O que os portugueses pensam do Brasil?
#1

Esse tópico é mais pra ser uma comédia, mas é apenas uma curiosidade de um brasileiro....

O que pensamos dos portugueses, é que moram em um belo país, no qual muitos brasileiros tem vontade de passear a turismo...
Elogiam muito a educação dos portugueses....
Quanto as piadas sobre portugueses que surgiram no Brasil, não sei nem como veio a surgir, mas é pura besteira !
Sei que um pouco de novelas e musicas brasileiras, são do gosto do portugueses, mas aqui no Brasil é dificil de se escutar uma música,
filme ou novela de Portugal, estranho, mas as musicas não soam agradavel ao ouvido nosso, apenas um cantor português fez muito 
sucesso aqui, como Roberto Leal.
Enfim sonho um dia poder passear em Portugal, podem comentar sobre o Brasil sem dó rss, abraços a todos.

Poderia estar num hotel em Dubai, num barquinho no Caribe,
mas eu prefiro estar aqui, andando de motos com vocês !  bigsmile
Responder
#2

São um povo irmão.
Importamos aspectos importantes da vossa cultura como o Samba.
Acho que é normal que haja anedotas que ridiculiza tanto o português como o brasileiro, o que demonstra a cumplicidade entre ambas nações.
Existem muitos laços históricos e culturais que ainda hoje perduram.
Aos (muitos) brasileiros que encontro, por exemplo, no Reino Unido, trato sempre com respeito e carinho.

Quando se trata de fazer diferenças, a maior brincadeira existe no sotaque, no vocabulário usado, na forma como um brasileiro afronta a forma como os portugueses se tratam.
Para muitos, uma conversa corriqueira entre doís amigos portuguêses seria uma desfilar de insultos, aos quais assistiram perplexos!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#3

Tenho alguns amigos brasileiros... poucos... porque sinto alguma dificuldade de conseguir "ler" um brasileiro... mas os que tenho... são gente muito boa... acredito que os outros sejam assim também.

Parecem-me um povo muito positivista, e patriota.

têm uma gastronomia diferente da nossa... mas muito rica igualmente...

Têm a paçoca... que ADORO.... mas não poso abusar...

Não têm qualquer problema em partilhar conhecimento... e isso vê-se pela quantidade de publicações técnicas editadas... ninguém o faz em tamanha quantidade como os brasileiros... traduzem tudo... agora cabe a cada um... escolher o que é bom e deixar o resto de parte.

têm uma industria possante...

Considero-os uma "potencia"...economicamente...

Mulheres....

Ouvi dizer que fazem coisas que deixam qualquer homem louco... isto dito por um grande amigo que é brasileiro e que casou com uma portuguesa... e que avisa tudo e todos... fujam das brasileiras...

que conseguem realmente dar a volta a cabeça mesmo do mais casto ... não sei... ouvi dizer...

Lamentávelmente... não é um local que me puxe para querer visitar... preferia gastar o mesmo dinheiro e voltar a África... mas de férias... porque a trabalhar já estou cheio daquilo...

[Imagem: SM4eYt9.png]
Responder
#4

Boas pá! epah dos poucos brasileiros que tive o prazer de trocar impressões, um coisa disseram logo, motociclistas No Brasil são uns arruaceiros!!  devil  lol  lol isso da musica só se for musica romântica, Sim, a língua brasileira é mais "melosa", mas qualquer coisa tens aqui dois grandes senhores a discutir o assunto da Língua

[Imagem: ibVN1KS.jpg]
Responder
#5

ja tentei ver documentários e outras coisas em português Portugal, mas realmente difícil entender, parece que estão falando tudo muito rápido, assim como em algumas regiões do Brasil, são bem difíceis de entender, aqui em São Paulo falam devagar !

Adorei o video do comparativo do modo de falar as palavras, top !!!

Poderia estar num hotel em Dubai, num barquinho no Caribe,
mas eu prefiro estar aqui, andando de motos com vocês !  bigsmile
Responder
#6

Hoje em dia e como tenho alguns amigos e colegas de trabalho brasileiros, dou por mim a achar mais graça as piadas que eles próprios fazem entre si, até entre partes diferentes do Brasil (gaúchos, cariocas, paulistas, etc.) do que os velhos clichês entre o português e o brasileiro. Acho que a opinião de um povo em relação ao outro tem evoluído nos últimos anos por haver mais proximidade em geral.
Responder
#7

Dos 8 irmãos da minha mãe, 7 deles foram partindo para o Brasil muito jovens, ainda nos anos 50 e 60, tendo-se fixado no Rio, em São Paulo e Santa Catarina. Assim, tenho vários tios(as) e primos(as) brasileiros(as), pelo que para mim é natural esta relação "inter-continental", conheço q.b. a realidade brasileira, tal como eles conhecem e vêm cá com regularidade.

É um facto que a ideia que ambos os povos têm um do outro, tem mudado bastante.
A ideia que o portuga é padeiro, usa bigode, lápis na orelha e se chama "Manoel" e que a mulher, Maria, é feia, não toma banho e tem pelo no sovaco, já não é bem assim...
Tal como a ideia que o português tem, do brasuca, que é pé rapado, pobre, vigarista e não gosta de trabalhar... e a mulher brasileira é sempre put... também já não se verifica.

Ou seja, felizmente estes estigmas têm mudado ao longo do tempo.

Em contrapartida, a ideia que ainda mantemos por cá, é que o Brasil continua um país violento e com graves assimetrias sociais, também derivado da sua má governação, ao longo de anos, por sucessivos políticos corruptos. E apesar de ser uma potência económica (porque vocês aí têm tudo), continua asfixiado por essa mesma classe política, que promove essa enorme desigualdade e trava essa afirmação de uma nação que poderia ser das mais ricas a nível mundial.

