interessam á partida e não serão de todo aconselhaveis a um maçarico.. digo eu... mas esta parece me um meio termo pelo que vi por aqui; 

[Imagem: Yzf600r.png]

Que até me parece uma condução mais natural do que na CB500 por exemplo;

[Imagem: 04wi0418_Ia_Rt_JUy_Uy_Uy_Uy_Uy0n.png]


Esta Thundercat está a cerca de 2000€ e está relativamente perto de mim... se bem que para uma moto de 99 diz apenas ter 6000KM´s what    alguns opinões ? 

Obrigado  blink

Pvale
Responder
#30

(10-08-2016 às 12:18)Pvale Escreveu:  se bem que para uma moto de 99 diz apenas ter 6000KM´s what    alguns opinões ? 

Normalmente são motos de velhinhas que as usam só para ir ao pão! lol

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)