Indecisão na escolha da primeira mota...
#1
Olá pessoal,
Sou novo por estas bandas, embora já tenha feito a minha apresentação na página devida, faço aqui outra vez [Imagem: smiley.gif]
Sou o Gonçalo, vivo na Póvoa de Santa Iria e desde pequeno que gosto de motos, mas nunca tive a oportunidade de ter uma, até agora.
Na altura lia as revistas que por cá (Portugal) havia e ia estando a par das novidades.
As motos que mais me atraem são as custom e chopper.
Vou tirar a carta de moto, pois não quero ficar preso às 125.

DONO 

- Tipo de CARTA DE CONDUÇÃO: Irei tirar a carta
- Altura: 1.70
- Peso: 62
- Idade: 35
- Pendura (S/N): tanto faz
- Será 1ª moto (S/N): Sim

MOTO 

- Estilo preferido: Custom / Chopper
- Custo (em euro): O ideal seria até 6.000€ mas consigo puxar um pouco mais caso faça sentido.
- Nova/Usada: Tanto faz

PERCURSO 

- Regularidade (diario, semanal, mensal): Diário e para passeios ao fim de semana
- Tipo de estrada: IC / as vezes auto estrada e cidade (Lisboa)
- Numero aproximado de KM: 40 km

De momento estou indeciso nesse ponto, se adquiro uma 125, ou o dinheiro que vou gastar numa 125, poupo e vou logo para algo melhor.
Dentro das 125 a minha escolha ia para:
Leonart Daytona
keeway superlight
UM Renegade Commando

Passando as 125 gosto:
Harley SuperLow
Harley Iron 883
Indian Scout Sixty (aqui já estou a puxar no preço, mas a mota é muito fixe)

Depois ainda estive a ver umas, mas fico na dúvida:
Honda CMX 500
Kawasaki Vulcan S 
Yamaha XV950

Acham que faz sentido começar com uma 125 e depois partir para outra maior?
Farei trajetos de dia a dia, casa - trabalho - casa e também para as minhas voltas, passeios.
Normalmente o trajeto de dia a dia é, IC / auto estrada e um pouco de cidade.

Abraço,
G.
Responder
#2
Experimentei a Iron 833 o ano passado. Sinceramente, parece-me uma mota demasiado cara para aquilo que traz, e não sendo eu especialista em "fit and finish" acho que fica muito aquem da qualidade de outros modelos da marca. O motor não é nada por aí além e só vejo alguem a interessar-se por aqui se quiser mesmo ter uma HD.

Acredito que mais barato consigas a Vulcan por exemplo, que cai no mesmo segmento e deve ser "mais mota".
Um click de suspensão por dia, nem sabe o bem que lhe fazia!
Responder
#3
No segmento da parideiras, betoneiras e arvores de natal ´so existem duas marcas.
Tudo o resto são imitações rascas ou interpretações duvidosas do conceito...

A 883 é a entrada para este mundo e o seu motor é só algo de delicioso.
Vibra, é irregular, acelera com o vigor de um gato morto e sentes como o piston do cilindro traseiro ameaça tirar-te os tres ao olhal cada vez que chega perto do Ponto Morto Superior!
Não anda, não trava, não curva, mas mantem o teu nalguedo avido por momentos mais intensos, como pode ser, um encontro abrupto e sem vaselina com o Frankelin....

Melhor, mais refinada, muito mais legendaria, está a Scout, que tem uma mecanica algo mais complexa, mas tambem (teoricamente)mais fiavel!
Os 102cv da versao anti A2 dão vigor ao V-twin, que ajudado por uma ciclistica equilibrada conseguem criar algum dinamismo sporty só diluido pela baixa distancia ao chao e uma distancia entre eixos que não aconselha a brincadeiras em estradas reviradas!

Espero que saibas ao que vais...
Uma mota destas para o dia-a-dia é, em termos practicos, uma aventura a cada manhã...
I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#4
Acho que estás a olhar muito para extremos e a desprezar o velho ditado que diz que "no meio é que está a virtude".

