Dúvida acerca da carta/mota
#1

Olá! Sou um puto, se é que se pode dizer assim, de 16 anos que pretender tirar a carta de 125 o mais brevemente possível e comprar uma mota! Dito isto tenho algumas questões que espero que os mais experientes e velhos me possam responder.
 1- É assim tão difícil aprender a conduzir uma mota? Mesmo sendo uma 125cc,eu não sou alguém que ande regularmente de bicicleta, sou um rapaz desastrado, ansioso e que consegue panicar facilmente, e tenho visto alguns vídeos na Internet e aprender a andar de mota parece ser um bicho de 7 cabeças,o que me tem dado algum medo e colocado de pé atrás, colocar as mudanças, travar, virar, tudo isso, é realmente difícil?
2- Estou a pensar em comprar uma sym wolf 125cc (ou como segunda opção uma Yamaha yzf r125 que também fiquei apaixonado pela estética apesar da mota parecer ser demais para um simples rapaz de 16 anos) para primeira mota, pois gostei do design e é bastante barata em segunda mão, é uma boa mota para alguém que vai andar pela primeira vez? 
3- Uma 125cc consegue ser bastante perigosa ou é um risco mínimo de perigo? Sendo que a mota não a tive grandes velocidades, penso eu! 
4- A altura de uma mota em relação à da pessoa afeta muito na condução e desempenho? Tenho 1,73m. 
Obrigado, desculpem por ter escrito muito e agradeço a atenção!
Responder
#2

Já te cá venho dar o merecido...

devil

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#3

Boas!

Hoje tenho algum tempo aqui no trabalho e vou responder!

1 - é como aprender a tocar guitarra!
Ao inicio as notas musicais não saiem como queremos, às vezes desanimamos, mas se queremos mesmo aprender, nada que algum esforço e dedicação não resolvam!

2 - Penso que são duas motos boas para iniciação, com provas de fiabilidade para as duas (vantagem para a Yamaha)

3 - Perigosas todas são! Não é só a velocidade que é perigosa, são as conduções mais agressivas e pouco defensivas.

4 - 1,73 não afecta em nada a condução, especialmente nas motos que falas. Eu tenho a mesma altura e já tive motos desde XT600 a FZR1000 passando por Hornet e nunca tive qualquer dificuldade.
Desempenho tambem nunca tive problemas e até sou pai de 2 filhos... (é desse desempenho que falas? lol )

Leva a cena na desportiva e diverte-te!

Ricardo - Honda CB500X
[Imagem: latest?cb=20150510093035]
Responder
#4

Receio de uma 125? Uma coisa te vou dizer... as motos não são perigosas. Tanto que elas sozinhas não fazem mal a ninguém (tirando apenas uma que arranca unhas, mas isso é outra "estória"... e até aqui foi o dono que não soube lidar com ela).
O perigo está sempre no elemento humano!

Epa, é certo que andar de moto requer pelo menos uma noções e experiência de equilíbrio dinâmico, coisa que por norma, todos nós já trazemos do tempo das "biclas". Mas isso é algo que nem sequer nos lembramos, pois à priori já nos está inato.
Ao menos sabes andar de bicicleta?

Conduzir uma moto é algo que se faz de modo intuitivo e mecanizado. E pelo contrário, é algo muito fácil de se fazer, chegando a um ponto que quase conduzes a moto com os "olhos" e tudo o resto (meter mudanças / acelerar / travar /curvar / inclinar / etc.) são operações que se acabam a fazer de modo sensorial e por intuição.
É natural no início o receio de cair. Mas também isso rapidamente passa, à medida que evoluís e te vais sentido mais à vontade.
Penso que devorar vídeos acerca do assunto, com as diversas teorias de cada um (que valem o que valem e podem acabar a ser díspares e confusas para um iniciante), não é a melhor forma. Conduzir moto, mais que teoria, assenta sobretudo na prática... e quanto mais prática, melhor o farás (excepto o caso do Officer, o patrão aqui do forúm, que esse é como a mula... nem anda para trás nem para a frente! lol ).

Sugiro que experimentes um moto simples e de variador automático (aka scooter ou acelera), em que não te tenhas de preocupar com nada para além de acelerar, travar e virar. Depois de entenderes a "dinâmica" da coisa, mais facilmente então poderás encarar uma moto de caixa manual.

