HD 350
#1

Pelos vistos vai ter como base uma Benelli...

https://www.visordown.com/news/new-bikes...completion
Responder
#2

Há que ver pelo lado positivo...

O design baseado na livewire não é mau de todo.

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#3

a semelhança com a livewire é ter uma bateria...de resto é benelli, tas a ver é nessa cor...
Responder
#4

O estilo parece um misto de "naked" com "flat tracker". Em desenho parece interessante, agora vamos ver ao vivo... e também vamos ver qual o valor do "bicho" com a "taxa" HD.

Sem querer estar a rogar pragas, imagino qualidade Benelli ou um pouco melhor a preço KTM...
Responder
#5

(11-07-2020 às 09:24)Malvo Escreveu:  ... imagino qualidade Benelli ...

Porque imaginando qualidade Harley.... think

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#6

(13-07-2020 às 13:53)dfelix Escreveu:  
(11-07-2020 às 09:24)Malvo Escreveu:  ... imagino qualidade Benelli ...

Porque imaginando qualidade Harley.... think

Pessoalmente, eu também assim pensava, e sou suspeito, mas tendo em conta o meu contacto recente com alguns modelos de anos diferentes, eu posso dizer que em termos de qualidade, as Harleys são muito boas, tirando algumas "ideias" de facto duvidosas, e/ou mal aplicadas, o material usado e a montagem dos mesmos, deixou a mim bastante impressionado.

Sei que o mesmo não acontece com os modelos "Street"...
Responder
#7

(13-07-2020 às 17:52)Malvo Escreveu:  ...eu posso dizer que em termos de qualidade, as Harleys são muito boas, tirando algumas "ideias" de facto duvidosas, e/ou mal aplicadas, o material usado e a montagem dos mesmos, deixou a mim bastante impressionado.

Tenho uma opinião bastante dividida acerca disso...

Não sei como estão as coisas no presente.
Mas há relativamente pouco tempo atrás conseguiam conciliar o muito bom com o muito mau.
As sportster por exemplo eram bastante honestas para o preço que custavam.
Depois até se chegar ao patamar ds 25k a maioria dos modelos era demasiado medíocre.

Em regra geral o material transmite robustez e uma construção que apesar de tosca aparenta qualidade.
A pintura em regra geral enche o olho. E recorrerem a imensos detalhes muito porreiros, nomeadamente no "design" dos motores e alguns elementos.

Mas depois se for preciso descompõem o ramalhete duma forma capaz de deixar a malta das benelli a rir.

Já tive esta conversa no passado com um membro do forum que felizmente já o abandonou.
(querendo acreditar que não és mais uma múltipla personalidade do mesmo)[/size] Aqui fica algumas fotos que tirei na altura dessa conversa...

Durante alguns meses parava regularmente à porta do meu trabalho esta wide glide.
Estamos a falar duma moto que era ligeiramente mais cara que uma Diavel base mas dotada de pormenores distintos... como um braço oscilante que não fica atrás da Bajaj, um escape de chapa ao nível da FAMEL 77 que teve o meu avô (as peseiras são igualmente idênticas) fixado por parafuso genérico do Leroy. smile

[Imagem: 20170608-182316.jpg]

Ou umas soldaduras capazes de fazer corar a benelli...

[Imagem: 20180903-100033.jpg]

[Imagem: 20180903-100040.jpg]

O stevie certamente aprova...

[Imagem: d4f9f5e1aefb8a4db191f71d2a903440.jpg]

Ahhh..
E convém algum cuidado para não se embaraçar numa cablagem que parece uma puxada ilegal de bairro da lata.

[Imagem: 20170608-182319.jpg]

Isto era uma moto mais recente que a minha scrambler e nem 10.000km tinha.

Ocasionalmente um BFF deste individuo aparecia com esta roadking com os seus magnificos interruptores...
E que embora não fosse antiga nem tivesse grande quilometragem em cima, a cablagem já estava de goela aberta a cuspir os fios para fora.

[Imagem: 20180608-110730.jpg]


Isto são pormenores random que me surgiram ao lado e que por acaso fotografei.
Pois se andasse a caçar situações, de certeza que iria encontrar muitas mais. smile

(tenho uma colecção de pormenores idênticos de ducatis ainda no stand para que não pensem que sou fundamentalista)

Dequalquer forma, acho que os segmentos top da marca têm um nível de detalhe muito bom.
Mas abaixo disso a coisa parece um pouco aleatória.

E nem me choca o nível tosco da construção. Até acho piada.
Acho é que na maior parte dos casos é demasiado tosco para o que custam. E sobretudo demasiado sobrevalorizado pois outros detalhes certamente provocam algum tipo de encandeamento.

