Bateria Yamaha R6
#11

Kb existe ainda as AGM que será (de grosso Modo) um compromisso entre as baterias de chumbo e de gel. São anti salpicos e pode colocar a bateria  em qualquer ângulo.

As baterias de gel não trazem só vantagens e são ainda mais caras e não são carregadas com qualquer carregador.

Se dinheiro não é questão o caminho é o lítio com metade do volume quase que se consegue o dobro da capacidade e disponibilidade de entrega de energia a frio (cca - cold cranking amps) é muito, muito superior. Este último dado o Cca é que deveria ser indicado como a potência da bateria, mas nem todos os fabricantes são claros a transmitir esta informação.
Responder
#12

Muito obrigado a todos pelo feedback! Foram muito prestáveis! smile

Estou a pensar fazer um teste para ver se o problema de ela se ir abaixo quando aquece é mesmo da bateria mas gostava de vos perguntar primeiro se é seguro fazê-lo.
Como alguns de vós sabem, sempre que a minha R6 passa dos 85ºC tem tendência a ir abaixo. Depois de pesquisar um bom bocado, há a hipótese de ser a bateria que está a ir à vida e, depois de anteontem me ter parecido que ela está quase a entregar a alma ao criador, estou tentado a ligar os cabos de bateria ao carro e à mota, pô-la a trabalhar, deixá-la aquecer e, com os cabos ligados ao carro, ver se ela apresenta os mesmos sintomas.

É seguro fazê-lo? Corro o risco de queimar ou estragar alguma coisa?

Obrigado!

Suzuki SV1000S '04  cool
Responder
#13

Ligar a bateria da mota à do carro e a trabalhar??Não faças isso!!

Ex Suzuki GS500
Ex Yamaha YZF600R - Thundercat
Ex Yamaha R1
Suzuki GSX-R 750
Responder
#14

Podes fazer isso desde que nao invertas a polaridade e ligues tudo bem.
Mas no fundo só te tira uma dubida, pois a bateria terás que a comprar na mesma.
Para ligares as bsterias não precisas de cabos muito grossos.
Qualquer mulifilar de 3mm serve.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#15

(06-02-2016 às 01:10)xiko_dsg Escreveu:  Ligar a bateria da mota à do carro e a trabalhar??Não faças isso!!

Tens a certeza disso, Xico? O Lomé diz o contrário. Em que ficamos, pá?! lol

Suzuki SV1000S '04  cool
Responder
#16

(06-02-2016 às 01:22)LoneRider Escreveu:  Podes fazer isso desde que nao invertas a polaridade e ligues tudo bem.
Mas no fundo só te tira uma dubida, pois a bateria terás que a comprar na mesma.
Para ligares as bsterias não precisas de cabos muito grossos.
Qualquer mulifilar de 3mm serve.

Não há mesmo problema algum, Lone?
A ordem pela qual pretendo ligar é:
- ligar o carro,
- cabo preto no negativo;
- cabo vermelho no positivo;
- ligar a mota e deixa-la aquecer sempre com os cabos ligados.

Parece tudo certo ou estou em vias de fazer alguma picolhice? tong

Obrigado!

Suzuki SV1000S '04  cool
Responder
#17

Bem se ligares os 3 em paralelo não tens problemas com a tensão, pois em paralelo mantém-se...
Relativamente à corrente, teoricamente desde que não ligues o carro (lixavas logo a bateria da mota) não deve haver problema pois é superior à da mota e só deve debitar o que a mota estiver a puxar, no entanto eu não arriscava blink

Ex Suzuki GS500
Ex Yamaha YZF600R - Thundercat
Ex Yamaha R1
Suzuki GSX-R 750
Responder
#18

(06-02-2016 às 02:28)xiko_dsg Escreveu:  Bem se ligares os 3 em paralelo não tens problemas com a tensão, pois em paralelo mantém-se...
Relativamente à corrente, teoricamente desde que não ligues o carro (lixavas logo a bateria da mota) não deve haver problema pois é superior à da mota e só deve debitar o que a mota estiver a puxar, no entanto eu não arriscava  blink

Fénix... precisava tirar a duvida daquela cena de ela ir abaixo. Ok, dessa forma não ligo o carro, deixo-o desligado, apenas conecto os cabos e ligo a mota.
Estarei seguro assim? tong

Suzuki SV1000S '04  cool
Responder
#19

Podes por o carro a trabalhar sem problema nenhum.
O carro tambem tem um regulador de tensao pelo que o circuito está protegido contra picos de voltagem.
Se esta tudo a trabalhar bem podes ter ambos a trabalhar (carro e mota) que não há problema nenhum.
A bateria da tua mota ja esta moribunda e o que pretendes é saber se é ela que provoca o problema podes fazer outra coisa que custa mais trabalho mas o resultado é o mesmo.
Desmonta ambas baterias.
Liga a bateria do carro directamente há mota.
Põe a mota a trabalhar e deixa-a aquecer. Se ao chegar aos 85°C a mota morrer das duas uma. Ou a bateria do quadrupede esta moribunda tambem ou o problema é outro qualquer.

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#20

(06-02-2016 às 02:28)VMassa Escreveu:  Não há mesmo problema algum, Lone?
A ordem pela qual pretendo ligar é:
- ligar o carro,
- cabo preto no negativo;
- cabo vermelho no positivo;
- ligar a mota e deixa-la aquecer sempre com os cabos ligados.

Parece tudo certo ou estou em vias de fazer alguma picolhice? tong

Veríssimo.... pá! Estas a fazer isso pela ordem inversa. Primeiro e sempre, o cabo positivo (vermelho). Uma forma fácil de decorares isso, é "nunca se deixa o preto sozinho"!  lol

Deste modo, com o carro a trabalhar:
1. Ligar uma das pontas dos cabos ao borne positivo (vermelho) na bateria do carro
2. Ligar a outra ponta ao outro borne positivo (vermelho) na bateria da mota
3. Ligar a ponta do outro cabo ao borne negativo (preto) na bateria do carro
4. Ligar (cravar) a outra ponta do cabo preto, , não no borne da bateria da mota, mas numa outra qualquer parte metálica da mota (sub-quadro, apoio do poisa pés do pendura, etc.), apenas para fazer massa (e prevenir qualquer dano no sistema eléctrico da mota)

Para desligares, é pelo modo inverso, ou seja, do ponto 4 para o 1.

A montar uma bateria, deverás ter também e sempre o mesmo procedimento.... sempre o vermelho (+) primeiro e só depois o preto (-). Para a retirar, sempre o preto (-) primeiro, e só depois o vermelho (+).

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)