Correntes e cremalheira
#41

Não acredites em tudo quanto vês.... especialmente neste vídeo! lol

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder
#42

A moto do claxav tem perdas de potência mas é com ele em cima q:


Mas realmente não percebo esses números. Como testam a % de perda de potência? Não teriam que fabricar uma moto exactamente igual, mas com transmissão diferente, para calcular esses valores? É que fala-se em perdas de potência de 30% mas não se diz em relação a quê lol
Responder
#43

Existe uma ciência muito exacta chamada Matemática que permite fazer cálculos e tal.
É graças a essas saladas de números que depois saiem os resultados que saiem.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#44

Se o português também fosse uma ciência, nunca ias escrever "saiem" duas vezes na mesma frase...

[Imagem: zD43YvL.jpg]
Responder
#45

(15-06-2016 às 15:17)Cloud Escreveu:  É que fala-se em perdas de potência de 30% mas não se diz em relação a quê

A potência de um motor pode ser medida à caixa e à roda.... a diferença entre estas é que dá o valor da perda.

Normalmente a potência discriminada pela marca, é uma.... mas se meteres a mota num banco de potência e medires à roda, o valor é sempre outro, para menos (a dita perda).

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder
#46

(15-06-2016 às 15:51)KOK Escreveu:  Se o português também fosse uma ciência, nunca ias escrever "saiem" duas vezes na mesma frase...

Não estão permitidas as redundâncias no português!? lol

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#47

Estão pois, se tivesses escrito "saem".

Mas como estás ausente da pátria mãe e baralhas-te todo com o espanholês, tens o beneficio da duvida.

PS: Estou sem clientes e apeteceu-me só meter nojo (como se precisasse de uma coisa para fazer a outra).

[Imagem: zD43YvL.jpg]
Responder
#48

(15-06-2016 às 15:51)carlos-kb Escreveu:  
(15-06-2016 às 15:17)Cloud Escreveu:  É que fala-se em perdas de potência de 30% mas não se diz em relação a quê

A potência de um motor pode ser medida à caixa e à roda.... a diferença entre estas é que dá o valor da perda.

Normalmente a potência discriminada pela marca, é uma.... mas se meteres a mota num banco de potência e medires à roda, o valor é sempre outro, para menos (a dita perda).

Sim eu sei disso, mas eles dizem que a correia em relação à corrente perde 30% de potência. O que eu pergunto é como eles verificam estes valores. Eu presumo que tivessem que meter uma corrente numa moto de correia para depois ir testar a potência e ver qual a perda real. De outra forma como chegam à potência que a moto teria se fosse de corrente?

Ou eles dizem que a perda de potência é entre a caixa e a roda?
Responder
#49

(15-06-2016 às 17:32)Cloud Escreveu:  mas eles dizem que a correia em relação à corrente perde 30% de potência.

Aonde é que viste isso? Apesar das inverdades ditas no vídeo, revê lá o dito! Estás a fazer uma confusão dos diabos, entre correia e veio (cardã).

(15-06-2016 às 17:32)Cloud Escreveu:  Ou eles dizem que a perda de potência é entre a caixa e a roda?

Voilá! A perda de potência é sempre expressa entre a transmissão primária e a roda (ou seja, na transmissão secundária, que pode ser corrente, veio ou correia). E nunca comparando sistemas de transmissão secundária.

[Imagem: QKmafvp.png]
Responder
#50

(15-06-2016 às 15:51)KOK Escreveu:  Se o português também fosse uma ciência, nunca ias escrever "saiem" duas vezes na mesma frase...

(15-06-2016 às 16:02)KOK Escreveu:  Estão pois, se tivesses escrito "saem".

Mas como estás ausente da pátria mãe e baralhas-te todo com o espanholês, tens o beneficio da duvida.

PS: Estou sem clientes e apeteceu-me só meter nojo (como se precisasse de uma coisa para fazer a outra).



[Imagem: 132763923554.gif]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 2 Visitante(s)