A Indian Motorcycle revela em Milão a sua Scout FTR1200 Custom
#21

Gosto da puta da mota, mas para uma mota deste género 1200cc parece m um bocado para o muuuito pesado. Mas isto sou eu que não percebo nada disto.
Responder
#22

Todas as "Scramblers" da actualidade têm pelo menos 50kg a mais.
Esta em questão, comparada com a Triumph tem um aspecto mais leviano....

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#23

No concessionário da Indian em Lx é só "banheiras".
Responder
#24

(23-11-2017 às 14:26)LoneRider Escreveu:  O motor em V é o ideal para esta mota.

Calculo que sim, mas motores a 2 cilindros só usei o da CB500 e da GS500 que não são grande termo de comparação, nem são em V smile
Tenho curiosidade no torque que um motor desses deve ter

[Imagem: RwtqB8G.gif]
Responder
#25

(23-11-2017 às 14:44)hjjs Escreveu:  No concessionário da Indian em Lx é só "banheiras".

Para ti bastava-me uma Scout em qualquer estrada algarvia pá! devil

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#26

(23-11-2017 às 14:26)LoneRider Escreveu:  O motor em V é o ideal para esta mota.

Desde há muito...

[Imagem: Ed-Kretz-495x392.jpg]

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#27

(23-11-2017 às 14:47)LoneRider Escreveu:  
(23-11-2017 às 14:44)hjjs Escreveu:  No concessionário da Indian em Lx é só "banheiras".

Para ti bastava-me uma Scout em qualquer estrada algarvia pá! devil


Tenho as minhas dúvidas....depende da gramagem da lixa que utilize para tirar a goma aos pneus.

[Imagem: images?q=tbn%3AANd9GcT4XLIkYtQDw11iDiKFM...g&usqp=CAU]


Responder
#28

(23-11-2017 às 14:37)ClaXav Escreveu:  mas para uma mota deste género 1200cc parece m um bocado para o muuuito pesado.

[Imagem: 2018-ducati-scrambler-1100-special-26.jpg]

[Imagem: 2017-BMW-R-nineT-Scrambler-10.jpg]

Não esquecendo que a Indian pega também num motor que já tem no seu catálogo, que por acaso até é o bloco mais pequeno da sua gama.

[Imagem: zX4Kq81.png]

Responder
#29

(23-11-2017 às 15:08)carlos-kb Escreveu:  
(23-11-2017 às 14:26)LoneRider Escreveu:  O motor em V é o ideal para esta mota.

Desde há muito...

[Imagem: Ed-Kretz-495x392.jpg]

A Scout, quando foi lançada (há um século atrás) tinha como objectivo ser a base de competição nos tracks.
Por isso é que, e disseste muito bem, esta configuração já é a escolhida para este tipo de motos à bué tempo. blink
Se bem que a eterna rival fio campeã durante muito tempo com monocilindricos!

I just don't run with the crowd!

www.loneriderendlessroad.com
Responder
#30

(23-11-2017 às 10:42)midnightblack Escreveu:  Na zona onde passa a perna do condutor tem um revestimento.

O pretector desta FTR1200 está muito bem disfarçado!

O que não quer dizer que não aqueça.
Mas certamente que a Indian terá no seu catálogo uma vasta colecção de acessórios para o efeito.
E certamente uma fita térmica por um preço "adequado"!

(23-11-2017 às 11:21)carlos-kb Escreveu:  Da mesma forma que esta Scout FTR1200, a ser moto de produção, não será de todo uma «flat track homologada para estrada», mas sim (como refere o artigo) «está inspirada na Scout FTR750 de competição com a qual a Indian dominou o campeonato Flat Track Series de 2017 nos Estados Unidos», à semelhança das demais scrambler (que com uma génese idêntica) que já proliferam no mercado.

Deixa ver se te entendo...

Não será de todo uma «flat track homologada para estrada».
Mas é inspirada na Scout FTR750 de competição com que dominou o campeonato Flat Track.
Portanto é uma scrambler!  smile

[Imagem: 4ea7e6a9c172f28065ff5730869082c7.jpg]

Esta foto de ambas foi sacado dum artigo muito louco chamado...

The Indian Scout FTR1200 Custom is the Street-Legal Flat Track Bike of Our Dreams

OK... eu percebo que "a olho" isto parece tudo a mesma coisa.
E de certa forma o público alvo não é muito diferente.

A Indian está a ser muito inteligente com esta abordagem.
Cruisers transformadas para correr em pistas ovais de terra é algo que faz parte da cultura em que se insere a marca.

Se o produto for bem sucedido, não me admiro nada que lancem outros numa abordagem mais... europeia, e até lhe chamem de Scrambler!

Mas ou menos o que a Ducati fez.... só que ao contrário.
Pois estes começam com uma linha de produtos inspirada na sua "scrambler" dos anos 60... e que tem derivado em diferentes versões. Nomeadamente uma suposta "flat track" a piscar o olho ao mercado americano!

Só que... fizeram-no de uma forma mediocre!
Pois é a "full throttle" apenas com outros plásticos.

[Imagem: 5cc05d5a61cbdb514f14fa2b2d9a8888.jpg]

Uma verdadeira fraude, pois nada tem a ver com a do Bayliss!

[Imagem: 2015-0524-IL-AMA-FT-Rd3-Springfield-PHOT...ss-21I.jpg]

(23-11-2017 às 14:41)LoneRider Escreveu:  Todas as "Scramblers" da actualidade têm pelo menos 50kg a mais.

Pelo menos 50kg a mais...
Tal como o dobro ou mesmo o triplo da cilindrada.

Se analisarmos bem as coisas, a única moto fiel ao conceito original é prai a van van!  lol
Responder




Utilizadores a ver este tópico: 1 Visitante(s)