Pá... sou um niquinho mais alto que tu (1,75m) e tirando algumas motos trail que são realmente altas, sinto-me à vontade para andar com a maioria das motos. Com essa estatura, estarás à priori apto para qualquer moto com alturas de assento até cerca dos 85cm.

De resto... siga para a frente sem medos. Nunca esquecendo que és tu que dominas a máquina, mas tendo sempre por ela um enorme respeito. Porque deverás sempre "jogar" dentro dos teus próprios limites, e nunca nos limites da máquina (que deverás pensar que estão sempre mais aquém que os teus). E depois é rolar.... rolar.... rolar... e com isso irás adquirir de moto inato e natural desenvoltura. É natural no início cometeres erros.... e estes também são uma enorme escola.

De resto, inscreve-te numa boa escola de condução e aproveita para numa moto que não é tua, poderes dissipar todos os medos iniciais que tenhas.

Boas curvas.

(06-09-2018 às 11:20)Mr.Ricky Escreveu:  Desempenho tambem nunca tive problemas e até sou pai de 2 filhos... (é desse desempenho que falas?  lol )

Ser pai é um puro acto de fé! Como tal, não és pai de 2 filhos... mas apenas acreditas que és pai desses 2 filhos... e foi isso que te disseram.
Mas sabes que... pois... o padeiro... o carteiro... o colega de trabalho.... enfim... You know what I mean!  devil   bigsmile

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#5

(06-09-2018 às 11:11)LoneRider Escreveu:  Já te cá venho dar o merecido...

devil

Ahaha está bem
Responder
#6

(06-09-2018 às 11:20)Mr.Ricky Escreveu:  Boas!

Hoje tenho algum tempo aqui no trabalho e vou responder!

1 - é como aprender a tocar guitarra!
Ao inicio as notas musicais não saiem como queremos, às vezes desanimamos, mas se queremos mesmo aprender, nada que algum esforço e dedicação não resolvam!

2 - Penso que são duas motos boas para iniciação, com provas de fiabilidade para as duas (vantagem para a Yamaha)

3 - Perigosas todas são! Não é só a velocidade que é perigosa, são as conduções mais agressivas e pouco defensivas.

4 - 1,73 não afecta em nada a condução, especialmente nas motos que falas. Eu tenho a mesma altura e já tive motos desde XT600 a FZR1000 passando por Hornet e nunca tive qualquer dificuldade.
Desempenho tambem nunca tive problemas e até sou pai de 2 filhos... (é desse desempenho que falas?  lol )

Leva a cena na desportiva e diverte-te!

Obrigado pela resposta! Ahaha era um pouco desse desempenho também, agora só resta decidir entre a sym e a yamaha
Responder
#7

(54 minutos atrás)Mr.Ricky Escreveu: Escreveu:Desempenho tambem nunca tive problemas e até sou pai de 2 filhos... (é desse desempenho que falas?  [Imagem: 6-lol.png] )

Ser pai é um puro acto de fé! Como tal, não és pai de 2 filhos... mas apenas acreditas que és pai desses 2 filhos... e foi isso que te disseram.
Mas sabes que... pois... o padeiro... o carteiro... o colega de trabalho.... enfim... You know what I mean!  [Imagem: 23-devil.png]   [Imagem: 8-bigsmile.png]


Mas não se preocupem, pai é quem cria!!!!!!

beijos
Responder
#8

(06-09-2018 às 11:57)carlos-kb Escreveu:  Receio de uma 125? Uma coisa te vou dizer... as motos não são perigosas. Tanto que elas sozinhas não fazem mal a ninguém (tirando apenas uma que arranca unhas, mas isso é outra "estória"... e até aqui foi o dono que não soube lidar com ela).
O perigo está sempre no elemento humano!

Epa, é certo que andar de moto requer pelo menos uma noções e experiência de equilíbrio dinâmico, coisa que por norma, todos nós já trazemos do tempo das "biclas". Mas isso é algo que nem sequer nos lembramos, pois à priori já nos está inato.
Ao menos sabes andar de bicicleta?

