A qualidade, com medidas, das motos
#11

Já para nao falar que apenas um modelo de cada marca, é uma amostra bastante reduzida para se poder tirar qualquer conclusão eficaz.
Responder
#12

Claro! Claro que não tem credibilidade.

A questão não é essa. A questão é que não se encontram, em revistas, organismos, "fóruns," quaisquer estudos, inquéritos, medidas em que uma das marcas Italianas apareça à frente do resto do mundo em fiabilidade/durabilidade.

Portanto, nas Chinesas é lixo no motor. Nas Italianas, o motor vem com orégãos, um extra muito especial e apreciado pelos tifosi.

Esqueci-me:

Como é óbvio isto não significa que uma Italiana seja pior do que uma Japonesa. Basta olhar para os acabamentos, pintura, componentes para concluir o contrário. Já estive a apreciar da Ducati do Nelson e é fabulosa.

No entanto, a fiabilidade e durabilidade é mais uma indicação de simplicidade de soluções e de teste do produto antes de sair para o mercado.
Responder
#13

Já fiz a minha critica construtiva lá atrás mas este vídeo no fundo vale o que vale... ou seja zero! É a maneira mais simples e direta de expor a minha opinião.

Mas vamos lá ver uma coisa, se nao fosse um vídeo que servisse para acentuar certos preconceitos, originar discussão e picar alguém nem o metias aqui. Quem te conhecer que te compre. Já assim dizia o ditado. Logo, siga pra bingo, nada de novo aqui pra ver.

Mesmo na encarnação da tua personalidade numero: 3493850658755, no fundo continuas o mesmo sempre.
Responder
#14

(24-04-2021 às 11:02)Nfilipe Escreveu:  Já fiz a minha critica construtiva lá atrás mas este vídeo no fundo vale o que vale... ou seja zero! É a maneira mais simples e direta de expor a minha opinião.

Mas vamos lá ver uma coisa, se nao fosse um vídeo que servisse para acentuar certos preconceitos, originar discussão e picar alguém nem o metias aqui. Quem te conhecer que te compre. Já assim dizia o ditado. Logo, siga pra bingo, nada de novo aqui pra ver.

Mesmo na encarnação da tua personalidade numero: 3493850658755, no fundo continuas o mesmo sempre.

NFilipe: relax lê lá o post anterior até ao fim. Inseri o acrescento precisamente para evitar a tua conclusão.

Um Mercedes Classe S é capaz de ser menos fiável do que um Toyota Aygo, a fiabilidade é apenas uma de muitas qualidades a avaliar.

Se repararem, o vídeo é crítico da moto Chinesa. Faz um comentário sobre as Italianas e vocês sentem-se provocados.
Responder
#15

Claro que o vídeo não é um artigo cientifico de 10000 amostras com controlo.
Mas a verdade é que não vejo em mais lado nenhum experiencias assim...

Se aparecesse um cão a falar iam dizer que não valia nada e iam esperar por outro cão que falasse?

Eu gostava era que houvessem realmente artigos rigorosos. Mas que organização, revista, blog ou canal do youtube o faz?
O único que conheço que faz alguns testes rigorosos é Bennetts mas é só sobre acessórios...

Quando se pesquisa por reliability no google a única coisa que aparece é o artigo da Consumer Report que parece ser uma DECO, na qual não tenho acesso aos métodos e também já tem muitos anos...

No fim o que quero dizer é que na falta de informação a úncia coisa que podemos seguir é os diminutos "testes" e o que as pessoas costumam dizer...

(23-04-2021 às 22:48)Caroço Escreveu:  hã ????? a ktm nao é italiana.... , a ducati te garanto que é das melhores , e se acreditas em tudo o que dizem na net não vais evoluir nada neste mundo ...

Sim a KTM é austriaca. Eu pus uma virgula a seguir às italianas. Mas sim a frase está demasiado confusa.
O que queria dizer era:
AzidoAzideAzide Escreveu:Fiquei admirado com as europeias estarem ao mesmo nível que as japonesas principalmente a KTM...
Responder
#16

Se quiseres posso fazer um vídeo com uns óleos e dizer que as europeias e as japonesas estão vários furos abaixo das chinesas... Já deve dar para empatar em termos de vídeos que não servem para nada.
Responder
#17

(25-04-2021 às 10:34)gonzas Escreveu:  Se quiseres posso fazer um vídeo com uns óleos e dizer que as europeias e as japonesas estão vários furos abaixo das chinesas... Já deve dar para empatar em termos de vídeos que não servem para nada.

Se conseguires fazer com a mesma qualidade de produção. Com muitas imagens, a explicar a metodologia (apesar de imprefeita), expores a base lógica e apresentares resultados quantitativos. Por favor faz...
Responder
#18

(25-04-2021 às 01:42)AzidoAzideAzide Escreveu:  Se aparecesse um cão a falar iam dizer que não valia nada e iam esperar por outro cão que falasse?

wtf think rolleyes

(25-04-2021 às 01:42)AzidoAzideAzide Escreveu:  Mas a verdade é que não vejo em mais lado nenhum experiencias assim...

Isso nao me admira, principalmente como é feita aqui neste vídeo. Nem se sabe se todas as motas obedecem ao mesmos critérios quanto a comparação. Logo, é uma conclusão que suscita mais duvidas que certezas.

Mas agora estou aqui a pensar. Aquele pessoal que muda o óleo aos 6 mil quando o intervalo especifica a muda aos 12 mil, deve ser estes videos que veem. Nao vá o diabo tece-las! lol



(25-04-2021 às 10:34)gonzas Escreveu:  Se quiseres posso fazer um vídeo com uns óleos e dizer que as europeias e as japonesas estão vários furos abaixo das chinesas... Já deve dar para empatar em termos de vídeos que não servem para nada.

Já estás a lançar a semente da discórdia. Nao sejas herege. Se está na internet é porque é verdade.
Responder
#19

Tens razão, nfilipe smile o difícil é fazer vídeos para provar o que nos interessa. É como os outros que criam tópicos a pedir ajuda para escolher a mota que eles já escolheram smile
Responder
#20

O vídeo é dirigido especialmente às Chinesas, o gajo menciona as Italianas e fica tudo aborrecido.

Não vale a pena estarem chateados, é uma caricatura. Muitas Honda e Yamaha são feitas em Itália e algumas BMW são feitas na China.

Só um obcecado é que considera a fiabilidade a propriedade mais importante.

Um martelo de 4€ é mais fiável que um centro de maquinagem de 1M€.
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)