Moto para a Madeira
#1

Bom dia companheiros.
Voltei a semana passada para a Madeira, depois de 3 anos a viver em Londres.

A minha primeira moto foi uma XR 125, que comprei logo após tirar a carta. Era um cancro mas como estudava e ninguém na família apoia o gosto pelas duas rodas, era o máximo a que podia aspirar. 
Diga-se de passagem que fui muito feliz com ela nos mais de 20000 km que fizemos juntos! Grande escola e até nem era assim tão limitada porque andava sobretudo no centro do Funchal e arredores, sempre voltas muito curtas e citadinas. 

Em Londres apenas tive uma CB 500 de 1997 que comprei pelo preço de um bom casaco de pele! 
Na altura vivia muito perto de onde trabalhava. Acabei por a vender porque o preço absurdo do seguro não compensava manter a mota. 
Pela mesma altura, sendo que já não tinha a XR em PT, comprei uma scooter 125 para usar quando viesse de férias à ilha. 

Ainda mantenho a scooter. Como o valor de mercado dela é praí uma grade de minis, não tenho interesse na venda. Os 60 euros anuais de seguro são negligenciáveis. 

Agora que voltei de vez quero comprar uma moto nova. 
Novamente, encontro-me numa situação onde trabalho a 2km de casa (1.8 pelo GPS !!)

Esta nova moto será um presente para mim mesmo e ao mesmo tempo o realizar de um sonho de miudo.
Quero uma moto que me encha o olho e me faça vibrar o coração. Para consumos e poupar pneu tenho a 125!

Ora, tendo a Madeira uma orografia muito especial...
Para o meu caso, falamos de percursos 99% das vezes sempre inferiores a 50 km, a velocidades médias relativamente baixas. Alguma cidade mas especialmente estradas de serra e montanha. 
Alguma via-rápida mas nada de mais, velocidade de cruzeiro de 100/120 serve perfeitamente. 

Uma superdesportiva, acho que não será a melhor escolha. Não é que não se possa enrolar punho, porque até era possível por uma H2R a esgotar 6ª. O problema é que apenas em três ou quatro lugares isso é possível. 
E sinceramente, a superior velocidade máxima que uma superdesportiva oferece em relação a outras motos não é coisa que me atrai-a propriamente.
Tenho algum receio que serão apenas divertidas quando conduzidas em modo "faca nos dentes"

Uma naked será uma boa escolha por ser polivalente. Divertida na serra, usável em cidade, mais confortável a nivel de posição de condução..ou seja, é quase "pau para toda a obra"


As Wild-card são as supermoto. Especialmente porque considero a Madeira o lugar perfeito para uma. Imensas subidas, descidas, estradas estreitas, curvas de montanha..
Outra vantagem para mim é, que por serem geralmente motores com bastante binário a baixa rotação, tornam-se divertidas de guiar em qualquer tipo de utilização..ao contrário de uma superdesportiva, onde tens de puxar por ela para sentir aquele gozo.

Outro tipo de moto (trail, sport-tourer..) não me interessam muito agora, especialmente por ter 28 anos, sem filhos e solteiro..


Neste momento na minha cabeça estão:
- Yamaha MT-09 SP
- Triumph Street Triple RS
- Husqvarna 701 SM
- KTM 790 Duke

Estou quase decidido pela Yamaha..adoro a mota e mexe comigo..
Não obstante, não quero tornar isto num tópico de "que moto escolher?" 
Tenho um grande interesse em ouvir as diferentes opiniões do pessoal daqui do tasco, sabendo de antemão que muitíssimos considero mais experientes e mais conhecedores que eu.
 
Abraço
Responder
#2

Moto para a madeira? think

[Imagem: 0va1czd.jpg]

proud

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#3

(06-03-2018 às 15:37)carlos-kb Escreveu:  Moto para a madeira?  think

[Imagem: 0va1czd.jpg]

proud

Foste mais rápido que eu smile
Responder
#4

(06-03-2018 às 15:40)Rod Escreveu:  
(06-03-2018 às 15:37)carlos-kb Escreveu:  Moto para a madeira?  think

[Imagem: 0va1czd.jpg]

proud

Foste mais rápido que eu smile

Já não estás habituado? Até na estrada.... costuma ser sempre assim! devil lol

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#5

Tens ai boas escolhas para mim 09-SP ou se fosse a Speed X3.

[Imagem: images?q=tbn%3AANd9GcT4XLIkYtQDw11iDiKFM...g&usqp=CAU]


Responder
#6

De todas as que falas a única que não me diz grande coisa é a Husqvarna. Eu provavelmente iria para a Yamaha pelo custo/benefício que tens, e por se penso eu ser mais "barata" de manter. A Triumph falam que está uma bela máquina e a KTM também deve ser um maquinão, mas não sei se compensa a diferença.

Acho que a nível do tipo de mota é realmente uma boa aposta para o que é possível fazer na Madeira e são motas bem porreiras. Toca a fazer test drive a todas e descobrirás a que mais se adequa a ti e a que mais te agrada. blink

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#7

(06-03-2018 às 15:42)carlos-kb Escreveu:  
(06-03-2018 às 15:40)Rod Escreveu:  
(06-03-2018 às 15:37)carlos-kb Escreveu:  Moto para a madeira?  think

[Imagem: 0va1czd.jpg]

proud

Foste mais rápido que eu smile

Já não estás habituado? Até na estrada.... costuma ser sempre assim!  devil   lol

Sempre a medir pilinhas... devil lol

As minhas máquinas (e ex):
Kawasaki Versys 1000 / KTM 1290 Super Duke GT
Yamaha FZS 600 Fazer

[Imagem: censorship2.jpg]

Responder
#8

https://motonliners.pt/topico-aprilia-shiver-900

Em caso de dúvida, acelere...
Responder
#9

Das opções que mencionas creio que a Husqi será a menos apelativa, a Yamaha terá a melhor relação produto/custo, a KTM deve ser (só pelo que li) a melhor mota das referidas.

Em caso de dúvida, acelere...
Responder
#10

É pá a sério!?

A Madeira é paraíso Super Motard pá!

Mas eu ia missis além....

A 701 é muita mota embora seja uma excelente opção.
Mas eu fazia uma dual pá, uma verdadeira dual propose.

EXC-F 500.

Já sei que é uma mota de enduro, mas que nas Power Parts podes comprar rodas Super Motard e assim ter peixe ou carne a teu gosto.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)