Nova CB1000R
#21

Por acaso e a ser algo como essa capa, está bem fixe (olhando ao design algo ínsipido das mais recentes criações que têm vindo lá do "galinheiro"). E gosto da simplicidade do farol redondo, fugindo à moda das ópticas esquisitóides que temos visto em qualquer uma das naked derivadas das superbike das marcas concorrentes.

Mas tenho pena de se ter perdido um dos must das CB1000R... o mono-braço.
Responder
#22

(23-10-2017 às 10:19)carlos-kb Escreveu:  Por acaso e a ser algo como essa capa, está bem fixe (olhando ao design algo ínsipido das mais recentes criações que têm vindo lá do "galinheiro"). E gosto da simplicidade do farol redondo, fugindo à moda das ópticas esquisitóides que temos visto em qualquer uma das naked derivadas das superbike das marcas concorrentes.

Mas tenho pena de se ter perdido um dos must das CB1000R... o mono-braço.

Complica-me bem mais o juízo não conseguir perceber se o "copo" da embraiagem desapareceu mesmo  mad ou está apenas "escondido" pelo ângulo em que a foto foi tirada.  rolleyes

Venham mais bonecos! E specs, já agora... smile

[Imagem: wrong-bike.jpg]
Responder
#23

(23-10-2017 às 11:15)n00b1e Escreveu:  
(23-10-2017 às 10:19)carlos-kb Escreveu:  Por acaso e a ser algo como essa capa, está bem fixe (olhando ao design algo ínsipido das mais recentes criações que têm vindo lá do "galinheiro"). E gosto da simplicidade do farol redondo, fugindo à moda das ópticas esquisitóides que temos visto em qualquer uma das naked derivadas das superbike das marcas concorrentes.

Mas tenho pena de se ter perdido um dos must das CB1000R... o mono-braço.

Complica-me bem mais o juízo não conseguir perceber se o "copo" da embraiagem desapareceu mesmo  mad ou está apenas "escondido" pelo ângulo em que a foto foi tirada.  rolleyes

Venham mais bonecos! E specs, já agora... smile

E??
Se bem me lembro não gostas muito de copos tong
Responder
#24

(23-10-2017 às 11:27)Rod Escreveu:  
(23-10-2017 às 11:15)n00b1e Escreveu:  Complica-me bem mais o juízo não conseguir perceber se o "copo" da embraiagem desapareceu mesmo  mad ou está apenas "escondido" pelo ângulo em que a foto foi tirada.  rolleyes

Venham mais bonecos! E specs, já agora... smile

E??
Se bem me lembro não gostas muito de copos  tong

E... Sem "copo" não há hidráulico...
Sem hidráulico resta o cabo...
E para embraiagem mecânica já há no mercado as BMW, Triumph ou PCX. (Opsss... Estou-me a repetir devil  troll )

[Imagem: wrong-bike.jpg]
Responder
#25

Possivelmente e à semelhança da desportiva, da qual herda os entrefolhos, abandonou também a embraiagem hidráulica que a anterior CB1000R usava.

[Imagem: 2017-honda-cbr1000rr-cockpit-honda-cbr10...baf9b7.jpg]
Responder
#26

(23-10-2017 às 11:36)n00b1e Escreveu:  
(23-10-2017 às 11:27)Rod Escreveu:  
(23-10-2017 às 11:15)n00b1e Escreveu:  Complica-me bem mais o juízo não conseguir perceber se o "copo" da embraiagem desapareceu mesmo  mad ou está apenas "escondido" pelo ângulo em que a foto foi tirada.  rolleyes

Venham mais bonecos! E specs, já agora... smile

E??
Se bem me lembro não gostas muito de copos  tong

E... Sem "copo" não há hidráulico...
Sem hidráulico resta o cabo...
E para embraiagem mecânica já há no mercado as BMW, Triumph ou PCX. (Opsss... Estou-me a repetir devil  troll )

E?? Não há razão para ser uma coisa imprescindível...
Responder
#27

(23-10-2017 às 11:36)n00b1e Escreveu:  E para embraiagem mecânica já há no mercado as (...) PCX.

Experimenta numa PCX, em andamento, tentares carregar na "embraiagem"... Vais achar engraçada a reacção que a mota tem!  bigsmile

Depois quando possas, vem cá contar!  devil

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#28

(23-10-2017 às 12:08)Rod Escreveu:  
(23-10-2017 às 11:36)n00b1e Escreveu:  
(23-10-2017 às 11:27)Rod Escreveu:  E??
Se bem me lembro não gostas muito de copos  tong

E... Sem "copo" não há hidráulico...
Sem hidráulico resta o cabo...
E para embraiagem mecânica já há no mercado as BMW, Triumph ou PCX. (Opsss... Estou-me a repetir devil  troll )

E?? Não há razão para ser uma coisa imprescindível...

Não é imprescindível.
A embraiagem hidráulica, tem como grande vantagem o não partir cabos e ser um pouco menos dura, especialmente em motores grandes aonde o accionamento da embraiagem seja mais pesado ou que obrigue a um cabo de grande curso.
Mas ao passo que um cabo tem uma manutenção muito reduzida, tirando eventualmente a afinação e lubrificação, uma embraiagem de comando hidráulico, obriga ás mais chatas (e caras) mudas de óleo.

Mas um cabo, desde que devidamente lubrificado, dura muitas dezenas de milhares de quilómetros.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#29

(23-10-2017 às 12:25)carlos-kb Escreveu:  
(23-10-2017 às 12:08)Rod Escreveu:  
(23-10-2017 às 11:36)n00b1e Escreveu:  
E... Sem "copo" não há hidráulico...
Sem hidráulico resta o cabo...
E para embraiagem mecânica já há no mercado as BMW, Triumph ou PCX. (Opsss... Estou-me a repetir devil  troll )

E?? Não há razão para ser uma coisa imprescindível...

Não é imprescindível.
A embraiagem hidráulica, tem como grande vantagem o não partir cabos e ser um pouco menos dura, especialmente em motores grandes aonde o accionamento da embraiagem seja mais pesado ou que obrigue a um cabo de grande curso.

Nem sempre... Já andei com motas que tendo embraiagem hidráulica eram bem mais duras que motas com cabo. blink

E sim, para mim isto é uma não questão. Para mim é irrelevante se é uma ou outra.

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#30

(23-10-2017 às 12:25)carlos-kb Escreveu:  
(23-10-2017 às 12:08)Rod Escreveu:  
(23-10-2017 às 11:36)n00b1e Escreveu:  E... Sem "copo" não há hidráulico...
Sem hidráulico resta o cabo...
E para embraiagem mecânica já há no mercado as BMW, Triumph ou PCX. (Opsss... Estou-me a repetir devil  troll )

E?? Não há razão para ser uma coisa imprescindível...

Não é imprescindível.
A embraiagem hidráulica, tem como grande vantagem o não partir cabos e ser um pouco menos dura, especialmente em motores grandes aonde o accionamento da embraiagem seja mais pesado ou que obrigue a um cabo de grande curso.
Mas ao passo que um cabo tem uma manutenção muito reduzida, tirando eventualmente a afinação e lubrificação, uma embraiagem de comando hidráulico, obriga ás mais chatas (e caras) mudas de óleo.

Mas um cabo, desde que devidamente lubrificado, dura muitas dezenas de milhares de quilómetros.

Nem mais. E no caso da triple não noto falta nenhuma.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)