Quando falas em Keeway Superlight e depois metes quase no mesmo parágrafo a 883... é porque alguma coisa está mal nessa linha de raciocínio.

Sendo já tu um tipo crescidinho, apontaria para um dos modelos do segmento intermédio que referes, indo a minha preferência pessoal para a Kawasaki Vulcan. Se quiseres ser mais ambicioso, e te continuar a escapar o olho para a HD, penso que também terás outros modelos que podem ser mais moderados e servir o teu objetivo, nomeadamente a Street Rod, que (quase) consegues ir buscar nova com o teu orçamento (junta-lhe mais uns 2000 euritos...).
[Imagem: f800r_long.jpg?raw=1]
Suzuki GSX1300R * BMW F800R * ex-Kawasaki ZZR 1100 * ex-Honda Hornet 600 * ex-Honda CBF 125 * ex-Yamaha DT 50 LC (x2)
Responder
#5
smile @LoneRider, adescrição que fazes está soberba eheheh
"Não anda, não trava, não curva, mas mantem o teu nalguedo avido por momentos mais intensos, como pode ser, um encontro abrupto e sem vaselina com o Frankelin...."

Estive a ver reviews e realmente a Kawasaky Vulcan deve bem fixe, tanto em termos de acabamentos como de mecânica.

Para primeira moto, també estou a ponderar se compro em primeira mão ou se opto por segunda.
Primeira mão tem sempre aquele feeling de ser a primeira moto, algo para recordar.
Segunda sempre fica mais barato.

Vou aqui fazer umas comparações às motos que estou a pensar e vou dando feedback.

Thanks pessoal pelas opiniões.
Responder
#6
A vulcan é uma excelente moto quando comparada à 883, por um valor mais acessível ficas com uma boa mota desse segmento, a HD estás a pagar a marca, porque o valor não se justifica nos componentes da mota.

A cmx rebel é um excelente po to de entrada, e talvez a que faça mais sentido se quiseres comprar uma mota bem acessivel e de manutençao barata, sobrando algum dinheiro para pores umas peças custom, que a malta dos ferros adora alterar as suas motas.


Se fosse eu escolhia a vulcan (mas nunca a cor verde)

Ps-nos ultimos anos a kawasaki oferece financiamento vom 0% de juros numa campanha no verão, se tinhas de recorrer a crédito é outro factor importante em favor à vulcan.
Responder
#7
(09-03-2019 às 01:27)marco.clara Escreveu: Acho que estás a olhar muito para extremos e a desprezar o velho ditado que diz que "no meio é que está a virtude".

Quando falas em Keeway Superlight e depois metes quase no mesmo parágrafo a 883... é porque alguma coisa está mal nessa linha de raciocínio.

Não vejo porque razão se há-de pensar assim... e temos aqui no forúm um bom exemplo de só se pensar em extremos. Ou já não te recordas do MuscleCruiser, que queria uma Rocket III e acabou a comprar uma Super light 125?! devil lol

Gonçalo, embora não sendo grande aficionado de "ferros", se algum dia tivesse que ter um, optaria sempre por um V-Twin (e de preferência com belt drive). Com esses 6 mil euros, certamente que consegues uma V2 (mesmo que japuna) ou até puxando um pouquinho esse orçamento para cima, uma HD Street Rod.

Depois, uma HD é uma HD! Pagas o que ela não vale, é certo... mas quando a quiseres vender, fazes-te valer disso também.

Claro que se quiseres com esse valor que tens disponível, uma moto nova, tens sempre a coreana Hyosung Aquila 650 (é uma espécie de Kia das motas)... com tudo o que uma cruiser se obriga.
https://www.hyosung.com.es/pt-pt/motocicletas/gv-650-2/

Uma Rebel 500 ou uma Vulcan 650, embora tendo excelentes e fiáveis motores na sua categoria, acabam no fundo a ser algo que eu repugno nas motos... utilitárias "travestidas" de cruisers, neste caso!
[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
  




Utilizadores a ver este tópico:
1 Visitante(s)