Conduzir uma moto é algo que se faz de modo intuitivo e mecanizado. E pelo contrário, é algo muito fácil de se fazer, chegando a um ponto que quase conduzes a moto com os "olhos" e tudo o resto (meter mudanças / acelerar / travar /curvar / inclinar / etc.) são operações que se acabam a fazer de modo sensorial e por intuição.
É natural no início o receio de cair. Mas também isso rapidamente passa, à medida que evoluís e te vais sentido mais à vontade.
Penso que devorar vídeos acerca do assunto, com as diversas teorias de cada um (que valem o que valem e podem acabar a ser díspares e confusas para um iniciante), não é a melhor forma. Conduzir moto, mais que teoria, assenta sobretudo na prática... e quanto mais prática, melhor o farás (excepto o caso do Officer, o patrão aqui do forúm, que esse é como a mula... nem anda para trás nem para a frente! lol ).

Sugiro que experimentes um moto simples e de variador automático (aka scooter ou acelera), em que não te tenhas de preocupar com nada para além de acelerar, travar e virar. Depois de entenderes a "dinâmica" da coisa, mais facilmente então poderás encarar uma moto de caixa manual.

Pá... sou um niquinho mais alto que tu (1,75m) e tirando algumas motos trail que são realmente altas, sinto-me à vontade para andar com a maioria das motos. Com essa estatura, estarás à priori apto para qualquer moto com alturas de assento até cerca dos 85cm.

De resto... siga para a frente sem medos. Nunca esquecendo que és tu que dominas a máquina, mas tendo sempre por ela um enorme respeito. Porque deverás sempre "jogar" dentro dos teus próprios limites, e nunca nos limites da máquina (que deverás pensar que estão sempre mais aquém que os teus). E depois é rolar.... rolar.... rolar... e com isso irás adquirir de moto inato e natural desenvoltura. É natural no início cometeres erros.... e estes também são uma enorme escola.

De resto, inscreve-te numa boa escola de condução e aproveita para numa moto que não é tua, poderes dissipar todos os medos iniciais que tenhas.

Boas curvas.

(06-09-2018 às 11:20)Mr.Ricky Escreveu:  Desempenho tambem nunca tive problemas e até sou pai de 2 filhos... (é desse desempenho que falas?  lol )

Ser pai é um puro acto de fé! Como tal, não és pai de 2 filhos... mas apenas acreditas que és pai desses 2 filhos... e foi isso que te disseram.
Mas sabes que... pois... o padeiro... o carteiro... o colega de trabalho.... enfim... You know what I mean!  devil   bigsmile
Obrigado pela resposta! Essa parece ser uma história interessante. 
Em relação a equilíbrio sei que se pegar na minha bicicleta consigo dar uma volta aqui pela minha vila sem problema! Tenho uns amigos que têm uma pcx,posso tentar dar uma volta nelas! 
Espero mesmo que isso tudo fique automatizado na minha cabeça rapidamente, agora é só inscrever me na escola e escolher a mota! Acredito então que a minha altura não vá ter grande impacto na condução então.
Responder
#9

(06-09-2018 às 11:57)carlos-kb Escreveu:  Ser pai é um puro acto de fé! Como tal, não és pai de 2 filhos... mas apenas acreditas que és pai desses 2 filhos... e foi isso que te disseram.
Mas sabes que... pois... o padeiro... o carteiro... o colega de trabalho.... enfim... You know what I mean!  devil   bigsmile

lol lol
Claro claro! Nunca andei iludido.... Pai é quem cria claro!! lol

O que eu quiz dizer ao Micro, é que andar de moto não retira desempenho... eu já ando à 24 anos de moto, e a ferramenta ainda vai trabalhando...

Mas havia um estudo disso sobre os condutores de Harleys.... vou procurar....

Ricardo - Honda CB500X
[Imagem: latest?cb=20150510093035]
Responder
#10

(06-09-2018 às 12:18)Sónia Faria Escreveu:  
(54 minutos atrás)Mr.Ricky Escreveu: Escreveu:Desempenho tambem nunca tive problemas e até sou pai de 2 filhos... (é desse desempenho que falas?  [Imagem: 6-lol.png] )

Ser pai é um puro acto de fé! Como tal, não és pai de 2 filhos... mas apenas acreditas que és pai desses 2 filhos... e foi isso que te disseram.
Mas sabes que... pois... o padeiro... o carteiro... o colega de trabalho.... enfim... You know what I mean!  [Imagem: 23-devil.png]   [Imagem: 8-bigsmile.png]


Mas não se preocupem, pai é quem cria!!!!!!

beijos

Einnnn que biolencia!!

[Imagem: ibVN1KS.jpg]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)