Honda VFR 1200 Crosstourer
#11

Este tópico já tem uns dias. Não sei se avançaste com o negócio ou acabaste a perder o interesse.

Por acaso (sem ver o anúncio ou que moto era) também pensei logo, tal como o Lone referiu, que seja a ex- X-Tourer da Gracinda Ramos (que a trocou muito recentemente por uma NT1100).
Mas se fosse, apesar dos km, ser-te-ia garantido que foi uma moto muito bem tratada, que recebeu todo o cuidado a tempo e horas e ainda mais uns miminhos da própria HPM.
E se fosse a ex-mota da Gracinda, terias aí uma moto que já viajou e conhece mais sítios por esta Europa fora, que a maioria de nós.
No entanto, e sendo ela do Norte, seria estranho que a mota dela tivesse manutenção da Linhaway (que certamente não teve).

De qualquer forma, aquele V4, desde que devidamente mantido, faz bem à vontade esses 120k km... e mais outros tantos. Claro que, como alguns disseram, corres é o risco do desgaste de outros componentes com essa quilometragem.
Mas terás de pensar que compensa os muitos km que tem, com o preço bem abaixo do valor de mercado em relação às restantes que por aí andam, e isso também poderá servir para amortizar uma ou outra chatice que pudesse vir a ocorrer.
Não esqueças que por norma, motos que andam muito, são também aquelas em que os donos têm os maiores cuidados na sua manutenção.

(23-02-2022 às 22:53)pareias Escreveu:  No entanto, li que a transmissão por veio necessita de atenção frequente.

Desde que tivesse feito o recall que houve aos modelos F e X, o hipotético problema que o veio poderia dar, foi (supostamente) ultrapassado. A única atenção é mesmo de 2 em 2 anos mudar o lubrificante do grupo cónico.

(24-02-2022 às 12:19)Marco Faria Escreveu:  e o livro de revisões na linhaway (?) religiosamente carimbado de 10000 em 10000 transparece que a mota foi bem cuidada

As VFR1200 fazem revisões de 12k em 12k km (ou anuais). Se realmente fizeram de 10k em 10k, os intervalos foram encurtados, o que ao final de algum tempo e com essa quilometragem, até fez revisões que não teria necessidade de fazer.

(24-02-2022 às 20:29)Nfilipe Escreveu:  e se calhar daqui a pouco tempo, está na altura da mudança da distribuição, mudar a corrente de distribuição, afinar válvulas, coisa que nao se faz com meia duzia de euros.

Se tiver de o fazer, não seria a corrente de distribuição, mas sim as correntes de distribuição (que no caso da VFR, são duas... e dois tensores... e respetivas guias, and so on). Por outro lado, o sistema unicam da VFR, faz com que só metade das válvulas sejam acionadas por pastilhas. As outras oito são acionadas por balanceiros. Portanto, só terias de gastar tempo e dinheiro a afinar 8 válvulas e não 16. smile

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder
#12

(07-03-2022 às 00:00)carlos-kb Escreveu:  As outras oito são acionadas por balanceiros. Portanto, só terias de gastar tempo e dinheiro a afinar 8 válvulas e não 16. smile

Tens certeza?
Custa-me a crer que não exista uma pastilha escondida.

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#13

(09-03-2022 às 01:40)dfelix Escreveu:  
(07-03-2022 às 00:00)carlos-kb Escreveu:  As outras oito são acionadas por balanceiros. Portanto, só terias de gastar tempo e dinheiro a afinar 8 válvulas e não 16. smile

Tens certeza?
Custa-me a crer que não exista uma pastilha escondida.

sim,
pelo que vi nos part numbers, o sistema unicam da VFR 1200 das 16 só leva 8 pastilhas de válvulas
4 no sistema dianteiro e 4 no sistema traseiro!

Live After Death...

Os Ferros...

In life, nothing happens by chance...
Responder
#14

(09-03-2022 às 01:40)dfelix Escreveu:  
(07-03-2022 às 00:00)carlos-kb Escreveu:  As outras oito são acionadas por balanceiros. Portanto, só terias de gastar tempo e dinheiro a afinar 8 válvulas e não 16. smile

Tens certeza?
Custa-me a crer que não exista uma pastilha escondida.

[Imagem: 2xBfi42.png]

Item nº 17

Ainda que a folga das válvulas de escape me pareçam poder ser ajustadas por aperto mecânico.

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)