Os nossos Pópós.
#81

Ola

A duas semanas andei num Mercedes de 560cv 6x6 que fazia so 60L/100 a 70km/h ja que estava limitado nao andava mais. mas a subir era pior que o demonio com 70T atreladas.

Um abraço
LOBO
Responder
#82

Boas;
Também tu?? Vocês não sabem andar com m#rdas normais e ecológicas?? censored
Cambada de abusadores!! lol
Responder
#83

(29-06-2015 às 17:06)Johnny_1056 Escreveu:  Boas;
Também tu?? Vocês não sabem andar com m#rdas normais e ecológicas??  censored
Cambada de abusadores!! lol

As vezes saio das portagens ha Fangio y os consumos instantaneos chega aos 400L!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#84

Este carro ficava muito bem na minha garagem... um W123 230E

[Imagem: Mercedes-Benz-230E_2571241b.jpg]

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#85

Tens de ver o que os Gajos do top gear usa fizeram a um w123 300td... cry cry
Responder
#86

Os gajos do Top Gear já fizeram muita coisa a muito carro, umas mais engraçadas que outras, mas em nenhuma o carro acabou em bom estado xD

@lobo: Mas isso tens que culpar o nosso sistema capitalista, que trabalha à base da especulação. É um poço sem fundo? Woho é ao preço da chuva. 'Pode' ter fundo? Então vai encarecer até vermos o fundo! Estamos exactamente no mesmo ponto, em nenhuma das situações se vê efectivamente o fundo, mas enfim, é como o sistema funciona, nada a fazer..

E eu também prefiro carros a gasolina, o meu gasta 10l/100Km e nem é nada de extraordinário (o carro).
Responder
#87

(29-06-2015 às 17:06)Johnny_1056 Escreveu:  Boas;
Também tu?? Vocês não sabem andar com m#rdas normais e ecológicas??  censored
Cambada de abusadores!! lol

Presente:

[Imagem: IMG_6682.jpg]

[Imagem: WP_000340.jpg]

[Imagem: WP_000318.jpg]
Responder
#88

Boas

A tecnologia desenvolvida em competição acaba mais cedo ou mais tarde por ser utilizada nos modelos de produção. Os sistemas de desativação dos cilindros já existem há muitos anos, sendo utilizados por diversas marcas em motores de 4 cilindros mas também em configurações V8, W12, V12, etc.

Outros construtores optaram pelos sistemas de desativação das válvulas (Honda com o VTEC, BMW com o VANUS por ex.) O primeiro Toyota Prius foi lançado em 1997, portanto todas estas "novas" tecnologias, no fundo não o são.

Com as cada vez mais restritivas normas ambientais e com automóveis mais antigos a serem proibidos de circular em diversas cidades europeias, as marcas socorrem-se da tecnologia para acompanhar estes novos tempos.
Por esse motivo, comprar um carro mais recente que não seja um computador com rodas, é missão quase impossível.

Neste momento assiste-se ao downsizing dos motores de competição (os atuais motores de combustão da Formula 1 tem 1.6 cc) mas já nos idos anos 80 os famosos motores Renault F1 4 cilindros turbo tinham 1.5 cc, o que não os impedia de alcançar mais de 1200cv em qualificação.

Tenho num 1.4 turbo de 2014 mais cavalagem e binário do que tinha num dois litros turbo de 2001, pago menos impostos, posso entrar em Roterdão, Amesterdão quando antes tinha que estacionar na periferia e no final de contas, tudo se resume ao rombo na carteira no final do mês.

Entendo perfeitamente (e tenho muitas saudades!) do encanto proporcionado pelo ronco de um belo gasosas atmosférico com uns Webber de duplo corpo, o ritual de afinar os ditos, limpar platinados e das duas motos que possuo, a minha favorita é a RC36II de 97...mas por vezes a palavra compromisso é complicada...

Abraços!
Responder
#89

tive um corsa 1.2 gasolina de 1991, tinha 45cv se não estou em erro, agora motores 1.0 têm perto de 100cv, modernices

Load ""
Responder
#90

Diariamente (em AE) ando num VW Scirocco 2.0 Tdi.
É simplesmente uma linda história de amor!

Honda CX 400 '83 Eurosport
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)