Por outro lado, e contrariamente aos motivos que levaram os meus tios a saírem daqui há 60 anos, hoje Portugal é destino de eleição de muitos brasileiros que saem em busca de uma vida melhor, mais segurança e estabilidade, também pela proximidade linguística e cultural. E muitos destes brasileiros que vêm para cá, também levam para aí a imagem que Portugal é algo totalmente diferente, daquilo que era há mais de meio século atrás.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#8

(26-07-2018 às 23:46)marco.clara Escreveu:  Hoje em dia e como tenho alguns amigos e colegas de trabalho brasileiros, dou por mim a achar mais graça as piadas que eles próprios fazem entre si, até entre partes diferentes do Brasil (gaúchos, cariocas, paulistas, etc.) do que os velhos clichês entre o português e o brasileiro. Acho que a opinião de um povo em relação ao outro tem evoluído nos últimos anos por haver mais proximidade em geral.

(27-07-2018 às 16:03)carlos-kb Escreveu:  Dos 8 irmãos da minha mãe, 7 deles foram partindo para o Brasil muito jovens, ainda nos anos 50 e 60, tendo-se fixado no Rio, em São Paulo e Santa Catarina. Assim, tenho vários tios(as) e primos(as) brasileiros(as), pelo que para mim é natural esta relação "inter-continental", conheço q.b. a realidade brasileira, tal como eles conhecem e vêm cá com regularidade.

É um facto que a ideia que ambos os povos têm um do outro, tem mudado bastante.
A ideia que o portuga é padeiro, usa bigode, lápis na orelha e se chama "Manoel" e que a mulher, Maria, é feia, não toma banho e tem pelo no sovaco, já não é bem assim...
Tal como a ideia que o português tem, do brasuca, que é pé rapado, pobre, vigarista e não gosta de trabalhar... e a mulher brasileira é sempre put... também já não se verifica.

Ou seja, felizmente estes estigmas têm mudado ao longo do tempo.

Em contrapartida, a ideia que ainda mantemos por cá, é que o Brasil continua um país violento e com graves assimetrias sociais, também derivado da sua má governação, ao longo de anos, por sucessivos políticos corruptos. E apesar de ser uma potência económica (porque vocês aí têm tudo), continua asfixiado por essa mesma classe política, que promove essa enorme desigualdade e trava essa afirmação de uma nação que poderia ser das mais ricas a nível mundial.

Por outro lado, e contrariamente aos motivos que levaram os meus tios a saírem daqui há 60 anos, hoje Portugal é destino de eleição de muitos brasileiros  que saem em busca de uma vida melhor, mais segurança e estabilidade, também pela proximidade linguística e cultural. E muitos destes brasileiros que vêm para cá, também levam para aí a imagem que Portugal é algo totalmente diferente, daquilo que era há mais de meio século atrás.


A parte de violência é realmente complicado, especialmente nos trechos de São Paulo e Rio de Janeiro, no qual se roubam muitas motos... Moro em Sorocaba a 100 km de São Paulo, e evito ir para lá de moto.

Poderia estar num hotel em Dubai, num barquinho no Caribe,
mas eu prefiro estar aqui, andando de motos com vocês !  bigsmile
Responder
#9

Fábio, quando me refiro a violência, não me refiro somente a roubos de motos.

Neste capítulo, sabemos que o Brasil infelizmente ainda é um país com níveis de delinquência bastante elevados, com altos índices no que respeita a violência armada e homicídios (acima da média mundial no que se refere a crimes violentos), com uma das mais altas taxas de homicídios intencionais, do mundo.

E é essa triste realidade que felizmente não se assiste aqui neste cantinho "à beira-mar plantado" que se chama Portugal. Apesar de termos situações isoladas de crime violento (como é lógico), este não se reveste das proporções que existem em toda a América do Sul, fazendo com que Portugal seja um dos países mais seguros do mundo (o 4º mais seguro, segundo o ranking de 2018 do Institute for Economics and Peace).

https://sol.sapo.pt/artigo/617317/portug...o-do-mundo

É também esta sensação de segurança geral, para além de outros aspectos, que estão a atrair bastantes brasileiros a fixarem-se em Portugal.

https://www.jn.pt/mundo/videos/interior/...10981.html

Curiosamente, o furto de motos é um "ramo" da criminalidade que está a crescer exponencialmente, em Portugal (tal como em outros países europeus), possivelmente também acompanhando o crescimento do respectivo parque motociclístico. Ainda que o roubo de motos aconteça mais em parques de estacionamento e garagens (com as motos estacionaadas e sem os donos por perto), do que propriamente por "hijacking" à mão armada, na estrada ou num semáforo, como sabemos que acontece no Brasil.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#10

Como vocês sabem, sou brasileiro. Tô aqui a três anos já. Fui lá pra terra das alheiros, Mirandela, e depois vim pro Porto. Gostava muito do Rio, onde morei desde pequeno, mas realmente Portugal é um país que é fácil de se apaixonar haha. Os portugueses são gente boa demais, assim como se verifica nesse grupo. Em relação a qualidade de vida não tenho nem o que comentar né, é um paraíso. O início foi difícil, eu e minha família sofremos preconceito em Mirandela, por ser interior, então foi complicado. Mas com o tempo as coisas melhoraram e passei a amar esse país. Tenho visto muitos brasileiros vindo morar aqui (meus primos, avós). Daqui a pouco Portugal é nosso... cuidado


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)