Contestar multas por excesso de velocidade
#11

(08-03-2021 às 22:54)carlos-kb Escreveu:  Depende do tipo de radar. Se for um convencional radar de ondas electromagnéticas, do tipo Multanova (grande maioria dos radares móveis que usam por aí com localizações aleatórias), sim... na prova haverem dois veículos é motivo para a dissolução do auto de contra-ordenação.

Mas se for um dos novos radares por Laser (Lidar), cuja tecnologia permite distinguir em simultâneo a velocidade de diferentes veículos e em diferentes vias, a prova fotográfica é consistente. Não acredito que no caso do Diogo, mesmo com dois veículos na prova fotográfica, eles se dessem ao trabalho de notificar, caso a prova fotográfica pudesse vir a padecer de validade. Mas no respectivo auto é sempre feita referência ao respectivo tipo de radar. É questão de verificar.

A em que aparecem dois veículos foi "caçada" por um Jenoptik MultaRadar C. Depois de postares isso fui ler e vi que realmente ele é capaz de detectar a velocidade de veículos diferentes.
Lá se vai uma possível defesa

[Imagem: RwtqB8G.gif]
Responder
#12

(08-03-2021 às 22:38)Diogo.fps Escreveu:  
(08-03-2021 às 20:17)luisnogueira Escreveu:  Eu tive de tratar recentemente de 2 desse género. Uma minha e outra em nome da mulher. Ambas de velocidade. No caso, uma delas vinha sem prova fotográfica e a outra trazia prova fotográfica.

Foram tratadas por www.facebook.com/Doutormulta.pt é uma advogada e cobra 80Eur pelo serviço(acaba por ficar mais barato que a multa) e acima de tudo sem a questão da inibição de conduzir e os ponto).

Sendo que eles próprios deixam esta garantia "A defesa administrativa pressupõe o não pagamento da coima, o impedimento da aplicação da sanção acessória de inibição de condução bem como o impedimento de retirada de pontos na carta de condução."

Entra em contacto.
Obrigado! Não sei se continua activo, não postam desde novembro e o site está suspenso, mas enviei mensagem a perguntar de qualquer das formas.
Custa-me ter que pagar mais 100€ ainda (ou o que seja) além das multas... mas se me salvar compensava de qualquer das formas.

Continuam. A última foi tratada há duas semanas shy
Mas não é para pagares os tais 80Eur além da multa. Esse valor são os honorários do advogado para fazer a contestação da contra-ordenação, mas não pagas multa nenhuma. A contestação é feita nos 15 dias úteis(neste momento nem se coloca esse prazo, porque estão os prazos suspensos por causa da pandemia) e não pagas multa nenhuma.
Responder
#13

Vê a data de verificação do radar. Hoje fui enviar por correio uma contestação a uma que recebi através de um radar móvelque não tinha a verificação anual feita.

[Imagem: muhz7is.jpg]
Responder
#14

Tanta discussão por algo que se enviarem na contestação "quero que o Presidente da ANSR vá apanhar no cu" serve na mesma já que nunca ninguém vai responder aquilo.

Ditadura dos Flocos de Neve
Responder
#15

Btw aconselho a não fazeres deposito, simplesmente não pagares e identificares alguém se tiveres um familiar que te dê o numero da carta utilizando o formulário próprio que está no site da ANSR.

Em alternativa podes pagar a taxa de 15€ e fazer pedido de prova fotográfica.

Ditadura dos Flocos de Neve
Responder
#16

(08-03-2021 às 23:38)luisnogueira Escreveu:  Continuam. A última foi tratada há duas semanas shy
Mas não é para pagares os tais 80Eur além da multa. Esse valor são os honorários do advogado para fazer a contestação da contra-ordenação, mas não pagas multa nenhuma. A contestação é feita nos 15 dias úteis(neste momento nem se coloca esse prazo, porque estão os prazos suspensos por causa da pandemia) e não pagas multa nenhuma.
Então mas nunca chegas a pagar a multa?
Eu entendi que a contestação é feita durante os tais 15 dias úteis, mas não pagando a multa, se não aceitarem a contestação, acabas por ter que a pagar mais tarde mais cara. E se pagares logo e depois aceitarem a contestação ou não responderem, devolvem o valor, não? Achei que fosse assim.

(08-03-2021 às 23:54)el_Bosco Escreveu:  Vê a data de verificação do radar. Hoje fui enviar por correio uma contestação a uma que recebi através de um radar móvel que não tinha a verificação anual feita.
Já vi, ambas têm, mas obrigado pela ideia!

(09-03-2021 às 00:25)dmanteigas Escreveu:  Btw aconselho a não fazeres deposito, simplesmente não pagares e identificares alguém se tiveres um familiar que te dê o numero da carta utilizando o formulário próprio que está no site da ANSR.

Em alternativa podes pagar a taxa de 15€ e fazer pedido de prova fotográfica.