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#8

O pessoal das Harleys não está nem ai para esses pormenores. Desde que haja putas, bebida e rock and roll eles continuam a fazer a festa! lol
Responder
#9

(13-07-2020 às 21:24)Nfilipe Escreveu:  O pessoal das Harleys não está nem ai para esses pormenores. Desde que haja putas, bebida e rock and roll eles continuam a fazer a festa!

Desde os posers aos gangues organizados... tens "pessoal das Harleys" para todos os gostos. smile

Muito provavelmente o que escrevi foi gerado automágicamente através do Moto Lero
Responder
#10

(13-07-2020 às 19:19)dfelix Escreveu:  
(13-07-2020 às 17:52)Malvo Escreveu:  ...eu posso dizer que em termos de qualidade, as Harleys são muito boas, tirando algumas "ideias" de facto duvidosas, e/ou mal aplicadas, o material usado e a montagem dos mesmos, deixou a mim bastante impressionado.

Tenho uma opinião bastante dividida acerca disso...

Não sei como estão as coisas no presente.
Mas há relativamente pouco tempo atrás conseguiam conciliar o muito bom com o muito mau.
As sportster por exemplo eram bastante honestas para o preço que custavam.
Depois até se chegar ao patamar ds 25k a maioria dos modelos era demasiado medíocre.

Em regra geral o material transmite robustez e uma construção que apesar de tosca aparenta qualidade.
A pintura em regra geral enche o olho. E recorrerem a imensos detalhes muito porreiros, nomeadamente no "design" dos motores e alguns elementos.

Mas depois se for preciso descompõem o ramalhete duma forma capaz de deixar a malta das benelli a rir.

Já tive esta conversa no passado com um membro do forum que felizmente já o abandonou.
(querendo acreditar que não és mais uma múltipla personalidade do mesmo)[/size] Aqui fica algumas fotos que tirei na altura dessa conversa...

Durante alguns meses parava regularmente à porta do meu trabalho esta wide glide.
Estamos a falar duma moto que era ligeiramente mais cara que uma Diavel base mas dotada de pormenores distintos... como um braço oscilante que não fica atrás da Bajaj, um escape de chapa ao nível da FAMEL 77 que teve o meu avô (as peseiras são igualmente idênticas) fixado por parafuso genérico do Leroy. smile

[Imagem: 20170608-182316.jpg]

Ou umas soldaduras capazes de fazer corar a benelli...

[Imagem: 20180903-100033.jpg]

[Imagem: 20180903-100040.jpg]

O stevie certamente aprova...

[Imagem: d4f9f5e1aefb8a4db191f71d2a903440.jpg]

Ahhh..
E convém algum cuidado para não se embaraçar numa cablagem que parece uma puxada ilegal de bairro da lata.

[Imagem: 20170608-182319.jpg]

Isto era uma moto mais recente que a minha scrambler e nem 10.000km tinha.

Ocasionalmente um BFF deste individuo aparecia com esta roadking com os seus magnificos interruptores...
E que embora não fosse antiga nem tivesse grande quilometragem em cima, a cablagem já estava de goela aberta a cuspir os fios para fora.

[Imagem: 20180608-110730.jpg]


Isto são pormenores random que me surgiram ao lado e que por acaso fotografei.
Pois se andasse a caçar situações, de certeza que iria encontrar muitas mais. smile

(tenho uma colecção de pormenores idênticos de ducatis ainda no stand para que não pensem que sou fundamentalista)

Dequalquer forma, acho que os segmentos top da marca têm um nível de detalhe muito bom.
Mas abaixo disso a coisa parece um pouco aleatória.

E nem me choca o nível tosco da construção. Até acho piada.
Acho é que na maior parte dos casos é demasiado tosco para o que custam. E sobretudo demasiado sobrevalorizado pois outros detalhes certamente provocam algum tipo de encandeamento.

Pois, como disse, sou suspeito, pois apenas tive contacto com alguns modelos de 2003 até 2014.

Sinceramente não me apercebi destes pormenores, mas a verdade é que uma boa dose das motos que experimentei, eram realmente importadas dos EUA, e já algum tempo que é dito que a qualidade dos modelos montados e vendidos nos States é de uma melhor qualidade do que os vendidos na Europa, pois aparentemente estes são montados ou na Tailândia ou Índia.

Mas isso poderá apenas soar, e ser efectivamente uma desculpa.

Agora o que posso dizer é que o modelo de 2014 que experimentei não parecia ter a mesma qualidade que os outros mais antigos, ao contrario desses, mostrava alguns sinais de oxidação em parafusos por exemplo, e um dos colectores já estava bastante feio, algo que não vi nos modelos mais antigos. Poderá efectivamente ter havido um decréscimo na qualidade com o decorrer do tempo, ou então, simplesmente não foi tão bem mantida como as outras.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)