Andar no monte! Seguro? Carta? Sim ou não é necessário?
#1

Boas,

Chamo-me Pedro, tenho 27 anos e estou a pensar comprar uma motita para começar a fazer uns passeios no monte na Aldeia (zona de Mirandela). A minha duvida é a seguinte. Tenho carta de carro e sei que só posso conduzir uma moto até 125cc com 11kw. Queria uma coisa talvez um pouco mais potente porque já tive uma 150cc 4T que andava (se seguro nem carta) na altura com os meus 17/18 anos e chegou aquele ponto de achar que a mota é pouco potente para o uso que lhe dava. Naquela altura nunca fui mandando parar pela Policia mas só andava no monte com a moto.
Neste momento, queria uma moto mais potente mas com a minha carta não dá para conduzir uma moto com maior cilindrada e é aqui que tenho a duvida.
Posso andar com uma moto apenas fora da estrada não tendo eu a carta indicada? A nível de seguro, se comprar uma moto sem documentos / matricula, posso andar com a moto sem seguro no monte?
Gostava que me elucidassem sobre a "lei" se é que no monte a lei se aplica. A mota será para uso exclusivo off road, será transportada dentro da minha carrinha de Casa para a Aldeia / spot para dar umas voltinhas.

Cumprimentos
Responder
#2

É um problema bastante comum, ja passei por isso. A questão é sem seguro nao tens possibilidade de reboque, nem seguro de acidentes pessoais caso te aleijes a serio.
Segundo a policia ja me interpelou duas vezes, de jipe no meio do mato mas estava tudo okay so faltava os espelho e piscas mas nao chatearam.
Terceiro segundo a lei qualquer caminho público, seja pavimentado ou em terra batida, necessita que o veiculo esteja segurado e matriculado para circular. Caso o caminho seja particular entao nao ha chatices, no entanto quase nunca consegues saber onde é publico ou privado.
Por ultimo se te apanharem sem seguro sao 500 euros, se a mota nao tiver documentos tens apreensão do veiculo na hora mais coima. Caso tenhas declaraçao de venda bem pagas uma multa jeitosa mas nao te a apreedem, mas legalmente estarás restrito a pistas de motocross ou caminhos privados.

Espero ter ajudado
Responder
#3

Desde já obrigado pela resposta.

Eu também prefiro andar com tudo direito a nível de documentação mas o que a minha carta me permite conduzir não me vai satisfazer tendo em conta que gostava de ter um brinquedo melhor que o que ja tive.
Sera que se andar com os documentos todos em dia e seguro em dia eles vão pegar comigo por a minha carta não dar para conduzir uma moto 250cc, por exemplo?
Responder
#4

sou te sincero no teu lugar compraria uma 125cc 2t com livrete a 11 kw uma ktm 125 exc, ou alguma yz 125 que haja por ai a 11 kw. Alguma ate encontras no livrete apenas com 8kw, e seriam bem mais mota que a tua ex150 4t, equeivalem a uma 250cc 4t. Alguma duvida diz
Responder
#5

(29-12-2015 às 03:13)PiKo Escreveu:  Desde já obrigado pela resposta.

Eu também prefiro andar com tudo direito a nível de documentação mas o que a minha carta me permite conduzir não me vai satisfazer tendo em conta que gostava de ter um brinquedo melhor que o que ja tive.
Sera que se andar com os documentos todos em dia e seguro em dia eles vão pegar comigo por a minha carta não dar para conduzir uma moto 250cc, por exemplo?

Sim. Até porque em caso de acidente, se a tua carta não te habilitar ao veículo que estás a conduzir, o seguro não é válido. E duvido que consigas sequer fazer o seguro.
Responder
#6

Está completamente fora de questão tirar a carta? Também não é uma fortuna e livra-te de muitas possíveis chatices.

Eu também tenho ideia que não existe "Monte" em que não se apliquem as regras de trânsito, porque os caminhos de terra estão também previstos no código da estrada tal como os pavimentados com alcatrão

XJ 600 Diversion Owner!
Responder
#7

Tal como disse e repito, arranja uma ktm 125 exc a 2t matriculada com entre 8 a 11 kw, vais ver que vais adorar
Responder
#8

O problema é mesmo arranjar uma moto dessas com matricula. :/
Responder
#9

Mesmo com carta e seguro em situações menos simpáticas as seguradoras tentam baldar-se às responsabilidades...

Eu perdia o amor aos euros e ia tirar a carta e fazia o seguro.

Abre o leque de opções de motas e dormias mais descansado no futuro para cada vez que andasses na mota

Um abraco e mto boas curvas!!
[Imagem: assinaturaSD.jpg]
Responder
#10

Não percebo muito deste tema em particular, mas a nível de 125cc com limitação a 11kw e com as caraterísticas que referes, acho interessantes as AJP (PR3 ou PR4)... e ficavas com uma mota "Made in Portugal"! smile
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)