Montagem de pneus
#51

(12-03-2019 às 16:17)dmanteigas Escreveu:  Mas achei piada a “criticares” o FZ que já tinha elogiado o PR4 quando creio que até tu já fizeste o mesmo há uns anos atrás devil

O "criticar" é entendimento teu.

Tanto que prontamente referi que quase sem excepção, todos quantos tiveram PR3/4, os elogiaram até à 5ª casa (e antes de terem mudado para algo diferente / melhor). Eu e o FZ não somos os únicos exemplos disso aqui neste forúm... e até te podia indicar mais um par de nomes (pesquisa, se te interessar, que os posts andam por aí).

Mas a minha opinião sobre eles continua a não diferir muito do que a que já tinha desde há uns anitos e desde que os comecei a usar (2009 para ser mais preciso, que foi quando comprei a F800ST). Tanto que ainda agora acabei de dizer que são um dos melhores pneus, para o âmbito de utilização a que se propõem. Agora é certo que ficam aquém quando sejam solicitados a um tratamento mais intensivo, ideia que fortaleci ainda mais com a VFR12.

(12-03-2019 às 16:18)vindaloo Escreveu:  Eu penso que o problema não é do pneu.

Tu 'agora' vais por um pneu novo e vai-te parecer muito melhor, como sabemos que é normal. Ao fim de 4000km, os sustos voltam se não souberes dosear.

Eu também já apanhei desse género de sustos com 2 pneus diferentes, e em 100% das vezes foi azelhice minha.

Não te digo já que não... mas até lá dou o beneficio da dúvida. Como o Angel GT da frente está à espera de completar a parelha (e do que já andei com ele, tenho apreciado o feeling e a confiança que transmite), é quase certo que será isso que irá para a roda traseira. Entretanto depois darei o respectivo feed-back.

Sabes qual é a merda toda no meio disto tudo??? Um qualquer pneu que já te tenha feito sacudir a traseira à saída de curva umas quantas vezes, deixa logo um sentimento permanente de desconfiança.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#52

Na recente volta a Pampilhosa tive oportunidade de fazer um test review aos Angel GT com 3/4 e 1/2 de uso.... E contínuo satisfeito, sei que já sairam outros modelos, inclusive o seu sucessor, o Angel GT II, mas ainda assim, vou montar mais um par no próximo Sábado.

Depois desta muda talvez dedique algum tempo a ver outras opções, mas para já, e para a minha utilização, estes satisfazem-me em pleno.

"Dá-me só 10 Minutos!"
Responder
#53

(12-03-2019 às 16:30)dfelix Escreveu:  Durante alguns 10 anos tive o pilot power como pneu de eleição...
E os últimos que tive... odiei!

Também eu. Passando pelo sport touring, voltei a assentar na gama S da Bridgestone e parece-me melhor.


Deixo uma foto de 2014:

(um pp atrás e um bt21 à frente fu )

[Imagem: USCfgji.jpg]


Responder
#54

(12-03-2019 às 16:53)carlos-kb Escreveu:  Não te digo já que não... mas até lá dou o beneficio da dúvida. Como o Angel GT da frente está à espera de completar a parelha (e do que já andei com ele, tenho apreciado o feeling e a confiança que transmite), é quase certo que será isso que irá para a roda traseira. Entretanto depois darei o respectivo feed-back.

Força, quando o pneu se gastar tens de por outro, é assim que funciona.

Mas não tenhas a expectativa que é o pneu que te resolve o facto de andares devagar Carlos. devil

Ve ali por exemplo o PedroMT acima, que faz 'cara feia' aos PR4, mas desconhece que é um pneu que está completamente para além dos limites de condução dele. Se conseguisse andar sempre a 80% da capacidade desse pneu, era o gajo mais rápido deste fórum, algo que sabemos bem que não... devil


Responder
#55

(12-03-2019 às 17:15)vindaloo Escreveu:  Força, quando o pneu se gastar tens de por outro, é assim que funciona.

Infelizmente, uma das maiores certezas que podemos ter. Pneus e gasolina... quando acabam é meter novos / mais! confused

(12-03-2019 às 17:15)vindaloo Escreveu:  Mas não tenhas a expectativa que é o pneu que te resolve o facto de andares devagar Carlos. devil

Claro que sim! Aliás, vou depositar nisso que dizes, enorme crédito. Que melhor "autoridade na matéria" temos, na questão de andar devagar, que não tu? pervert proud

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#56

O que detesto nos pr4 e o que me faz não recomendar essa bosta a ninguém, é, tal como já disseram, o seu comportamento quando já não são novos novinhos.

