Porque não se fala de MV Agusta?
#1

Bom dia pessoal,
Sou do Brasil, e peguei minha primeira Rivale 800, aqui no Brasil há grande dificuldade de peças desta Marca, 
porém realizei o sonho em ter uma, até agora gostando muito da moto.
A questão é, para vocês ai da Europa, esta moto não é mais acessivel? 

Porque não adquirem MV Agusta?
Responder
#2

Por estas bandas não é nada acessivel .

[Imagem: images?q=tbn%3AANd9GcT4XLIkYtQDw11iDiKFM...g&usqp=CAU]


Responder
#3

(26-07-2018 às 14:01)hjjs Escreveu:  Por estas bandas não é nada acessivel .

Mentira!!!

Qualquer ricaço compra uma para ir ao café ao domingo.

Em caso de dúvida, acelere...
Responder
#4

é uma moto bem legal, não vejo nada de fora do comum perto de outras, creio que o acabamento seja um dos maiores atraentes, peças realmente são caras, 
pelo visto terei que importar qualquer coisa que precise, por isso um cuidado especial, achei que seria mais acessivel na Europa....
Responder
#5

a MV turismo Veloce 800cc custa +/- o dobro de uma MT09 Tracer, e a Tracer parece-me "mais mota" e podia dar mais exemplos.

Em caso de dúvida, acelere...
Responder
#6

É cara, tem uma estética linda, ideal para pessoal de perna curta e conseguem-se concorrentes japonesas e europeias com dinâmica superior.
Responder
#7

A MV Agusta por cá é das marcas mais caras que existem, e em Portugal especificamente a representação não é a melhor.

Tem boas motas, mas os custos afugentam a maioria diria eu.


(26-07-2018 às 16:42)Furras Escreveu:  a MV turismo Veloce 800cc custa +/- o dobro de uma MT09 Tracer, e a Tracer parece-me "mais mota" e podia dar mais exemplos.

Está num patamar diferente da Tracer... É cara é verdade, mas joga claramente em outra liga...

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#8

Augusta? Quem é ela? Tem um bom par de mamas ao menos?  lol
Responder
#9

Boas pá bem vindo!

[Imagem: ibVN1KS.jpg]
Responder
#10

(26-07-2018 às 16:42)Furras Escreveu:  a MV turismo Veloce 800cc custa +/- o dobro de uma MT09 Tracer, e a Tracer parece-me "mais mota" e podia dar mais exemplos.

Penso que melhor comparação mais idêntica seria a ducati 950 multistrada que tem um preco base de 13.500euros face a 17.000 da turismo veloce.

Mas mesmo sendo mais cara, nao sao motas de todo inacessíveis. Especialmente num mercado onde se vendem GS 1200 todos os dias.

Eu penso que as principais razoes para o insucesso sao:

1) Falta de marketing e uma rede credível de concessionários.

2) Temos em Portugal mentalidade obcecada com custos de exploração. Preocupação com valor de revisões, consumos, impostos (IUC). Penso que muita gente socorre-se de uma pretensa racionalidade como muleta psicologica para comprar algo mais caro e melhor. Um ou outro talvez um pouco acima da possibilidade. A MV Agusta nao encaixa neste estereotipo de comprador.

3) O que esta na moda em Portugal sao as adventure bikes. Essas continuam a ser o sonho molhado da malta. Power nakeds, desportivas estao a cair em desuso gradualmente.

4) A MV Agusta tem fama de ser melindrosa e pouco fiavel, mas penso que isto deve-se mais a um preconceito popular.

5) Dinamicamente, alem de estarem soberbamente equipadas tambem nao sao motas que se destaquem demasiado da concorrência mais directa por andarem mais rápido na estrada ou fazerem melhores tempos em pista.

Na pratica ha sempre a ideia de que, as MV Agusta sao como as piscinas! Sao boas... de o nosso amigo ter uma!


Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)