Acredito que até podia mandar só uma carta com texto à toa e fazia o mesmo, mas neste ponto já não quero arriscar tanto. Até porque se falhar estas contestações vou aos 4 pontos de uma vez.
A prova fotográfica já vinha no auto (ou é outra?)
Responder
#17

(09-03-2021 às 03:03)Diogo.fps Escreveu:  
(08-03-2021 às 23:38)luisnogueira Escreveu:  Continuam. A última foi tratada há duas semanas shy
Mas não é para pagares os tais 80Eur além da multa. Esse valor são os honorários do advogado para fazer a contestação da contra-ordenação, mas não pagas multa nenhuma. A contestação é feita nos 15 dias úteis(neste momento nem se coloca esse prazo, porque estão os prazos suspensos por causa da pandemia) e não pagas multa nenhuma.
Então mas nunca chegas a pagar a multa?
Eu entendi que a contestação é feita durante os tais 15 dias úteis, mas não pagando a multa, se não aceitarem a contestação, acabas por ter que a pagar mais tarde mais cara. E se pagares logo e depois aceitarem a contestação ou não responderem, devolvem o valor, não? Achei que fosse assim.

(08-03-2021 às 23:54)el_Bosco Escreveu:  Vê a data de verificação do radar. Hoje fui enviar por correio uma contestação a uma que recebi através de um radar móvel que não tinha a verificação anual feita.
Já vi, ambas têm, mas obrigado pela ideia!

(09-03-2021 às 00:25)dmanteigas Escreveu:  Btw aconselho a não fazeres deposito, simplesmente não pagares e identificares alguém se tiveres um familiar que te dê o numero da carta utilizando o formulário próprio que está no site da ANSR.

Em alternativa podes pagar a taxa de 15€ e fazer pedido de prova fotográfica.

Acredito que até podia mandar só uma carta com texto à toa e fazia o mesmo, mas neste ponto já não quero arriscar tanto. Até porque se falhar estas contestações vou aos 4 pontos de uma vez.
A prova fotográfica já vinha no auto (ou é outra?)

O que vem no auto é uma foto a preto e branco de qualidade duvidosa, podes sempre pedir a cores utilizando o formulário F304. Eu estou neste momento a preencher o F306 para identificar alguém de mais uma multa recebida.
[Imagem: CoR08lt.jpg]

Só ano passado o meu pai apanhou 4,uma por cada vez que foi a Lisboa, duas de 300 e duas de 120. Eu tive um ano fixe e só apanhei uma. Em várias dezenas de multas entre nós sempre a utilizar ora identificação cruzada ora pedido de prova fotográfica (ou consulta de processo ou contestação nas que não são de velocidade) so por uma vez recebi resposta da ANSR a uma multa de falta de cinto de segurança que agravou para 180€. Um saldo positivo acredito eu.

Nunca paguei nenhuma e da única vez que um amigo meu fez depósito na altura em que apanhou a multa ainda hoje está a espera que lhe devolvam o dinheiro.

Mas isto sou eu que não lei revistas sobre o tema.

Ditadura dos Flocos de Neve
Responder
#18

Ouçam o manteigas que ele é pro nisto e não cobra nada.
Responder
#19

É isso, Diogo... segue então o que o besuntado diz! Como ele tem tantas certezas e experiência na coisa, identifica-lo a ele como condutor, não pagas nada e esperas que a coisa prescreva por falta de resposta.
Se depois calhares a levar com a "pastilha" dos que efectivamente recebem resposta (como me aconteceu a mim), não te preocupes que depois paga ele "o bolo todo"... afinal até já está identificado como o infractor! devil
Responder
#20

(08-03-2021 às 22:38)Diogo.fps Escreveu:  
(08-03-2021 às 20:17)luisnogueira Escreveu:  Eu tive de tratar recentemente de 2 desse género. Uma minha e outra em nome da mulher. Ambas de velocidade. No caso, uma delas vinha sem prova fotográfica e a outra trazia prova fotográfica.

Foram tratadas por www.facebook.com/Doutormulta.pt é uma advogada e cobra 80Eur pelo serviço(acaba por ficar mais barato que a multa) e acima de tudo sem a questão da inibição de conduzir e os ponto).

Sendo que eles próprios deixam esta garantia "A defesa administrativa pressupõe o não pagamento da coima, o impedimento da aplicação da sanção acessória de inibição de condução bem como o impedimento de retirada de pontos na carta de condução."

Entra em contacto.
Obrigado! Não sei se continua activo, não postam desde novembro e o site está suspenso, mas enviei mensagem a perguntar de qualquer das formas.
Custa-me ter que pagar mais 100€ ainda (ou o que seja) além das multas... mas se me salvar compensava de qualquer das formas.

(08-03-2021 às 21:48)LoneRider Escreveu:  Se em uma das fotos aparecem duas matrículas podes impugnar alegando que a foto não determina qual das viaturas ia em excesso de velocidade.

Alegas uma dúvida razoável que é sustentada pela própria prova fotográfica.

Claro que isto é teoria, como qualquer alegação, por isso o melhor mesmo é que estejas assessorado por alguém que saiba mexer-se nos meandros das leis.
Em uma delas sim, vai um carro uns metros à minha frente com a matrícula visível. Mas sim, como não é a minha área, só posso especular, como dizes... Contactei alguns serviços/advogados hoje, vamos ver qual é a resposta.

Tens ums bala mais na camara.
Ao estarem duas matrículas na foto vulnera-se também lei da protecção de datos, já que a matrícula do outro veículo permite identificar outras pessoas que não sejam tu mesmo.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)