Tenho mais confiança num BT a chegar ao ferro do que num pr4 a chegar aos avisadores.

Na MT que é agora a commuter, uso algo mais duro, na R sempre pneu desportivo, mas nem numa nem noutra volta a entrar Michelin.
Responder
#57

(12-03-2019 às 17:15)vindaloo Escreveu:  Ve ali por exemplo o PedroMT acima, que faz 'cara feia' aos PR4, mas desconhece que é um pneu que está completamente para além dos limites de condução dele. Se conseguisse andar sempre a 80% da capacidade desse pneu, era o gajo mais rápido deste fórum, algo que sabemos bem que não...

O PR4 tem uma característica porreira para a basófia:
Como tem um perfil bastante redondo torna-se fácil de chegar ás bordas!
Logo, perfeito para comparações de "chicken strips"... já que acaba onde qualquer pneu mais desportivo ainda tem dois dedos por alcançar!

(Não faço ideia quem seja o PedroMT, portanto espero que não fique indignado e abandone o forum por ter feito um quote onde aparece o "nome" dele)

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#58

(12-03-2019 às 17:57)dfelix Escreveu:  O PR4 tem uma característica porreira para a basófia:
Como tem um perfil bastante redondo torna-se fácil de chegar ás bordas!
Logo, perfeito para comparações de "chicken strips"... já que acaba onde qualquer pneu mais desportivo ainda tem dois dedos por alcançar!

É verdade, mas também deforma menos que um pneu desportivo. E o perfil é mais anguloso o que faz com que a borda obrigue a ter a mota mais inclinada.

Mas para as chicken stripes, eu tenho uma receita para ajudar a malta a poder comprar os pneus que quer e não ter esse problema:

Vazar a pressão para 1/3 do habitual, e sair num dia quente. Convém ter pelo menos 4 ou 5 curvas para a esquerda e outras tantas para a direita. Depois pode parar e voltar a repor a pressão.

Não precisam de agradecer!

EDIT:

(12-03-2019 às 17:57)dfelix Escreveu:  (Não faço ideia quem seja o PedroMT, portanto espero que não fique indignado e abandone o forum por ter feito um quote onde aparece o "nome" dele)

Vinha cá corrigir a gralha, mas não foi preciso. A carapuça serviu.. bigsmile


Responder
#59

(12-03-2019 às 17:15)vindaloo Escreveu:  Ve ali por exemplo o PedroMT acima, que faz 'cara feia' aos PR4, mas desconhece que é um pneu que está completamente para além dos limites de condução dele. Se conseguisse andar sempre a 80% da capacidade desse pneu, era o gajo mais rápido deste fórum, algo que sabemos bem que não... devil

True, por isso que tenho uma 07 e tudo. bigsmile
PR4 e 5 = poop
Responder
#60

(12-03-2019 às 17:55)Fz1000 Escreveu:  O que detesto nos pr4 e o que me faz não recomendar essa bosta a ninguém, é, tal como já disseram, o seu comportamento quando já não são novos novinhos.

Tenho mais confiança num BT a chegar ao ferro do que num pr4 a chegar aos avisadores.

Eu tenho uma teoria marada sobre ciclos de evaporação da michelin face a outras marcas. Que suportam muito menos, e consoante o uso que se lhe dá mesmo sem grandes aventuras e desventuras é relativamente frequente queimares o pneu ao ponto de lhe inibires toda a deformação tornando-o completamente inútil. *

Também não perder de vista que um sport touring trabalha a uma temperatura menor que um desportivo, como tal é fácil desafiar esse pneu para fora da zona de conforto dele.

É a razão para a malta da meia cilindrada em geral estar satisfeitíssima com o pneu, até porque oferece algumas outras vantagens:

Maior agilidade - a Michelin para mim tem bom perfil, aquece mais rápido = ideal para casa trabalho, dura efectivamente bastante, a tal cena de ser fixe à chuva, e tem um limite de aderência a seco que a mim me parece estar bem acima do ritmo habitual da malta.

Para as trails de média cilindrada (Tracer's 700, Versys, CB500x, NC's, V stroms, e afins) eu diria que é o pneu perfeito.

Mas ninguém me liga nenhuma confused

EDIT: * ainda assim, não deve ser o caso do Carlos, a menos que tenha feito uma volta no verão passado com 2.0 bar atrás


Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)