Como Viajar de Mota, em Grupo
#1

Este artigo pode parecer um bocado "higiénico" à primeira vista, mas não faz mal nenhum ler e pensar em algumas das técnicas e aplicar aquelas que achamos mais úteis com a devida conta, peso e medida. Nota: é uma tradução que fiz de um artigo originalmente escrito em Castelhano, por isso desculpem lá qualquer coisinha relativamente a erros de tradução.

[Imagem: Foxy-fuelers-female-motorcycle-club-grou...00x295.jpg]

Quem gosta de curtir a andar de mota e a fazer viagens, também gosta de partilhar a sua paixão com os amigos e outros motociclistas com os quais rolar, fazer quilómetros e acumular experiências que no final, nos sabem bem partilhar com o grupo enquanto se bebe uma cerveja numa esplanada qualquer. É claro que, se planeamos viajar em grupo, devemos ter em conta vários aspetos para podermos circular com segurança e tornar a viagem uma experiência agradável para todos:

Informação: É muito importante que, antes de embarcar numa viagem de mota, tenhamos um percurso claramente definido. Informe o grupo sobre os locais pelos quais irão passar e localize pontos para fazer paragens, reagrupar e reabastecer, se necessário.

Atenção aos Outros: A coisa mais especial de andar de mota em grupo é a irmandade com quem compartilhamos essa paixão. É por isso que é preciso olhar de vez em quando pelos espelhos para verificar se quem vem imediatamente atrás de nós não fica para trás por qualquer motivo.

Segurança: Circular num grupo de motas tem uma parte menos positiva quando se anda no limite, sendo que se podem apanhar alguns sustos. Portanto, mantenha sempre a distância de segurança adequada à estrada e à velocidade. Além disso, para ganhar distância de segurança, o ideal é rolar lado a lado e intercalados, em vez de fila única.

Níveis de Condução: Quando fazemos viagens de mota com pessoas diferentes, é comum que estas tenham diferentes tipos e níveis de condução, especialmente se o grupo for grande. Portanto, é aconselhável dividir o grupo em dois ou três níveis para que todos possam desfrutar e ninguém seja deixado para trás.

Líder e Cerra Filas: Em cada grupo, recomenda-se que pelo menos duas pessoas conheçam o percurso. Desta forma, o primeiro, geralmente chamado de líder, guiará o grupo e definirá o ritmo. Mas se por algum motivo ocorrer uma quebra, a pessoa que vier no final do grupo, responsável e experiente, pode passar temporariamente para a frente do segundo grupo que se separou, e continuar com a viagem até ao próximo ponto de encontro.

[Imagem: crew-at-intersection.jpg]

Prudência: As estradas não são um circuito e, apesar de estarmos entre amigos, não devemos baixar a guarda e ter excesso de confiança. Todos os regulamentos de trânsito devem ser respeitados, além de evitar ultrapassagens arriscadas e manter sempre uma margem de segurança para evitar ameaças e acidentes. Embora possa parecer seguro em determinado tipo de estrada, pode não ser aconselhável ultrapassar numa curva, por isso é preferível privilegiar a segurança.

Reagrupamentos: Durante a viagem, é comum que a diferença de ritmo faça com que o grupo se distancie. É nesses casos que se deve desacelerar para esperar pelos companheiros que vêm mais atrás. Outra opção é determinar previamente pontos de encontro e, em caso de separação, reunir novamente para continuar a viagem.

Reabastecimentos: O mais aconselhável é começar a viagem com o depósito cheio. Se não o fizermos, antes de começar, terá de se parar na bomba de gasolina mais próxima. Uma vez que todos tenham um depósito cheio, o próximo reabastecimento será calculado de acordo com a moto com menor autonomia, repetindo o processo de abastecimento de todas as motos, mesmo que não seja necessário naquele momento.

Mas também não devemos esquecer a sinalética do motociclista. A saudação da vitória, com os dedos em V, o polegar para cima, se tudo correr bem ou apontar para baixo, se houver problemas, e até mesmo movê-lo sobre o tanque se a gasolina estiver faltando, são alguns dos gestos universais que podem nos ajudar. Naturalmente, nossa recomendação é que se usem intercomunicadores para conversar com os restantes elementos ou passageiros, com segurança.

[Imagem: Motorcycle-Group-Riding-Hand-Signals.jpg]

Agora que sabe tudo o que há a ter em conta para fazer viagens, só tem que organizar o grupo para sair em de mota e aproveitar a estrada e a companhia dos amigos.

Fonte: Motobuykers
Responder
#2

Havia alguns que não conhecia, bom post...e boas referencias!

[Imagem: ibVN1KS.jpg]
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)